Atendimento Online

    / / Como combater a ferrugem da jabuticaba
    Notícias sobre diversas áreas do conhecimento

    Como combater a ferrugem da jabuticaba

    Doença pode causar a perda dos frutos e até a morte da planta

    Gostou? Envie a um amigo
    Tamanho da letra Diminuir Aumentar

     

    As jabuticabeiras podem ser tratadas com fungicidas naturais. Foto: Deviantart.

    Nesta época do ano, as jabuticabeiras estão carregadas. A árvore é bonita, destaca-se pelas inúmeras bolinhas pretas no tronco e espalhadas pelo chão ao redor. Em um pomar ou no quintal das casas, ela chama a atenção. Já as frutas atraem pelo sabor adocicado e marcante. Mas, se existe uma coisa que pode acabar com toda essa beleza é a ferrugem.

    A ferrugem é uma doença comum, provocada pelo fungo Puccinia psidii. Ela também pode contaminar outras plantas além da jabuticabeira. Nesta, ela compromete bastante a qualidade das frutas, espalhando-se pelas folhas, pelos botões e ramos, formando manchas escuras, cobertas com um pó amarelado. Acontece principalmente nessa época, por causa do clima frio e úmido.

    Para combater a ferrugem, é possível fazer soluções caseiras, já que não existem fungicidas registrados e disponíveis no mercado para combater a doença. Uma das soluções é pulverizar um pouco de enxofre diluído em água durante o desenvolvimento dos frutos. A aplicação pode ser feita todos os dias, até que as manchas desapareçam.

    Além disso, é possível fazer uma calda bordalesa. Coloca-se 100g de sulfato de cobre em um saquinho de pano, que é deixado de molho em cinco litros de água morna por 24 horas. Em seguida, é adicionado 100g de cal virgem e outros cinco litros de água morna. A solução pode ser aplicada com um pulverizador.

    No entanto, antes de aplicar os fungicidas naturais, é melhor cuidar para que os fungos sequer apareçam. Portanto, realize podas periódicas, retirando os ramos em excesso e os que estejam com os primeiros sinais da doença. Não deixe faltar água mas, também, não permita que a planta fique encharcada. A jabuticabeira também precisa de muita luz e ventilação.

    Por: Maria Clara Corsino.

     


    AVISO LEGAL

    Este conteúdo pode ser publicado livremente, no todo ou em parte, em qualquer mídia, eletrônica ou impressa, desde que contenha um link remetendo para o site www.cpt.com.br.

    Cursos Relacionados

    Curso Como Tornar sua Fazenda Orgânica

    Curso Como Tornar sua Fazenda Orgânica

    R$ 258,00 à vista ou em até 10x de R$ 25,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5412

    Saiba Mais

    Curso Produção de Palmito de Açaí

    Curso Produção de Palmito de Açaí

    R$ 258,00 à vista ou em até 10x de R$ 25,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5135

    Saiba Mais

    Curso Produção de Mudas Frutíferas

    Curso Produção de Mudas Frutíferas

    R$ 258,00 à vista ou em até 10x de R$ 25,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5148

    Saiba Mais

    Curso Agricultura Natural

    Curso Agricultura Natural

    R$ 258,00 à vista ou em até 10x de R$ 25,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5485

    Saiba Mais

    Curso Produção de Maracujá

    Curso Produção de Maracujá

    R$ 258,00 à vista ou em até 10x de R$ 25,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5445

    Saiba Mais

    Curso Produção de Limão Taiti

    Curso Produção de Limão Taiti

    R$ 258,00 à vista ou em até 10x de R$ 25,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5058

    Saiba Mais

    Curso Produção de Banana

    Curso Produção de Banana

    R$ 258,00 à vista ou em até 10x de R$ 25,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5045

    Saiba Mais

    Curso Produção de Mamão

    Curso Produção de Mamão

    R$ 258,00 à vista ou em até 10x de R$ 25,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5042

    Saiba Mais

    Curso Produção Comercial de Frutas em Pequenas Áreas

    Curso Produção Comercial de Frutas em Pequenas Áreas

    R$ 258,00 à vista ou em até 10x de R$ 25,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5137

    Saiba Mais



    Deixe seu comentário

    Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

    O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

    Comentários

    Terezinha Adão
    18-09-2014

    Olá! Já está florida a minha jabuticabeira. Fiz como aprendi no site, comprei a cal, e apliquei no solo. Ela está linda e vai produzir muitas jabuticabas. Obrigada, por essas dicas. Valeu!

