Alimentação saudável faz cada vez mais parte do cardápio dos brasileiros

O aumento de consumidores de alimentos saudáveis está ligado à difusão dos alimentos diet, light e funcionais

 

Os consumidores estão interessados na alimentação que traga benefícios à saúde e tenha função preventiva contra doenças.

 

A alimentação saudável é, hoje, uma preocupação. As pessoas estão dando mais importância aos alimentos nutritivos, que reduzem riscos de doenças. Isso acontece por fatores como o aumento da obesidade, doenças cardiovasculares e crescimento do tempo médio de vida da população mundial, que deseja envelhecer com qualidade.

Essa preocupação tem suas raízes algumas décadas atrás, quando surgiram os alimentos diet. A difusão das informações nutricionais, cadernos de saúde e o relacionamento direto entre alimentação e bem-estar contribuíram para tanto.

A partir de então, surgiram os alimentos light, com menos calorias; os fortificados, contendo mais vitamina, ferro e ômega-3; e os funcionais, que ajudam a reduzir o colesterol e a melhorar as funções intestinais, entre outras.

Outro aspecto que influencia no aumento do consumo de produtos saudáveis é que, “os alimentos diet, inicialmente, eram direcionados a diabéticos e não tinham açúcar. Depois, evoluíram para um sentido de prevenção, a fim de evitar problemas de saúde no futuro”, explica Dênis Ribeiro, diretor de economia da ABIA - Associação Brasileira das Indústrias de Alimentação.

Para a professora Céphora Maria Sabarense, no curso Alimentação Saudável, elaborado pelo CPT - Centro de Produções Técnicas, nutricionista, “uma alimentação saudável garante o pleno desenvolvimento das potencialidades de todos os seres humanos. Para conquistarmos o bem-estar físico, mental, emocional e social, devemos conhecer e praticar os fundamentos da alimentação”.

Essa tendência influencia diretamente os cardápios de redes de alimentação fora do lar, principalmente os restaurantes self-service, que podem oferecer diversos legumes e verduras. Os clientes que fazem suas refeições fora de casa, e somam 83% da população brasileira, querem ter a opção de ingerir alimentos saudáveis, pois estão cada vez mais interessados em uma alimentação que traga benefícios à saúde e tenha função preventiva contra doenças.

Cursos Relacionados

Curso Horta Caseira - Implantação e Cultivo Curso Horta Caseira - Implantação e Cultivo

Com Prof. Dr. João Tessarioli Neto

R$ 446,00 à vista ou em até 12x de R$ 37,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Mais Notícias sobre diversas áreas do conhecimento

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade