WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Black Friday 30%OFF nos cursos online 15% OFF nos cursos em livro+DVD + 5% OFF extra no cartão de crédito

Óleo de palma vai abastecer mercado interno e externo

A cultura é responsável por 30% de todo óleo vegetal produzido no mundo e o governo está concedendo financiamento ao pequeno produtor

 

Quando se trata de óleo, a palma produz dez vezes mais que a soja na mesma área.

 

Lançado na última semana, o Programa de Produção Sustentável de Óleo de Palma no Brasil, já é bastante comentado no setor da agroindústria brasileira. O objetivo do programa é a multiplicação da cultura no país, uma vez que 90% da planta é produzida no Pará e o zoneamento agrícola, elaborado pelo Ministério da Agricultura, mostra que o Brasil tem, no mínimo, 29 milhões de hectares disponíveis onde a palma poderia ser usada com eficiência, na região amazônica.

Segundo o ministro da Agricultura, Wagner Rossi, “a área plantada da cultura no território brasileiro é de 76 mil hectares, o que representa uma produção de 190 mil toneladas. O consumo interno é de. 450 mil toneladas. Importamos, no último ano, 255 mil toneladas. Então, o produtor que decidir plantar palma vai abastecer o mercado interno e exportar também, já que esse mercado está concentrado em apenas dois países: Tailândia e Indonésia, que abrangem 90%”.

O óleo da palma, também conhecido como óleo de dendê, é a espécie que produz maior quantidade  por hectare. De acordo com o professor Werner Fuchs, no curso Produção de Óleo Vegetal Comestível e Biocombustível, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas, “a colheita inicia-se 30 meses após o plantio, com uma produção entre 6 e 8 toneladas de cachos/hectare, com maturação dos cachos ao longo do ano todo. O pique de produção ocorre no oitavo ano, podendo atingir 20 a 25 toneladas de cachos/ha, que correspondem ao rendimento de 4 a 6 t/ha de óleo”.

A palma é uma planta extraordinária. Quando se trata de óleo, a cultura produz dez vezes mais que a soja na mesma área. Além disso, é responsável por 30% de todo óleo vegetal produzido no mundo.  “Com uma plantação de 10ha de palma o produtor tem condições de receber R$ 2 mil por mês. Não tem outra cultura que possa ser usada pelo agricultor familiar que dê esse resultado”, enfatizou o ministro.

O governo já colocou à disposição do programa R$ 60 milhões. De acordo com Rossi, o financiamento concede ao pequeno produtor prazo de 14 anos, com seis anos de carência e juros de 2% ao ano.

Por: Ariádine Morgan

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Luiz Fernando Araujo

24 de nov de 2014

Sou de Brumado - Bahia, mas moro em São Paulo, já estava pretendendo voltar para Brumado, para plantar palma e criar vaca leiteira, com esta noticia do óleo de palma já estou mudando a ideia, aguardo novos comentários.

Resposta do Portal Cursos CPT

24 de nov de 2014

Olá, Luiz Fernando!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Ficamos felizes que tenha gostado da nossa notícia sobre óleo de palma.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

rosangela

6 de set de 2012

Gostaria de saber em Belo Horizonte onde comprar óleo de palmiste em galão. Obrigada Rosângela

Resposta do Portal Cursos CPT

10 de out de 2012

Olá Rosângela,

Agradecemos pela sua visita e comentário em nosso site.

Os mecanismos de busca da internet, como o Google, podem lhe orientar em sua aquisição do óleo de palmiste.

Desejamos sucesso em sua pesquisa.

Atenciosamente,

Natália Mayrink De Lazzari

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!