    Resposta do Portal Cursos CPT
    19-09-2014

    Olá, Terezinha!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Ficamos felizes que o conteúdo do site tenha lhe ajudado.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

     

    antonio carlos de souza gonçalves
    16-09-2014

    Olá, eu agradeço muito estas informações recebidas agora pelo CPT, para mim é de grande valia, e sempre que houver possibilidade de mais informações, eu aceitarei de bom grado, pois tenho um sítio, e estou tentando explorá-lo o máximo que posso. Parte do que produzo, doo a duas obras que acolhem dependentes químicos, mães solteira com filhos recém-nascidos e portadores do vírus HIV. Acho que é o mínimo que tenho que fazer. Muito obrigado mesmo pela informação recebida do curso de Capacitação Profissional a Distância.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    16-09-2014

    Olá, Antônio Carlos!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Ficamos felizes que podemos lhe ajudar e para mais informações cadastramos seu e-mail para receber nosso boletim informativo.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    sandro
    15-09-2014

    Olá, bom dia gostaria de saber por que os frutos da minha jabuticabeira, ficam murchos ainda verdes? obrigado

    Resposta do Portal Cursos CPT
    15-09-2014

    Olá, Sandro!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Para mais informações sobre o que pode estar acometendo sua jabuticabeira, recomendamos que especialista em sua região para mais informações.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    antonio carlos de souza gonçalves
    08-09-2014

    Gostei muito da informação, me foi muito útil. Obrigado mesmo.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    09-09-2014

    Olá, Antônio Carlos!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Ficamos felizes que a matéria sobre ferrugem da jabuticaba tenha lhe auxiliado.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    elietesouzaalves
    05-09-2014

    Como devo cuidar do cambuci? Quanto tempo leva para dar frutos?

    Resposta do Portal Cursos CPT
    08-09-2014

    Olá, Eliete!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    O cambuci é um fruto arredondado, com cerca de oito centímetros de diâmetro, polpa carnosa, fibrosa e com poucas sementes, o fruto tem um perfume intenso e adocicado. A casca verde, com tons em amarelo, é adstringente. Apesar de o sabor ser um pouco ácido, quase como o limão, ele também pode ser consumido in natura. Os pássaros são os que mais apreciam a fruta fresca, além de ter a nobre função de disseminar a fruteira.

    O cambuci é bom mesmo para o preparo de sucos, geléias, doces em calda e ainda serve para aromatizar sorvetes. Também pode entrar como componente de bebidas alcoólicas, como licores e em infusão em cachaça, um uso que já era adotado pelos colonizadores, séculos atrás.

    A árvore tem crescimento moderado e começa a florescer entre agosto e novembro. Alcança de três a cinco metros de altura, e tronco com diâmetro de 20 a 30 centímetros. A frutificação desponta durante os meses de janeiro e fevereiro. O cambucizeiro gosta de um pouco de frio e de solo com boa adubação, mas se dá bem em qualquer tipo de terreno. É apropriado para áreas de reflorestamento, para recuperação de terrenos degradados e também para a arborização de ruas, praças e jardins.

    Início - a propagação da árvore se dá por meio de sementes, que são germinadas em sementeiras. Quando atingem de 20 a 25 centímetros de altura, é hora de passá-las para um saquinho. Transplante somente o torrão para o local definitivo, assim que as mudas chegarem a 50 centímetros.

    Plantio - o cultivo do cambucizeiro é recomendado em solo com equilíbrio hídrico, ou seja, nem muito seco, nem muito úmido. Antes, porém, o terreno deve ser preparado com aradura e gradagem. Faça o plantio de exemplares isolados ou em blocos somente com a espécie. O sombreamento de outras árvores provocam danos no desenvolvimento e produtividade da planta.

    Adubação - nas covas, a adubação inicial pode variar entre cinco e dez quilos de esterco curtido. Adicione também de 50 a 100 gramas de superfosfato. A cada ano, aplique por planta outros dez quilos de esterco curtido. Pode-se também juntar 250 gramas por cova de NPK 20-00-20, divididas em duas ou três aplicações, durante o período quente e chuvoso, nos três primeiros anos do pomar.

