WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Cursos da Área Curso Inseminação Artificial em Bovinos - Convencional e em Tempo Fixo Curso Fabricação de Ração na Fazenda Curso Planejamento Alimentar em Sistema de Pastejo - Para Gado de Leite e Corte Curso Alimentação de Vacas Leiteiras em Pasto e em Confinamento Curso Enquanto o Veterinário Não Chega - Atendimento a Bovinos Curso Produção de Leite em Pasto Curso Prevenção e Controle de Mastite Curso Manejo da Vaca Gestante no Parto e Pós-Parto Curso Melhoramento Genético de Gado de Leite Curso Como Produzir Mais Leite e Mais Bezerras Curso Pastoreio de Lotação Rotacionada para Gado de Leite e Corte Curso Bezerras de Raças Leiteiras - Do Nascimento ao Desaleitamento Curso Cana Ureia - Alimento de Baixo Custo para Bovinos Curso Conforto Animal para Maior Produção de Leite Curso Sistema Superintensivo de Produção de Leite em Pasto Curso Ordenha Mecânica Curso Shamballah - O Segredo da Alta Produtividade Leiteira Curso Produção de Leite em Confinamento Curso Controle de Carrapato, Berne e Mosca-dos-Chifres Curso Recria de Novilhas para Produção de Leite Curso Formação e Manejo de Capineira Curso Sistemas Silvipastoris - Consórcio de Árvores e Pastagens Curso Criação de Bezerros de Raças Leiteiras para Corte Curso Pastejo Rotativo em Capim-Elefante Curso Pastoreio Voisin para Gado de Leite Curso Produção de Leite Orgânico Curso Vacas Meio-Sangue para Produção de Leite Curso Manejo Sanitário de Bovinos para Produção Orgânica de Leite Curso Avaliação, Julgamento e Preparo de Vacas Leiteiras para Eventos Curso Produção de Vitelos Áreas Afins 30Gado de Corte 17Pastagens e Alimentação Animal 2Produção Orgânica de Leite Depoimentos dos Alunos Alunos de Sucesso Depoimentos Publicações TV Cursos CPT Artigos Notícias Dicas Cursos CPT Entretenimento Beirada de Fogão Melhores Filmes do Cinema Reflexões

Investir em produtividade é mais vantajoso que expandir o rebanho leiteiro

Para que o produtor rural consiga o mesmo percentual de produção, ele deve investir 89,7% em alimentação, higienização e mão-de-obra, ou 178% na ampliação do plantel

O pecuarista deve considerar que investir em produtividade tende a trazer melhoria na qualidade do leite e aumento na escala do produtor.

Se o pecuarista optar por ampliar o rebanho leiteiro para obter uma produtividade de 15 litros diários por vaca, que é o volume máximo, ele precisará gastar 46,7% a mais do que se investir em ganho de produção. Essa foi a conclusão divulgada pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

O relatório apresenta os ganhos ambientais ao indicar que a expansão do plantel, que tem como um dos efeitos o aumento das áreas de pastagem, é menos lucrativa do que elevar a produtividade com a mesma quantidade de vacas. A análise foi realizada em regiões de Minas Gerais, Goiás, São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul.

Segundo o estudo, se o produtor rural aumentar os gastos em 89,7%, investindo principalmente em alimentação, higienização e mão-de-obra, terá um ganho de produção de 87,6%. Se utilizar a estratégia de ampliar o rebanho, o pecuarista gastará 178,2% a mais que o custo atual para obter a mesma produção.

O pesquisador da Embrapa Gado de Leite, Dr. Ademir de Moraes Ferreira, acredita que para que a produção de leite seja mais econômica e competitiva, o único caminho é o aumento da produtividade. No curso Técnicas Simples para Produzir mais Leite e mais Bezerros, desenvolvido pelo CPT – Centro de Produção Técnica, ele diz que “ isso exige uma reformulação de conceitos ultrapassados e um novo enfoque da assistência técnica, atualmente mais voltada para o aspecto curativo. A maioria dos produtores desconhece a validade e a maneira de realizar um efetivo controle sanitário, bem como as técnicas de manejo e os cuidados com a alimentação, procedimentos indispensáveis à melhoria da eficiência na atividade leiteira”.

No boletim, a CNA ainda ressalta que o pecuarista deve considerar que investir em produtividade “tende a trazer também melhoria da qualidade do leite e ainda aumentar a escala do produtor. Assim, o aumento do volume de leite entregue a cooperativas e laticínios pode também proporcionar um preço mais elevado. O ganho em receita, na prática, seria superior aos 88,1%”.

Por: Ariádine Morgan

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!