Ligue Agora (31) 3899-7000 WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Poda radical recupera lavouras de café em MG e salva a lavoura de 2016

No sul de MG, medidas drásticas têm sido tomadas a fim de contornar os efeitos negativos causados pela terrível estiagem, nas lavouras de café. Trata-se da poda radical dos pés

Plantação de eucalipto

 

No sul do Estado de Minas Gerais, medidas drásticas têm sido tomadas a fim de contornar os efeitos negativos causados pela terrível estiagem, nas lavouras de café. Trata-se da poda radical dos cafezais, que apesar de diminuir a colheita na próxima safra, recuperará os prejuízos em 2016. Segundo os cafeicultores da região, melhor colher pouco em 2015 que nada colher nos anos seguintes.

A medida, para evitar mais prejuízos nas lavoura de café, exige ainda a contratação de um profissional devidamente capacitado para arrancar os brotos que não foram arrancados com a poda. Este profissional, por sua vez, deverá estar apto o suficiente para saber qual broto deverá ser arrancado dos pés (para não prejudicar o desenvolvimento da planta) e qual deverá permanecer.

Entre os efeitos da seca causados nas lavouras de café, citam-se plantas murchas, troncos não desenvolvidos, grande perda de folhas e, principalmente, o alto preço dos grãos quando comparado ao preço da saca de 2013.

Conheça o Curso CPT Passo a Passo para se Obter Café de Qualidade.

Por Silvana Teixeira.
Fonte: G1/Globo Rural.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!