WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Conheça nossos Cursos Profissionalizantes (combos) com 40% de DESCONTO

Aproveitamento do lixo pelo método da compostagem

Reutilizar o lixo doméstico pode reduzi-lo em até 90%

 A composteira doméstica produz adubo em dois meses.

Já parou para pensar quanta coisa você joga fora? Restos de comida, caroços e cascas de frutas e verduras, folhas de árvores, borra de café, todos materiais orgânicos que podem poluir o ambiente. Além deles, existem os plásticos, os vidros, os metais e os papéis. Tudo isso pode ser reaproveitado. Esses últimos por meio de reciclagem e os primeiros através da compostagem.

A compostagem é um método simples, eficiente e barato de reaproveitar a matéria orgânica. Consiste no controle da decomposição dos materiais, de modo que eles se transformem em adubo orgânico. O adubo pode ser usado em jardins, plantações, hortas caseiras e nas plantas domésticas.

A engenheira sanitarista Maria Esther de Castro e Silva, professora do curso Compostagem de Lixo em Pequenas Unidades de Tratamento, desenvolvidos pelo CPT- Centro de Produções Técnicas,  afirma que apesar de parecer um processo complicado e muitas vezes realizado por pequenas indústrias, fazer a compostagem é muito simples.

Ou seja, qualquer um pode dispor de pouco espaço e tempo para aplicar o método, aproveitando assim dos benefícios de um adubo natural, saudável e barato. Para isso, antes de tudo é preciso separar o lixo orgânico do lixo seco, composto por plásticos, vidro, metal e papel. Em seguida, é só montar uma composteira, local onde será feita a compostagem. E ela pode ser feita em casa mesmo.

Para fazer a composteira, é preciso um cesto de plástico grande, um garfo de jardinagem, um pedaço de tela e uma furadeira. Proceda da seguinte maneira:

  • Faça vários furos ao redor do cesto com a furadeira.
  • Forre o interior do recipiente com a tela.
  • Coloque uma camada de resíduo orgânico um pouco mais seco, como cascas de árvores e folhas.
  • Cubra com uma camada menor de material mais úmido e depois com outra camada mais seca nos três primeiros dias.
  • Daí em diante, misture tudo com o garfo e vá acrescentando novas porções ao cesto.

A composteira pode receber novo conteúdo todos os dias. Depois de, aproximadamente, dois meses o adubo estará pronto para ser usado.

Por: Maria Clara Corsino.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!