WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Conheça nossos Cursos Profissionalizantes (combos) com 40% de DESCONTO

Gastos com cosméticos devem dobrar nos próximos anos

Mercado de produtos de beleza cresce no Brasil mesmo em tempos de crise

 

 Mesmo as menores empresas têm lucrado bastante com os cosméticos.

Os produtos de beleza e higiene pessoal estão tão presentes no cotidiano dos brasileiros que talvez você nem perceba o quanto gasta com eles. Xampus e condicionadores, maquiagem, cremes hidratantes e rejuvenescedores para a pele, e tantos outros, formam uma indústria que movimenta milhões e não para de crescer.

No ano passado, as vendas de cosméticos, produtos de higiene pessoal e perfumaria movimentaram mais de R$ 73 bilhões de reais. A maioria das empresas que formam o setor (98%) é de pequenas e médias empresas. Por isso mesmo, esse mercado tem oferecido diversas oportunidades para novos empreendedores.

O grande crescimento do mercado transformou o Brasil no terceiro maior consumidor de cosméticos do mundo. Alguns economistas acreditam que, em menos de quatro anos, o país deva atingir o primeiro lugar. Se for considerado o aumento das vendas de produtos brasileiros para o exterior, a expectativa de novos negócios é ainda melhor.

Para os economistas, até 2020, o valor dos produtos vendidos em São Paulo deve ser o dobro do registrado na França. Segundo eles, o Brasil já possui uma cultura bem sólida de consumo de produtos de beleza. Também contribui para este crescimento o aumento real da renda média dos brasileiros, além da maior proporção de pessoas economicamente ativas, o que favorece a preocupação com a aparência e os cuidados pessoais.

Outro fator que impulsionou o setor foi a maior procura de produtos e tratamentos cosméticos pelos homens. Eles estão cada vez mais preocupados com a aparência e diversas marcas já possuem linhas exclusivas. Este é um fenômeno que pode ser visto dentro e fora de casa. Os salões de beleza já possuem serviços exclusivos para os homens e alguns até se especializaram em atender apenas eles.

Os salões, por sinal, também crescem bastante. Enquanto outros setores da economia amargam queda devido à crise financeira, eles e os centros de estética estão aumentando o faturamento em até 3 vezes mais.

Por: Maria Clara Corsino.

Fonte: Bom dia Brasil.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!