Atendimento Online

    Invista seu 13º Salário em Qualificação Profissional
    / / / Nascentes - importância, processo de recuperação e conservação da água
    Artigos que abordam as diversas áreas do conhecimento

    Nascentes - importância, processo de recuperação e conservação da água

    A água é apontada como um recurso natural de altíssimo valor econômico, estratégico e social, já que todos os setores de atividade humana necessitam dela para desempenhar suas funções

    Gostou? Envie a um amigo
    Tamanho da letra Diminuir Aumentar

    nascentes

    As nascentes são fontes de água valorosas para a humanidade

    Tendo em vista a vital importância da água de boa qualidade e a possibilidade de ocorrer a sua escassez em várias regiões do planeta, num futuro bem mais próximo do que muitos imaginam, esse problema tornou-se uma das maiores preocupações de especialistas e autoridades no assunto.

    As bacias, principalmente as de cabeceiras, devem ser tratadas como algo de mais importante que existe em uma propriedade, pois são elas as responsáveis pela existência das nascentes que, por sua vez, são fontes de água valorosas para a humanidade.

    Uma nascente, também conhecidas como olho d’água, mina d’água, fio d’água, cabeceira e fonte, nada mais é que o aparecimento, na superfície do terreno, de um lençol subterrâneo, dando origem a cursos d’água. As nascentes são fontes de água que surgem em determinados locais da superfície do solo e são facilmente encontradas no meio rural. Elas correspondem ao local onde se inicia um curso de água (rio, ribeirão, córrego), seja grande ou pequeno. As nascentes (ou mananciais) se formam quando o aquífero atinge a superfície e, consequentemente, a água armazenada no subsolo jorra (mina) na superfície do solo.

    “Além disso, atualmente, a água está sendo apontada como um recurso natural de altíssimo valor econômico, estratégico e social, tendo em vista que todos os setores de atividade humana necessitam fazer uso da água para desempenhar suas funções, afirma o professor Paulo Santana Castro, do curso Recuperação e Conservação de Nascentes, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas.

    As estratégias de preservação das nascentes devem englobar pontos básicos como: controle da erosão do solo por meio de estruturas físicas e barreiras vegetais de contenção, minimização de contaminação química e biológica, e evitar, ao máximo, as perdas de água através da transpiração das plantas.

    Visando frear o desperdício e a degradação da água, em todas as partes do mundo, diversos órgãos (governamentais e não governamentais) têm se empenhado em criar meios para despertar uma consciência de uso racional da água bem como da preservação dos seus mananciais.

    Em todas as atividades realizadas pelo homem, a falta da água terá consequências indesejáveis. Mas na agropecuária em especial, em que a água é requerida em todo tipo de empreendimento, o resultado será ainda mais danoso à humanidade, tendo em vista que se trata da atividade responsável pela produção de alimentos.

    nascentes

    Uma nascente é o aparecimento, na superfície do terreno, de um lençol subterrâneo

    As principais causas da degradação que vêm ocorrendo nas bacias de cabeceira são as seguintes:
    a) Corte intensivo das florestas nativas: o desmatamento ocorre, basicamente, em função da busca por maiores produções por meio da expansão das áreas produtivas.

    b) Queimadas: após o desmatamento, quase sempre, faz-se uma queimada para eliminar restos da floresta (cipós, tocos, galhos e restos das copas das árvores). As queimadas são extremamente nocivas aos solos, pois elas destroem a matéria orgânica da camada superficial do solo, eliminam os microrganismos (decompositores) benéficos do solo que atuam na decomposição de restos de plantas e animais e dificultam a infiltração da água da chuva devido à facilidade com que ocorre o escoamento superficial.

    c) Pastoreio intensivo: a criação extensiva de animais em áreas de cabeceiras é uma das formas mais graves de agressão aos mananciais. Isso, porque, na maioria das vezes, as áreas das bacias de cabeceira são subdivididas em pequenas propriedades, nas quais as partes utilizadas como pastos, recebem um número excessivo de animais.

