WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Fale com uma Especialista
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

O Diário de Bridget Jones (2001)

Uma mulher totalmente atrapalhada, que procura alguém para viver os seus dias nublados

O Diário de Bridget Jones (2001)

Bridget Jones (Renée Zellweger) é uma mulher de 32 anos que, em pleno Ano Novo, decide que já está mais do que na hora de tomar o controle de sua própria vida e começar a escrever um diário. Com isso, Bridget começa a escrever o mais provocativo, erótico e histérico livro que já esteve na cabeceira de sua cama, onde ela irá colocar também suas opiniões sobre os mais diversos assuntos de sua nova vida.

O Diário de Bridget Jones, é um filme despretensioso que consegue envolver e cativar na sequência de cada cena e na evolução da personagem principal. O filme traz uma mulher, vivida lindamente por Renée, que assume a fase adulta e percebe que seu planejamento de vida, não anda como desejado. Extremamente carente, com características muitas vezes dignas de compaixão, a personagem carrega aspectos de alguém sofredor, elevando a realidade de muitas pessoas que estão na mesma situação. Essa identificação encontrada pelo telespectador é o que traz um relacionamento tão espontâneo com a personagem principal, transmitindo que, apesar de a Srt. Jones ter uma vida totalmente indesejável, ela assume o risco e tenta traçar um novo caminho.

O filme embora muito simples, apresenta características interessantes, como a própria trilha sonora, que está bem trabalhada nas cenas e que demonstram a evolução dos sentimentos da personagem principal. O roteiro apresenta uma linha modesta de diálogos, que são definitivamente bem executados pelo triângulo amoroso, bem como pelos personagens coadjuvantes que alinham de forma clara o texto, com o cenário da época.

É tão bom quando um filme totalmente despretensioso te envolve e consegue ir cativando a cada cena, nesse sentido é de se entender, toda a repercussão que teve o filme, justificativa para uma boa trilha, roteiro devidamente ajustado e principalmente as belas atuações de Colin Firth e Renée Zellwager, que mostram muito bem que pode sim "escolher um filme pela capa".

Lançamento: Ago/2001.

Gênero: Romance, Comédia.

Nacionalidade: Reino Unido, EUA.

Direção: Sharon Maguire.

Produtor: Tim Bevan, Eric Fellner, Helen Fielding.

Roteiro: Richard Curtis, Andrew Davies, Helen Fielding.

Elenco: Renée Zellweger, Gemma Jones, Shirley Henderson, Hugh Grant, Colin Firth, Jim Broadbent, Embeth Davidtz, James Callis.

Por Ana Carolina dos Santos.

Fontes: Adoro Cinema, Omelete, Plano Crítico e Cine com Pipoca.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!