WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Black Friday 30%OFF nos cursos online 15% OFF nos cursos em livro+DVD + 5% OFF extra no cartão de crédito

Panqueca tem receita antiga com modernos ingredientes e sabores

Fácil de preparar e extremamente versátil, o prato está presente na mesa de diversos países

A massa da panqueca é bem semelhante à do crepe, o que faz as pessoas confundirem.

Com a mesma massa, mas vários recheios e coberturas. No verão ou no inverno, as panquecas caem bem em qualquer momento e refeição. O prato pode ser servido como complemento do café-da-manhã, como é de costume dos norte-americanos e canadenses, apresentar-se como a estrela do almoço ou jantar, e ainda como deliciosa sobremesa.

Fácil de preparar e extremamente versátil, a receita da panqueca é milenar e está presente na mesa de diversos países. A França foi o berço dessa comida, que nasceu há mais de nove mil anos. A história conta que a primeira panqueca surgiu no momento em que uma mulher derramou, acidentalmente, um pouco do mingau no fogão. Ela percebeu que a massa tinha bom cozimento, era fácil para manusear e, o melhor, possuía um sabor muito agradável. Em função da sua praticidade e qualidade gustativa, o hábito de comer panquecas se difundiu rapidamente por toda Europa.

Uma dica do professor André Ansanelli, no curso Treinamento de Chapeiro e Lancheiro, desenvolvido pelo CPT – Centro de Produções Técnicas, é não colocar toda a farinha de trigo no momento em que estiver preparando a massa. “A massa da panqueca não pode ficar nem muito rala, nem muito densa. Ela deverá ter a consistência de um mingau e a quantidade de clara, presente nos ovos, bem como a granulometria da farinha de trigo, influenciam nessa viscosidade”, acrescenta  Ansanelli.

Apesar da origem antiga, o alimento está sempre em alta, graças à capacidade de se renovar, incorporando novos ingredientes e sabores. A massa é bem semelhante à do crepe, o que faz as pessoas confundirem. A diferença está no uso da manteiga, que dá à massa do crepe uma textura mais delicada, ou seja, uma massa mais líquida.

Se quiser diversificar ainda mais, tornando a panqueca mais estilosa e moderna, sem perder seu maravilhoso sabor, você poderá mudar as cores da massa, no momento em que estiver batendo-a no liquidificador. Se quiser que ela fique roxa é só acrescentar beterraba, para torna-la verde, use  verduras nesse tom. Se sua preferência é laranja, utilize cenoura e se desejar o tom vermelho, insira tomate.

Por: Ariádine Morgan

Curso CPT - Treinamento de Chapeiro e Lancheiro

 

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!