WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Dia Internacional do Planeta Terra

No dia da Terra, precisamos refletir sobre maneiras sustentáveis de exploração dos recursos naturais, principalmente no Brasil

A capacidade humana de inovar é condição essencial para o alcance da sustentabilidade do planeta.

 

A capacidade humana de inovar é condição essencial para o alcance da sustentabilidade do planeta.

 

Planeta Terra: grande, lindo, azul... E clamando por socorro... Hoje, 22 de abril, comemoramos o seu dia. O desafio, este ano, é aumentar a produção de alimento necessário à demanda da população, com sustentabilidade. O crescimento populacional deve ser, em uma década, maior que a capacidade de gerar alimentos.

O primeiro Dia da Terra foi comemorado em 1970, nos Estados Unidos, demonstrando a preocupação popular, já naquela época, com a crise ecológica. O foco era a necessidade de desenvolvimento de uma agenda política a respeito de questões ambientais urgentes. Hoje, a data permanece como uma forma de, anualmente, despertar a consciência mundial para questões ambientais.

Para atender às necessidades de alimentação da população, reflexão deste ano, a produção anual de cereais precisará crescer, de acordo com a ONU - Organização Mundial das Nações Unidas, quase um bilhão de toneladas, em relação aos 2,1 milhões produzidos hoje. A carne deve passar das atuais 200 milhões de toneladas para 470 milhões. Essa tarefa se torna ainda mais difícil diante da limitação dos recursos naturais e da necessidade de adaptação dos cultivos às mudanças climáticas.

O Brasil possui disponibilidade de área - apenas 9,8% das terras potencialmente produtivas são, hoje, cultivadas - oferta de água e clima favorável em quase todo o seu território. Os outros dois únicos países com capacidade para atender a demanda global não possuem essa importante vantagem: os Estados Unidos, ainda maior produtor de grãos do mundo, já ocupa 53% de sua área agricultável. A China esgotou 47% de suas áreas férteis.

Apenas a área do Cerrado brasileiro, apta ao cultivo sem a necessidade de derrubada de uma única árvore, é igual a toda área de 32 países europeus. Ou seja, o futuro sustentável do planeta passa, necessariamente, pelas competitivas lavouras do Brasil. Porém, a questão é: como ampliar a produção de alimentos conservando os recursos naturais?

Para Patrícia Tristão, tutora do portal de informação do CPT - Centro de Produções Técnicas, “a resposta é fornecer aos agricultores maneiras de desenvolver estratégias para maior produção por meio de recursos tecnológicos cada vez melhores”.

Segundo o líder mundial Kofi Annan, ex-secretário-geral da ONU, “a agricultura moderna é um elemento-chave do desenvolvimento sustentável e essencial para o bem-estar da humanidade e do planeta. É o único caminho para transformar o desejo da sustentabilidade em uma realidade diária para todos os povos, em suas três grandes vertentes: econômica, ambiental e social”.

A capacidade humana de inovar é condição essencial para o alcance da sustentabilidade do planeta tanto econômica como ambiental e socialmente. É necessário fornecer meios cada vez mais eficientes para solucionar as questões relativas aos problemas ambientais.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!