WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Agropecuária é o setor que mais emprega no Espírito Santo

De acordo com o Caged, atividade rural ficou à frente de outros setores importantes da economia

 

 A cultura do café é a que mais emprega no Espírito Santo. Foto: Seag/ES.

Uma pesquisa do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) mostra que a agropecuária é o setor que mais gera empregos no Espírito Santo. No mês de abril, o setor teve uma variação positiva de 13,9% entre admissões e demissões. As outras áreas da economia não alcançaram nem dois pontos de diferença.

No mês, foram contratadas 6.235 pessoas e demitidas 1.648 na área rural do estado, gerando um saldo positivo de 4.597 novos empregos. Para o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Espírito Santo, Júlio da Silva Rocha Júnior, o resultado se deve a vários fatores, como a boa safra do café esperada este ano. De acordo com a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), o crescimento diante da última safra deve ser de 5,5%, atingindo uma colheita de 12,215 milhões de sacas.

A produção de café do Espírito Santo emprega mais de 320 mil pessoas. Atualmente, o estado é o maior produtor de conilon do país e o segundo maior produtor do grão, ficando atrás apenas de Minas Gerais. A renda média anual dos produtores em 2011 foi de R$ 3,3 bilhões.

Outros setores também ajudaram a impulsionar a geração de emprego no setor rural. A fruticultura, por exemplo, gera mais de 60 mil empregos diretos. O clima propício do estado tem favorecido a produção de diversas frutas, como o coco, o maracujá, a macadâmia, o mamão e a uva. A atividade lucrou mais de R$ 60 milhões em 2011.

A pecuária também obteve bons resultados, empregando cerca de 60 mil pessoas. Elas trabalham direta ou indiretamente na criação de mais de 2,2 milhões de cabeças de gado. Grandes investimentos em pesquisa e tecnologia impulsionam a atividade rural do Espírito Santo, transformando o setor na principal fonte de empregos do estado.

Por: Maria Clara Corsino.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

debora evangelista rois

21 de nov de 2018

Isso e legaalll

Resposta do Portal Cursos CPT

22 de nov de 2018

Olá debora,

Agradecemos a visita e comentário em nosso site.

Ficamos felizes que tenha gostado do nosso conteúdo.

Atenciosamente,

Mariana Caliman Falqueto

Fábio Luiz Braga Medrado

18 de jan de 2018

Muito interessante! Sou técnico em agropecuária e estou a procura de uma colocação no mercado. Muita experiência na área e sou formado há 32 anos tenho 52 anos de idade.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!