WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Cursos da Área Curso Inseminação Artificial em Bovinos - Convencional e em Tempo Fixo Curso Fabricação de Ração na Fazenda Curso Planejamento Alimentar em Sistema de Pastejo - Para Gado de Leite e Corte Curso Alimentação de Vacas Leiteiras em Pasto e em Confinamento Curso Enquanto o Veterinário Não Chega - Atendimento a Bovinos Curso Produção de Leite em Pasto Curso Prevenção e Controle de Mastite Curso Manejo da Vaca Gestante no Parto e Pós-Parto Curso Melhoramento Genético de Gado de Leite Curso Como Produzir Mais Leite e Mais Bezerras Curso Pastoreio de Lotação Rotacionada para Gado de Leite e Corte Curso Bezerras de Raças Leiteiras - Do Nascimento ao Desaleitamento Curso Cana Ureia - Alimento de Baixo Custo para Bovinos Curso Conforto Animal para Maior Produção de Leite Curso Sistema Superintensivo de Produção de Leite em Pasto Curso Ordenha Mecânica Curso Shamballah - O Segredo da Alta Produtividade Leiteira Curso Produção de Leite em Confinamento Curso Controle de Carrapato, Berne e Mosca-dos-Chifres Curso Recria de Novilhas para Produção de Leite Curso Formação e Manejo de Capineira Curso Sistemas Silvipastoris - Consórcio de Árvores e Pastagens Curso Criação de Bezerros de Raças Leiteiras para Corte Curso Pastejo Rotativo em Capim-Elefante Curso Pastoreio Voisin para Gado de Leite Curso Produção de Leite Orgânico Curso Vacas Meio-Sangue para Produção de Leite Curso Manejo Sanitário de Bovinos para Produção Orgânica de Leite Curso Avaliação, Julgamento e Preparo de Vacas Leiteiras para Eventos Curso Produção de Vitelos Áreas Afins 30Gado de Corte 17Pastagens e Alimentação Animal 2Produção Orgânica de Leite Depoimentos dos Alunos Alunos de Sucesso Depoimentos Publicações TV Cursos CPT Artigos Notícias Dicas Cursos CPT Entretenimento Beirada de Fogão Melhores Filmes do Cinema Reflexões

Brasil se destaca na produção de leite

País ocupa a 5ª colocação entre os maiores produtores mundiais

 Além de aumentar a produção, os pecuaristas ainda precisam incentivar o crescimento do consumo de leite. Foto: Deviantart.

O Brasil produziu 31 bilhões de litros de leite em 2011, ocupando a 5ª colocação entre os maiores produtores mundiais. O país ficou atrás apenas dos Estados Unidos, da Índia, da China e da Rússia, respectivamente. O resultado é superior se comparado a outros tradicionais produtores, como o Uruguai, que é o principal exportador de produtos lácteos para o Brasil e ocupa a 46ª colocação.

Entre os estados brasileiros, Minas Gerais é o maior produtor, sendo responsável por 27,3%, seguido pelo Rio Grande do Sul (11,8%) e pelo Paraná, com 11,7%. Muitas pesquisas vêm discutindo a necessidade de aumentar essa produção, aproveitando todo o potencial de produtividade do gado brasileiro. Para isso, basta lembrar que o Brasil possui destaque na produção de carne bovina, sendo o maior produtor e exportador mundial.

Para que isso aconteça, alguns pesquisadores recomendam que a solução mais recomendável é melhorar a qualidade das pastagens brasileiras. Segundo um estudo da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq/USP), apenas 0,35% dos recursos destinados à pecuária leiteira são usados na manutenção das pastagens.

De acordo com o professor Flávio Portella, esse número mostra que ainda é muito adotado no Brasil o sistema extrativista, onde o pasto é plantado sem um tratamento do sol e sem uma recuperação das pastagens. Ele explicou que a diferença entre as regiões brasileiras é alarmante. Enquanto no Nordeste, que nem tem a produção de leite mais desenvolvida, a produtividade chega a 30 mil kg de leite por hectare, no Centro-Oeste ela fica em 15 mil kg de leite por hectare.

Além da melhoria das pastagens, a pesquisadora da Embrapa, Márcia Prata, destacou em uma palestra do 15º Encontro Técnico do Leite que muitos produtores não adotam medidas simples de manejo que podem elevar a produção. Segundo ela, o que falta muitas vezes é informação, tanto para os pequenos quanto para os grandes produtores.

Outro desafio para os produtores é aumentar o consumo de leite no mercado interno. Enquanto os norte-americanos consomem cerca de 81,9 litros per capita ao ano, e os uruguaios 74,2 litros, cada brasileiro consome em média 47,6 litros de leite ao ano. Além de aumentar a produção, é preciso investir em publicidade e melhoria no setor de distribuição.

Por: Maria Clara Corsino.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!