    Espaçamento - as medidas indicadas são de 5 x 5 metros, entre plantas e fileiras. Para as covas, deixe 50 x 50 x 50 centímetros.

    Tratos - durante o crescimento da planta, o terreno deve ser roçado e as coroas, capinadas. Para o bom desenvolvimento da árvore, são necessárias as podas de formação e a de limpeza. Elas permitem o arejamento da copa, além de garantir a estrutura dos ramos para aguentar o peso dos frutos.

    Ambiente - o clima subtropical fresco é o melhor para a adaptação do cambucizeiro. A árvore também aprecia um pouco de frio e regas.

    Produção - o cambuci está pronto para ser colhido no verão, em especial durante os meses de janeiro e fevereiro. É bom apanhar a fruta logo que amadurece, pois cai facilmente do pé, sujeita a rachaduras na casca. Como o cambuci nem sempre torna-se amarelo, aperte-o levemente ainda verde. Se estiver macio, é hora da colheita.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    aparec ido leal
    23-08-2014

    Obrigado pela informação sobre a ferrugem das jabuticabeiras. Foi importante, pois, é uma fruta importante para o consumo. obrigado

    Resposta do Portal Cursos CPT
    25-08-2014

    Olá, Aparecido!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Ficamos felizes que a matéria sobre como Combater o ferrugem da jabuticaba tenha lhe auxiliado.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Mara Porto
    30-07-2014

    Minha jabuticabeira tem uns 20 anos e na época dos frutos se enche de pequenos insetos e fica com os frutos, folhas e tronco cheios de um líquido brilhante e pegajoso (apenas na época dos frutos). Isso pode ser cochonilha? Se for, como trato a jabuticabeira, já que ela é bastante grande e alta?
    Obrigada

    Resposta do Portal Cursos CPT
    31-07-2014

    Olá, Mara!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    As cochonilhas são as principais pragas que atacam os citros e devem ser tratados com todo o cuidado. Elas atacam os frutos e os danificam tanto em quantidade, como em qualidade.

    Elas atacam, indiretamente, ainda, as folhas, os caules, os ramos e as raízes. Esse danos são indiretos porque essas partes da planta são enfraquecidas ou aniquiladas, dependentemente do clima e da infestação.

    Para mais informações e confirmação se é realmente esta praga que esta atacando sua jabuticabeira recomendamos que consulte um especialista para mais informações.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Carlos Roberto Lopes
    23-05-2014

    Tenho uma jabuticabeira, de um ano para cá apresentou um fungo na parte de cima da copa, ataca os galhos e folhas, acho que é ferrugem, porém as características acima informadas não condizem com tudo que apresenta a minha arvore, que é de pequeno porte, e mesmo assim ainda dá muitos frutos, pois tenho adubado sempre.
    O que apresenta parece ferrugem, porém ele seca os galhos menores e a também as folhas, caem muito, atualmente está bem debilitada. Já pulverizei alguns produtos naturais, ela melhora mas depois volta a apresentar.
    Tem vários pássaros que vem ao meu jardim para saborear das jabuticabas.
    Tenho procurado aqui no mercado algum remédio para aplicar, porém a resposta que tenho é que são vendidos em grandes quantidades e são prejudiciais a saúde.
    Gostaria de receber mais informações como tratar a Jabuticabeira.
    Obrigado

    Roberto

    Resposta do Portal Cursos CPT
    26-05-2014

    Olá, Carlos Roberto!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Provocada por um fungo que se espalha por todas as partes da árvore, a ferrugem é a doença mais grave que ataca as jabuticabeiras.

    A ferrugem é uma doença que ataca as jabuticabeiras e é provocada pelo fungo Puccinia psidii. Afeta folhas, botões, frutos e ramos, formando manchas necróticas circulares com a presença de um pó amarelo vivo. Ocorre principalmente em períodos de baixas temperaturas e alta umidade do ar. Não existem fungicidas registrados para o combate da doença, mas indica-se a aplicação de enxofre em pó molhável, que controla a ferrugem e é pouco tóxico, durante o desenvolvimento dos frutos.

    Pode-se pulverizar também com calda bordalesa, elaborada com 100 gramas de sulfato de cobre dentro de um saco de pano e colocado de molho em 5 litros de água morna. Após 24 horas, junte o material a uma solução de 100 gramas de cal virgem com 5 litros de água e misture bem. Em seguida, coe e despeje em um pulverizador para aplicar na planta.

