WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Black Friday 30%OFF nos cursos online 15% OFF nos cursos em livro+DVD + 5% OFF extra no cartão de crédito

Como conservar frutas, legumes e verduras

Cuidados na higienização e no armazenamento são importantes para a conservação dos alimentos

 

 Os legumes podem ser ferventados e depois congelados para não estragarem.

As chuvas geram algumas perdas nas lavouras, o que causa o aumento nos preços e a falta de algumas verduras, legumes e frutas nos supermercados. Portanto, o melhor a fazer é manter um estoque em casa para se prevenir e também economizar. Algumas dicas são muito importantes para conservar estes alimentos.

As verduras costumam ser as mais prejudicadas. Com o calor as folhas amarelam bem mais rápido. Para fazer a higienização, deixe-as de molho em uma bacia com uma solução de uma colher de sopa de água sanitária para cada litro de água. Após 20 min, retire as folhas e deixe escorrer.

Depois de secas, as verduras com folhas maiores e mais grossas, como a couve, podem ser armazenadas em uma vasilha grande, com tampa, intercalando as folhas com papel toalha. Já as verduras com folhas menores ou em grãos, como a ervilha, podem ser guardadas em vasilhas menores, com tampa ou papel filme com alguns furos.

As frutas e os legumes podem ser lavados da mesma forma que as verduras. A diferença é no armazenamento. Guarde as frutas na geladeira normalmente. Quando elas estiverem maduras demais podem virar polpas ou serem congeladas para depois virarem sucos, vitaminas e geleias. As peras não podem ser congeladas, para armazená-las, é só envolvê-las em um papel toalha.

Os legumes podem ser colocados em água fervendo por cinco minutos e depois por outros cinco  em água gelada. Depois disso, eles devem ser congelados ou colocados em vasilhas ou sacos plásticos. Quanto ao tomate, a dica é simples, basta comprá-lo em três fases diferentes de amadurecimento: verde, de vez e maduro. Então, é só ir consumindo os mais maduros. Se amadurecerem demais podem ser usados em molhos e polpas.

Por: Maria Clara Corsino.

 

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!