    d) Mau planejamento na construção de estradas: a maioria das estradas construídas nas áreas de encosta não passou por um planejamento adequado, visando à proteção das nascentes.

    e) Loteamentos em locais impróprios: O crescimento desordenado, sem um planejamento adequado, faz com que, nas periferias, aglomere-se um grande número de pessoas. Desses aglomerados, decorre a compactação do solo, a erosão e o assoreamento dos cursos d’água.

    f) Reflorestamento: Essa é uma operação que nem sempre surte o efeito desejado, quando o objetivo é fazer a recuperação e a conservação das nascentes. Deve ser muito bem planejado, orientado e executado por um especialista no assunto antes de o projeto ser executado.

    Assim, todo e qualquer planejamento, no sentido de conservar ou recuperar uma nascente, tem como princípio básico criar condições favoráveis no solo para que a água de uma chuva possa infiltrar ao máximo e abastecer uma ou mais nascentes que se encontrem associadas a ele.

    O processo de recuperação e conservação das nascentes consiste, basicamente, em três fundamentos básicos, ou seja, proteção da superfície do solo, criação de condições favoráveis à infiltração da água no solo e a redução da taxa de evapotranspiração.

    nascentes

    As nascentes, que fluem uniformemente durante o ano, devem ser protegidas contra qualquer agente externo que venha a romper o equilíbrio vigente, diminuindo a quantidade e a qualidade da água

    Técnicas vegetativas aplicadas à conservação de nascentes
    1) As nascentes que fluem uniformemente durante o ano, independente de seu entorno estar ou não coberto de vegetação, devem ser protegidas contra qualquer agente externo que venha a romper o equilíbrio vigente, diminuindo a quantidade e a qualidade da água.

    2) As nascentes que apresentam vazões irregulares, tanto em escala diária, mensal ou anual, necessitam da interferência do homem com o objetivo de conservar e aumentar a produção de água, por meio do aumento da infiltração e da diminuição da evapotranspiração ou, sempre que possível, pela combinação das duas.

    3) Escolha de espécies, espaçamentos e sistemas de manejo capazes de produzirem a menor perda possível por evapotranspiração, favorecendo, assim, o abastecimento do lençol freático responsável pela nascente.

    4) Melhoria do estado vegetativo das pastagens, por técnicas como rodízio, adubação e substituição de espécies forrageiras, adoção de sistemas silvipastoris, procurando sempre aumentar infiltração de água no solo.

    5) Uso de técnicas de manejo dos cultivos agrícolas que protejam bem o solo, tais como: manutenção de vegetação de cobertura entre fileiras da plantação, capina em faixas, bateção entre fileiras da plantação, plantios diretos, plantios em faixas intercaladas e plantações sempre em nível, com ação principal no aumento da infiltração.

    6) Uso de renques de vegetação permanente, em nível, servindo de barreiras à livre movimentação da água ao longo da superfície da encosta, facilitando a infiltração. A espécie usada não deve ser invasora.

    Recuperação e conservação de nascentes que secaram totalmente
    Na verdade, o que leva uma nascente a secar não é o desmatamento, mas a diminuição da capacidade do solo em infiltrar a água da chuva através da superfície do solo.

    Sistema funcional de proteção para evitar o secamento e a contaminação da mina

    1. Na primeira etapa, é feita a limpeza da área do olho d’água, tirando pedras, tijolos, folhas e toda lama até que se encontre solo firme, onde a água brota limpa e com força.
    2. Em seguida, é feita uma mureta, usando pedra-ferro com 20-30 cm de largura. A altura da mureta varia para cada caso, em função da topografia do terreno.
    3. Na mureta, durante a sua construção, devem ser colocados sete canos cada um com uma função bem definida.
    4. O próximo passo é preencher com pedra-ferro o espaço entre a mureta e a mina.
    5. Por fim, deve-se cobrir a mina com lona plástica e aplicar uma boa camada de massa (mistura de barro com cimento) sobre a lona e sobre a mureta frontal de pedras.