    Outras medidas que podem ser adotadas são: realizar uma poda de limpeza, retirando os ramos em excesso, os doentes, os quebrados e os mal posicionados, a fim de arejar e aumentar a insolação interna da copa; não deixar faltar água nas plantas; e adubar as jabuticabeiras com esterco de curral curtido.

    É bom ficar atento em caso de surgir um pó amarelo, sobretudo na primavera, quando as temperaturas são mais baixas e há muita umidade no ar.

    O desenvolvimento das jabuticabas também pode ser prejudicado, segundo especialistas, por pragas, como pulgão, cochonilhas e mosca-da-fruta. Por isso, recomendamos que procure um especialista para mais informações de como proceder.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Ary Luiz Schmitz
    19-02-2014

    Moro no quarto andar. A área é bem arejada e clara. Tenho uma jabuticabeira que floresce e não produz frutos. Ela ,está com uma "doença" que não consigo eliminar. Nas pontas dos galhos surge umas bolinhas grudadas e soltam um liquido pegajoso fazendo com que o galho seque. Esse liquido pinga em outros galhos. Gostaria que me informassem como devo proceder. Antecipadamente agradeço.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    25-02-2014

    Olá, Ary!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Sua jabuticaba pode estar sendo acometida por conchonilhas, para mais informações recomendamos que procure um especialista em frutíferas.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Cícero Lúcio Martins
    16-02-2014

    Tenho dois pés de jabuticaba mas as frutas está com ferrugem. estou molhando, podando as árvores mais próximas para ventilar um pouco será que resolve.

    Cícero

    Resposta do Portal Cursos CPT
    17-02-2014

    Olá, Cícero!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Agradecmeos sua visita e comentário em nosso site.

    A ferrugem é uma doença comum, provocada pelo fungo Puccinia psidii. Ela também pode contaminar outras plantas além da jabuticabeira. Nesta, ela compromete bastante a qualidade das frutas, espalhando-se pelas folhas, pelos botões e ramos, formando manchas escuras, cobertas com um pó amarelado. Acontece principalmente nessa época, por causa do clima frio e úmido.

    Para combater a ferrugem, é possível fazer soluções caseiras, já que não existem fungicidas registrados e disponíveis no mercado para combater a doença. Uma das soluções é pulverizar um pouco de enxofre diluído em água durante o desenvolvimento dos frutos. A aplicação pode ser feita todos os dias, até que as manchas desapareçam.

    Além disso, é possível fazer uma calda bordalesa. Coloca-se 100g de sulfato de cobre em um saquinho de pano, que é deixado de molho em cinco litros de água morna por 24 horas. Em seguida, é adicionado 100g de cal virgem e outros cinco litros de água morna. A solução pode ser aplicada com um pulverizador.

    No entanto, antes de aplicar os fungicidas naturais, é melhor cuidar para que os fungos sequer apareçam. Portanto, realize podas periódicas, retirando os ramos em excesso e os que estejam com os primeiros sinais da doença. Não deixe faltar água mas, também, não permita que a planta fique encharcada. A jabuticabeira também precisa de muita luz e ventilação.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    jeferson
    19-01-2014

    Olá
    Tenho um jabuticabeira(adulta 30anos),sempre deu frutos grandes, nesse ano que passou deu frutos pequenos, agora estou notando que as folhas estão ficando marrom e secando. O que pode ser, aguardo retorno.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    24-01-2014

    Olá, Jeferson!

    Agradecemos sua visita e comentário em nossos site.

    Recomendamos que procure um ténico especializado para uma correta análise e diagnóstico de sua jabuticabeira.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    marcos ramasco
    03-01-2014

    Gostaria de saber se poderia podar totalmente minha jabuticabeira pois esta com muita ferrugem, aguardo uma resposta obrigado

    Resposta do Portal Cursos CPT
    20-01-2014

    Olá, Marcos!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Não há necessidade de podar totalmente a sua jabuticabeira. Para tratar a ferrugem, é recomendável apenas a poda de limpeza que melhora a ventilação e a insolação internas.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    jose alves sobrinho
    27-12-2013

    Quero agradecer sobre como fazer a cada bordalesa. Vou aplicar em minha mexerica muito abrigado.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    20-01-2014

