WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Artigos sobre a área Criação de Cavalos

Tire suas dúvidas sobre fraturas em equinos

São inúmeras as causas de fraturas em equinos, principalmente quedas quando em competições, lazer ou trabalho. De acordo com a gravidade do episódio, as lesões podem até mesmo fragmentar o osso do cavalo, o que pode levar o equinocultor a sacrificar o animal. Problemas na própria estrutura musculoesquelética do cavalo também podem resultar em microfraturas ou fraturas mais sérias.

Criando potros? Dê ração a eles!

O objetivo de ofertar a ração aos animais ainda jovens é promover o desenvolvimento do potro, o crescimento, e não a engorda. “É muito comum o acréscimo de aveia ou farelo de trigo que são componentes energéticos na dieta de potros. Mas não há necessidade de oferecer o farelo se a ração possuir um balanceamento de aminoácidos (proteínas) vitaminas e minerais adequados”

Estudando cavalos? Aprenda sobre o ciclo mastigatório dos equinos

O sistema mastigatório dos equinos é extremamente complexo, sendo constituído de ossos, músculos, ligamentos e dentes. Os movimentos são regulados por um intrincado mecanismo de controle neurológico, em que cada movimento é coordenado para maximizar a função, ao mesmo tempo em que minimiza danos a quaisquer das estruturas.

Os equídeos são ansiognatas. O que isso significa?

Os equinos são considerados anisiognatas, ou seja, possuem ossos da face desiguais. Os ossos da maxila que fixam os dentes são 23% mais largos que os da maxila. Os dentes inferiores são 30% mais estreitos que os superiores, ou seja, os dentes molares e pré-molares apresentam áreas oclusais também desiguais. Entretanto, suas coroas estão posicionadas de tal maneira que suas superfícies de...

Como prevenir problemas odontológicos em equinos

Prevenir problemas odontológicos em equinos significa investir na boa saúde oral dos animais para garantir a melhor performance da tropa. Nesse contexto, as visitas periódicas do médico veterinário são indispensáveis. Os distúrbios dentários podem causar cólicas no cavalo, além de impactar no comportamento do animal.

Infecção dentária em cavalos: como diagnosticar?

Durante o exame clínico odontológico, a presença de corrimento nasal unilateral, com presença ou não de aumento de volume na maxila, é uma possível indicação de presença de infecção dentária em cavalos, o que pode provocar sinusite. “O diagnóstico pode ser confirmado pela realização do exame da cavidade oral, aliado ao estudo radiológico da região”, afirma Prof. Dr. Luiz...

Vacinação de potros: o que saber sobre isso?

Você cria cavalos e precisa saber sobre vacinação em potros? Então vamos às devidas explicações: “O calendário de vacinação contra as enfermidades obedece a períodos específicos da gestação da égua. A dose das vacinas em equinos já vem pré-estabelecida para garantir a produção de anticorpos pela mãe e não é calculada de acordo com o peso, porte ou tamanho das matrizes,...

É necessário dar vacina antirrábica aos meus potros?

Em áreas endêmicas é necessário que éguas prenhas recebam a vacinação antirrábica, já que o morcego hematófago é um vetor que transmite a raiva no meio rural. A vacina antirrábica para éguas prenhes é aplicada em dose anual. "No caso dos potros, a 1ª dose deve ser dada na desmama e o reforço é dado 30 dias depois a data de aplicação da primeira dose", afirma Prof.ª Fabiana...

Endoparasitoses em potros: como controlar?

Os parasitas internos possuem um ciclo que depende do hospedeiro, já que se desenvolvem em alguns locais específicos do corpo, com maior frequência no trato gastrointestinal. “O ideal é realizar a coleta de fezes, fazer o exame parasitológico e verificar se o animal está com nível de infestação no limite ou acima do índice determinado para equídeos adultos”, afirma Prof.ª Fabiana...

Potros desenvolvidos e saudáveis? Dê suplemento a eles!

O creep-feeding é um método de alimentação que prevê a utilização de cochos individuais para cada égua e o seu potro, dentro do piquete maternidade. O cocho deve ser posicionado em uma altura que permita o acesso do potro. É destinado somente para fornecer suplementação balanceada.

Fique por dentro das novidades!