WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Orelha errada

 

 

Sô Zezé, lá da “Derrubada”, zona rural de Porto Firme, sempre ia à cidade, de charrete, fazer compras. Certa vez, quando voltava para casa, à noitinha, resolveu visitar o compadre Toni Ventura, que morava na beira da estrada. Sentaram-se, no banco da sala, e conversaram sob a luz do lampião. De repente, o compadre Toni pegou o lampião e saiu para dar água ao cavalo da charrete, deixando Sô Zezé sozinho no escuro.

A mulher veio da cozinha e, pensando ser o marido, pegou o Sô Zezé pela orelha e disse:

- Vê se não insiste para que ele fique pro jantar, viu!

 

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!