    Olá, José Alves!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    antonio cezar
    18-11-2013

    Gostaria de saber se uma muda da raiz e considerado enxerto ou e uma planta normal e vai demorar anos para dar fruto obrigado

    Resposta do Portal Cursos CPT
    19-11-2013

    Olá, Antônio Cézar!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    A muda que fica localizada na junção da raíz é considerada enxerto.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    jezreel
    12-11-2013

    Os meus pés te jabuticaba estão plantados e os 5 pés estão juntos quando eles estiverem grandes tem o risco de não dar frutos

    Resposta do Portal Cursos CPT
    13-11-2013

    Olá, Jezreel!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Para o plantio da jabuticaba, os solos devem ser férteis e profundos. Também é indicado que tenham boa umidade, em especial na época da floração e frutificação. Os espaçamentos podem variar de 7 x 7, 7 x 8 e 8 x 8 metros em pomares comerciais. Quando o cultivo ocorrer em quintais, chácaras ou mesmo em locais com área restrita, as medidas podem ser diminuídas para 5 x 5 ou 6 x 6 metros.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    jorge luiz raposo braga
    01-11-2013

    As duas jabuticabeiras de casa estão cheias de ferrugem. Os frutos estão pequenos e amarelados. A produção caiu muito nos dois últimos anos. A pulverização é feita direto sobre os frutos? pode também passar cal no tronco? Existe um período e tempo para a pulverização? pode ser feito todo o ano ou no período da floração e frutificação? Como fazer a poda?
    abços.
    Jorge

    Resposta do Portal Cursos CPT
    06-11-2013

    Olá, Jorge Luiz!

    Agradecmeos sua visita e comentário em nosso site.

    A ferrugem é uma doença comum, provocada pelo fungo Puccinia psidii. Ela também pode contaminar outras plantas além da jabuticabeira. Nesta, ela compromete bastante a qualidade das frutas, espalhando-se pelas folhas, pelos botões e ramos, formando manchas escuras, cobertas com um pó amarelado. Acontece principalmente nessa época, por causa do clima frio e úmido.

    Para combater a ferrugem, é possível fazer soluções caseiras, já que não existem fungicidas registrados e disponíveis no mercado para combater a doença. Uma das soluções é pulverizar um pouco de enxofre diluído em água durante o desenvolvimento dos frutos. A aplicação pode ser feita todos os dias, até que as manchas desapareçam.

    Além disso, é possível fazer uma calda bordalesa. Coloca-se 100g de sulfato de cobre em um saquinho de pano, que é deixado de molho em cinco litros de água morna por 24 horas. Em seguida, é adicionado 100g de cal virgem e outros cinco litros de água morna. A solução pode ser aplicada com um pulverizador.

    No entanto, antes de aplicar os fungicidas naturais, é melhor cuidar para que os fungos sequer apareçam. Portanto, realize podas periódicas, retirando os ramos em excesso e os que estejam com os primeiros sinais da doença. Não deixe faltar água mas, também, não permita que a planta fique encharcada. A jabuticabeira também precisa de muita luz e ventilação.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    TEREZINHA ADÃO apelido TUKA
    30-10-2013

    Olá gostei das dicas minha Jabuticabeira. Esse ano, tá linda carregada mas toda amarela de ferrugem. Perdemos ela esse ano. Mas agora vou cuida-la pra que o ano que vem não tenha mais, essa praga. Tenho laranja, acerola e pitanga. Espero que não contamine elas também. Obrigada pela dicas. BOM DIA..!!

    Resposta do Portal Cursos CPT
    30-10-2013

    Olá, Terezinha!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Estamos torcendo para que ano sua jabuticabeira esteja linda.

    Qualquer dúvida estamos a disposição.

    Atenciosamente,

    Ana carolina dos Santos

    Nilva aparecida de morais
    29-10-2013

    Vou experimentar esta solução caseira, pois minha jabuticabeira esta com muita ferrugem, nunca deu , mas este ano deu ferrugem,

    Resposta do Portal Cursos CPT
    30-10-2013

    Olá, Nilva!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Esperamos que esta solução acabe com a ferrugem da sua jabuticabeira.

