Ligue Agora (31) 3899-7000 WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Crescem exportações de vinhos brasileiros

O desafio para o setor vinícola é fortalecer o mercado interno

 

 As vendas de vinho nacional no mercado interno subiram 7%. Foto: Cultura Mix.

O setor da vitivinicultura brasileiro tem muito o que comemorar, mas busca conquistar ainda mais espaço. A expectativa é de uma safra recorde da uva para 2012. As exportações de vinho crescem a cada dia (alta de 33% em 2011 em relação a 2010). No entanto, os produtores de vinhos nacionais precisam conquistar o mercado interno e disputar espaço com os vinhos importados.

A boa expectativa do mercado foi reforçada com o anúncio feito pela presidente Dilma Rousseff de medidas de proteção contra o crescimento das importações de vinho, uma vez que o desafio maior para o setor é a conquista do mercado interno. A presidente fez o anúncio na tradicional Festa da Uva de Caxias do Sul (RS) e prometeu defender o vinho nacional através de salvaguardas, ações temporárias aceitas pela Organização Mundial do Comércio (OMC).

As medidas foram comemoradas pelos vinicultores, mas eles acreditam que elas ainda não são suficientes. O ex-presidente do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), Júlio Fante, atual membro da Associação Gaúcha de Vinicultores (Agavi), destaca que a concorrência com o vinho importado é a maior dificuldade atual.

O empresário afirma que os produtores nacionais de vinhos são prejudicados por práticas abusivas, o que justifica o crescimento das importações. Elas cresceram 3% em 2011, depois de uma alta incomum de 27% em 2010, segundo dados do Ibravin. A entrada de vinhos importados quase dobrou nos últimos 8 anos (98%). Fante acredita que são necessárias novas regras tributárias, principalmente contra os vinhos chilenos e argentinos, os principais produtos que têm vindo para o Brasil.

Apesar da concorrência com o vinho importado, o vinho nacional também registrou aumento nas vendas. Segundo dados do Ibravin, em 2011 a indústria vinícola brasileira cresceu 7%. Para o gerente de marketing da vinícola gaúcha Perini, Pablo Perini, essa elevação é resultado de uma mudança geral nos padrões de consumo dos brasileiros, que têm bebido mais vinhos e espumantes.

Por: Maria Clara Corsino.

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis Vinho - como escolher, pedir e harmonizar no restaurante

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!