    Confira mais informações, acessando os cursos da área Meio Ambiente.

    Por Silvana Teixeira

     

     


    AVISO LEGAL

    Este conteúdo pode ser publicado livremente, no todo ou em parte, em qualquer mídia, eletrônica ou impressa, desde que contenha um link remetendo para o site www.cpt.com.br.

    Cursos Relacionados

    Curso Recuperação e Conservação de Nascentes

    Curso Recuperação e Conservação de Nascentes

    R$ 285,00 à vista ou em até 10x de R$ 28,50
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5296

    Saiba Mais

    Curso Técnicas de Avaliação de Impactos Ambientais

    Curso Técnicas de Avaliação de Impactos Ambientais

    R$ 278,00 à vista ou em até 10x de R$ 27,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5199

    Saiba Mais

    Curso Formação e Treinamento de Brigada de Incêndio Florestal

    Curso Formação e Treinamento de Brigada de Incêndio Florestal

    R$ 278,00 à vista ou em até 10x de R$ 27,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5406

    Saiba Mais

    Curso Restauração Florestal em Áreas de Preservação Permanente e Reserva Legal

    Curso Restauração Florestal em Áreas de Preservação Permanente e Reserva Legal

    R$ 285,00 à vista ou em até 10x de R$ 28,50
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5652

    Saiba Mais

    Curso Tratamento de Água no Meio Rural

    Curso Tratamento de Água no Meio Rural

    R$ 278,00 à vista ou em até 10x de R$ 27,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5234

    Saiba Mais

    Curso Tratamento de Água e Esgoto na Propriedade Rural

    Curso Tratamento de Água e Esgoto na Propriedade Rural

    R$ 278,00 à vista ou em até 10x de R$ 27,80
    sem juros no cartão + frete.

    Cód. 5684

    Saiba Mais



    Deixe seu comentário

    Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

    O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

    Comentários

    lucas
    01-12-2014

    Eu achei muito bom, por que isso fala da água.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    01-12-2014

    Olá, Lucas!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Ficamos felizes que tenha gostado do nosso artigo sobre nascentes.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Oclair
    10-10-2014

    Bom dia,
    Tenho interesse em contratar um especialista em nascente, para visitar a fazenda no qual faço parte do quadro de funcionários, onde meu Superior está querendo fazer uma limpeza e crescer a sua mina d'água.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    10-10-2014

    Olá, Oclair!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Para mais informações recomendamos que procure por engenheiros agronômos em sua região.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Hanna
    10-09-2014

    Olá, fique deslumbrada com tudo que vi e compraria todo esse curso, mas agora eu não posso. Estou curiosa porque tenho um enorme desejo de recuperar duas nascentes na chácara da minha mãe e não sei como fazê-lo tenho medo de acabar perdendo-as.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    11-09-2014

    Olá, Hanna!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Para mais informações cadastramos seu e-mail para receber nosso boletim informativo.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    ivan silva
    05-09-2014

    Gostaria de saber se posso utilizar outros tipos de pedra para fazer a recuperação das minas, ou dever ser só com pedra ferro, se sim quais outros tipos?

    Resposta do Portal Cursos CPT
    08-09-2014

    Olá, Ivan!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Recomendamos que consulte um especialista na área para mais informações.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Roberto
    03-09-2014

    Maiores detalhes.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    04-09-2014

    Olá, Roberto!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Para mais informações cadastramos seu e-mail para receber nosso boletim informativo.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    jose paulo ferraz
    31-08-2014

    Gostaria de saber o nome científico desse processo usando as pedras-ferro

    Resposta do Portal Cursos CPT
    02-09-2014

    Olá, José Paulo!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    O nome deste processo é conhecimento como Sistema funcional de proteção para evitar o secamento e a contaminação da mina.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Taysa Faltz Macedo
    22-08-2014