    Qualquer dúvida estamos à disposição.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Tereza Giusti
    28-10-2013

    Vou tentar salvar meu pé de jabuticabeira fazendo este tratamento. Obrigada


    Resposta do Portal Cursos CPT
    29-10-2013

    Olá, Tereza!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Esperamos que dê certo em sua jabuticabeira. Qualquer dúvida estamos em disposição.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    theophilo brocatto fiflho
    26-10-2013

    Posso degustar a fruta mesmo depois de pulverizar com enxofre, ou não?

    Resposta do Portal Cursos CPT
    28-10-2013

    Olá, Theophilo!

    Agradecemos sua vsita e comentário em nosso site.

    Nestes casos, deve-se pulverizar com fungicida apropriado na fase do chumbinho, para a próxima ''safra'' (não consumir as frutas pulverizadas). Entretanto, a ferrugem não é prejudicial para nós e a fruta pode ser consumida sem problemas.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    amoacir carlos rosa
    14-10-2013

    não entendi, arvore encharcada, é para deixar encharcada ou não.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    15-10-2013

    Olá, Amoacir!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    O artigo diz que você não deve deixar de molhar a plantar mas que ao fazer isto você não pode molhar a mesma até encharcar.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Helio Martins Filho
    14-10-2013

    Tenho um pé de jabuticaba no meu quintal, mas quando os frutos começam a madurar aparecem pequenos furos na fruta e logo em seguida elas murcham.
    O que devo fazer para acabar com isso.

    Noto que quando estão secas eu vi um pequeno besouro saindo de dentro da fruta, bem pequeno.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    16-10-2013

    Olá, Hélio!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Para mais informações recomendamos que procure um técnico para um correto dianóstico e manejo de sua jabuticaba.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    isabel
    06-10-2013

    Boa noite , gostaria de saber se posso jogar este fungicida caseiro com o fruto já grande. E se faço todo dia. Pois minha arvore está cheia de jabuticaba toda com este fungo. E ainda tem flor nascendo. Obrigada.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    07-10-2013

    Olá, Isabel!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Para mais informações sobre a aplicação do fungicida recomendamos que procure um técnico especializado em sua cidade ou região.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Cesar M Guirao
    09-09-2013

    Boa tarde,

    gostaria de uma informação sobre uma possível doença que afeta uma jabuticabeira, ou seja, trata-se de uma planta adulta já em produção, porem, percebi que em alguns meses os galhos ao redor da copa da árvore estão secando continuamente, não deixamos faltar água e nutrientes.
    Favor nos esclarecer o ocorrido.


    Obrigado

    Resposta do Portal Cursos CPT
    10-09-2013

    Olá, César!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Recomendamos que procure um agrônomo em sua cidade ou região para mais informações sobre um correto tratamento e manejo.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Maria Natal Soares da Silva
    20-07-2013

    Eu gostaria de saber o que fazer para acabar com os pulgão branco ou preto que da na jabuticabeira que envolve os frutos quando estão no tamanho médio.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    22-07-2013

    Olá, Maria!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Você pode fazer aplicação de inseticidas de baixa toxicidade (malatiom, piretrinas) específicos para uso em plantas ornamentais. Outra estratégia de combate eficiente é a pulverização de extratos vegetais naturais, como a calda de fumo (ver receita abaixo).

    Outras soluções simples para acabar com os pulgões são:

    • A pulverização de água com sabão de coco, ou de um chá frio obtido com 700g de folhas de ruibarbo (Rheum sp) cozido por 10 minutos em um litro de água.
    • O macerado curtido de urtiga, o macerado de fumo, o extrato de piretro ou de cinamomo, ou ainda infusões de alamanda ou de arruda.
    • As joaninhas e as larvas de moscas da família Syrphidae são os principais predadores dos pulgões.
    • Uma forma de afugentá-los do jardim é plantando capuchinho (Tropaeoloum majus) nas proximidades dos canteiros.

    Por fim, vale lembrar que ter plantas saudáveis passa também pela realização constante de podas de limpeza, pela utilização de substratos livres de pragas, e por limpezas manuais periódicas, com um chumaço de algodão umedecido com água e sabão neutro.

