WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Conheça nossos Cursos Profissionalizantes (combos) com 40% de DESCONTO

Kit geladeira promete economizar energia

Inventores brasileiros pretendem economizar até 15% de energia

 As geladeiras são responsáveis por quase 50% do consumo de energia de uma residência.

Campeã no quesito gasto de energia entre os eletrodomésticos, a geladeira pode ganhar uma ferramenta para reduzir o consumo. Os inventores brasileiros Mirko chávez Gutiérrez e Vivaldo Silveira Júnior criaram um “kit geladeira”, que promete reduzir até 15 % na conta de luz. Eles acreditam que o produto é comercializável e tenha baixo custo.

Os dois são pesquisadores da  Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Eles criaram um conjunto composto por um reservatório, uma bomba hidráulica e um tubo de PVC para que a água que se condensa fora do refrigerador circule e seja distribuída. O reservatório reaproveita a água. O dispositivo pode ser usado em qualquer geladeira, inclusive nas mais antigas, que gastam bem mais energia.

Segundo os dois pesquisadores, o Kit pode ser utilizado em todo o Brasil, funcionando tanto em locais muito quentes, como no Nordeste, quanto em locais muito frios, como no Sul do país. Portanto, para ser produzido, basta haver o interesse de alguma empresa. Eles acreditam que a tecnologia é simples, e também barata para produção e venda. Além disso, o impacto gerado pela economia de energia viabiliza ainda mais o projeto.

Os testes de economia de energia foram feitos considerando um gasto mensal de 0,331 kw/h. Uma economia mensal de R$ 23,44, comparando os resultados do aparelho com e sem o dispositivo. Outra vantagem proporcionada pelo kit é a redução nas variações internas de temperatura nos refrigeradores, aumentando o tempo de conservação dos alimentos.

O engenheiro eletricista Nelson Fernandes Maciel, professor do curso Distribuição Elétrica na Fazenda, desenvolvido pelo CPT – Centro de Produções Técnicas, afirmou que existem poucas iniciativas para reduzir o consumo energético das geladeiras, mesmo sendo elas as principais “vilãs” entre os aparelhos domésticos. “Se esse ou outro dispositivo for comercializado, significará um grande passo para reduzirmos as nossas demandas por energia”, acrescentou.

Por: Maria Clara Corsino.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!