    Gostaria de fazer a recuperação de uma nascente mas preciso de saber qual o espaçamento entre plantas, e quantos metros em torno da nascente eu posso começar a plantar.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    28-08-2014

    Olá, Taysa!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    As nascentes que apresentam vazões irregulares, tanto em, escala diária, mensal ou anual, necessitam da interferência do homem com o objetivo de conservar e aumentar a produção de água, por meio do aumento da infiltração e da diminuição da evapotranspiração ou, sempre que possível, pela combinação das duas. Nas interferências, deve-se dar preferência às técnicas vegetativas de conservação. Para isso, deve-se proceder da seguinte maneira: distribuição da nascente, principalmente por meio da manutenção de  cobertura nas encostas mais íngremes e nos topos dos morros, com espécies arbóreas para favorecer a infiltração de água no solo.

    Escolha de espécies, espaçamentos e sistemas de manejo capazes de produzirem a menor perda possível por evapotranspiração, favorecendo, assim, o abastecimento do lençol freático responsável pela nascente.

    Para mais informações o CPT possui o Curso Recuperação e Conservação de Nascentes.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Salvador
    07-04-2014


    SALVADOR FERREIRA OLIVEIRA
    07-04-2014

    Preocupado com a questão das nascentes em nosso município, gostaria de fazer um curso de recuperação e conservação de nascentes.
    obrigado!

    Resposta do Portal Cursos CPT
    08-04-2014

    Olá, Salvador!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Nossas consultoras entrarão em contato com mais informações sobre o Curso CPT Recuperação e Conservação de Nascentes.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    AVELINA ANTUNES CANTUÁRIA
    07-01-2014

    Gostaria de fazer um curso reconhecido pelo MEC.
    Recuperação e conservação de nascente.
    Avelina

    Resposta do Portal Cursos CPT
    08-01-2014

    Olá, Avelina!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Nossas consultoras entrarão em contato com mais informações sobre o Curso Recuperação e Conservação de Nascentes .

    Atenciosamente,

    Vilmara Silva.

    FCO VENÃNCIO CASTELO BRANCO DE OLIVEIRA
    13-09-2013

    Solicito informações sobre os seguintes cursos;

    - Recuperação e conservação de nascentes;
    - Curso de tratamento de água e esgotamento em propriedade rural;
    - Curso de compostagem.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    13-09-2013

    Olá, Venâncio!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Nossas consultoras entrarão em contato com mais informações sobre os Cursos CPT da área Meio Ambiente.

    Atenciosamente,

    Ana Carolina dos Santos

    Antonio barroso da Cruz
    22-03-2013

    Mais importante do que gastar água, preservar as nascentes é fundamental, pois
    os depósitos subterrâneos alimentam as nascentes (olho d'água), que alimentam os riachos e rios. Aqui no estado do Rio de Janeiro, precisamente em Piratininga - Niterói, próximo ao forte, reside uma senhora, 60 anos aproximadamente, onde nasceu, ali se criou e nunca saiu dali, que me contou a seguinte história: No alto do morro havia uma nascente (olho d'água) que abastecia toda a região, inclusive os quartéis; após a morte de seu pai, que ali mantinha uma pequena horta, uns pés de mamão, cana, etc, os vândalos queimaram tudo, inclusive as árvores ali existentes, consequentemente a fonte secou e nunca mais verteu um único pingo de água; vejam quanto é importante a proteção e manutenção dessas nascentes, aliás, protegidas por lei. Pesquisando no nordeste, verificamos que há dezenas de rios secos, logo o IBAMA deve intensificar a fiscalização e nomear famílias que residem em municípios onde hajam nascentes e torná-los funcionários do órgão, orientando-as naturalmente.

    Resposta do Portal Cursos CPT
    22-03-2013

    Olá, Antônio!

    Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

    Atenciosamente,

    Ana carolina dos Santos


    Outros artigos relacionados à área Meio Ambiente






    O CPT liga para você!





    Exemplo: 31 38997000