    Receita de calda de fumo caseira
    Fórmula é indicada para uso em pequenas áreas para controle de pulgões
    Ingredientes:
    250 g de fumo de corda
    100 ml de álcool hidratado (comum)
    1 litro de água fervente

    Modo de preparo:
    Pique o fumo de corda e coloque-o numa vasilha com tampa. Acrescente a água fervente e tampe, deixando a mistura em repouso por 24 horas. Depois disso, agite o conteúdo e filtre-o em pano fino espremendo bem para retirar o máximo de extrato. Acrescente o álcool, que servirá de conservante para a solução. Guarde-a em um frasco escuro. Para o tratamento das plantas infestadas, dilua 100 ml da solução de fumo em 1 litro de água. Acrescente dez gotas de detergente caseiro (para quebrar a tensão superficial da água) e pulverize sobre as plantas. Repita a aplicação quando necessário.

    (Fonte: Ricardo San Bonsai)

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Marilda Mendes
    09-07-2013

    Muito obrigada pela atenção. Comprei um pequeno sitio que tem 10 pés de jabuticaba,por isto suas instruções são muito úteis. Estarei seguindo tudo que publicarem.mais uma vez,obrigada.Marilda Mendes.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    10-07-2013

    Olá, Marilda!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Marilda Mendes
    08-07-2013

    Adorei as respostas para mim vão ser de muito proveito.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    09-07-2013

    Olá, Marilda!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    ORLANITO A SOARES
    17-06-2013

    GOSTEI MUITO DA DICA SOBRE A DOENÇA DA FERRUGEM
    NAS FOLHAR

    EU GOSTARIA DE SABER SOBRE A DOENÇA QUE DA NA MINHA JABUTICABEIRA . A DOENÇA DA NA PRÓPRIA FRUTA DA JABUTICABEIRA.
    QUANDO ELA VAI FICANDO MADURA ELA APODRECE O FRUTO ANTES DE MADURAR FICANDO ASSIM SEM APROVEITAR DA FRUTA.
    EU GOSTARIA DE SABER O QUE EU POSSO FAZER NESTA SITUAÇÃO.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    17-06-2013

    Olá, Orlanito!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Para um correto diagnóstico e manejo da jabuticabeira recomendamos que procure um especialista em sua cidade ou região para mais informações.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    MARCELO MOREIRA
    21-04-2013

    Por gentileza, meu pai tem um pé de jabuticaba a 1 ano porém quando da os frutos ela racha antes do ponto de colher " ......desde já obrigado pela atenção .....

    Resposta do Portal Cursos CPT
    30-04-2013

    Olá, Marcelo!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Essas rachaduras podem estar associadas à falta de potássio (casca fina) ou quando plantas passam por um alto estresse hídrico (quando iniciam-se as chuvas, os frutos que estão "murchos" são preenchidos por água em excesso, podendo rachar).

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    ALDERICO bRUGNEROTTO
    13-03-2013

    Gostaria de saber, se após feito esta mistura de enxofre com cal. pode-se guardar por quanto tempo? E se o saquinho feito com enxofre só se usa a calda que sai do saquinho ou se tira o resto do saquinho e se mistura com o cal, no fundo do saquinho fica o enxofre empedrado. Por isto a dúvida.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    22-03-2013

    Olá, Aldercico!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    A calda sulfocálcica deve ser feita e armazenada da seguinte forma:

    2 kg de enxofre em pó, pecuário ou ventilado, 1 kg de cal virgem e 10 L de água. Em uma lata de 20 L colocam-se aos poucos 10 L de água na cal virgem. Essa suspensão de cal deve ser levada ao fogo e, no início da fervura, coloca-se o enxofre e mistura-se durante 1 hora, mantendo a fervura. Deve-se acrescentar água quente para manter o volume da suspensão que, ao final de 1 hora de fervura, estará grossa. Depois que esfriar, a calda deve ser coada em pano dobrado, antes de ser utilizada.

    A calda pode ser armazenada por 60 dias em recipientes de plástico ou de vidro, tampados e completamente cheios.

    A calda sulfocálcica é altamente alcalina e corrosiva, danificando recipientes de metal, roupas e a pele. Por essa razão, é preciso usar os equipamentos de proteção individual e lavar muito bem os recipientes e as mãos com solução de uma parte de vinagre ou limão para 10 L de água, depois da utilização. Deve-se tomar muito cuidado com os olhos.

    Atencisoamente,

    Ana Carolina dos Santos


    Mais Notícias sobre diversas áreas do conhecimento




    O CPT liga para você!





    Exemplo: 31 38997000