WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Condomínios têm na figura do síndico um administrador com talento e capacitação

Ser síndico é uma missão desafiadora, que exige tempo e dedicação

 

O síndico deve zelar pelo bem-estar de todos os proprietários

Você já pensou no quanto é importante o trabalho do sindíco do seu prédio? Por vezes, é uma função temida, poucas pessoas se mostram dispostas e preparadas para enfrentar o desafio. Para aqueles que já tem um emprego, por exemplo, assumir a atividade envolve tomar para si tarefas extras. Sendo assim, existe também o síndico profissional ou gestor predial, contratado especialmente para esse serviço.

São muitas responsabilidades, similares as de um administrador de empresas, ele gerencia desde contas do prédio a conflitos entre moradores. Para quem se arrisca, certamente, é uma experência interessante e de muito apredizado.

Um passo fundamental, para quem já é síndico ou quer se candidatar a esse papel, é conhecer as leis de condomínio, estabelecidas pelo Código Civil. “O síndico deve zelar e proporcionar o bem-estar de todos os proprietários. Para isso, ele têm o dever de fazer com que as normas sejam cumpridas por todos e, quando for necessário, implementar novas medidas,” afirma o advogado Rômulo Gouvêa, especialista em Gestões Condominiais e professor do curso Treinamento de Síndico – Administração de Condomínios, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas.

No Dia do Síndico, confira algumas estratégias para alcançar eficiência na administração de condomínios.

Gerenciamento da inadimplência – Para evitar constrangimentos, o síndico deverá preparar notas, explicando como as cobranças por taxas em atraso serão feitas, anexando tabelas ilustrativas. Elas deverão ser encaminhadas a todos os condôminos, antes de haver inadimplência.

Redução de despesas – A diminuição do custo da água, por exemplo, poderá ser obtido contratando bombeiros profissionais, anualmente, para inspecionar as instalações hidráulicas. Outra dica é evitar consumos excessivos com irrigações de jardins, preferindo sistemas automatizados. Quanto à energia elétrica, uma sugestão é a instalação de sensores de presença nos corredores, esses dipositivos acionam as lâmpadas apenas quando há presença de alguma pessoa no local.

Por Luci Silva

 

Leia também

Síndico zela pelo condomínio fazendo com que regras e normas sejam cumpridas

Segurança em condomínios começa no projeto arquitetônico

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!