Quais pragas e doenças atacam o Nim?

Percevejo verde da soja, cochonilhas, formigas cortadeiras, saúvas e fungos estão entre as principais pragas e doenças que atacam a produção de Nim

Pragas do nim
 

O Nim, Azadirachta indica A. Jussieu, pertence à família meliaceae, como a santa bárbara ou cinamomo, cedro, mogno e outros. Origina-se de Burma, na Índia, Ásia. Nesse país, ele é usado há muitos séculos de diversas formas, principalmente como planta medicinal, em especial como antisséptico, curativo ou como vermífugo, na forma de xarope, sabão, pastas, cremes entre outros. Atua no controle de muitas espécies de insetos, fungos e nematoides.

Segundo Nivaldo Guirado, professor do Curso CPT Cultivo e Uso do Nim, “Poucas plantas apresentam tantas particularidades medicinais e farmacológicas como o Nim. Devido às suas propriedades bactericidas e fungicidas é usado em muitos países como eficiente remédio no tratamento de inúmeras doenças e como eficiente inseticida no controle de pragas agrícolas. O Nim não polui o meio ambiente e não intoxica os aplicadores”.

Entre as pragas e doenças que atacam o Nim, citam-se:

1- Percevejo verde da soja (Nezara viridula)


Foi constatado alimentação temporária em folhas pequenas e brotos, após época de chuvas, quando as demais plantas se encontram secas. Ocasiona enrolamento das folhas e crescimento anormal dos brotos.

2- Cochonilhas de diversas espécies


Podem se desenvolver nas folhas, frutos e caule, favorecendo a produção de fumagina.

3- Formigas cortadeiras (Acromyrmex spp.) e sauva (Atta spp.)


Talvez as mais importantes pragas relatadas no Brasil. As formigas causam danos severos em plantas adultas.

4- Oryzaephilus surinamensis (milho, cereais), Tribolium spp. (cereias moídos), Rhyzopertha dominica (arroz, trigo, centeio, milho)


Pragas de produtos armazenados encontradas em outros grãos, também, foram encontradas em sementes de nim.

Diversas doenças fúngicas têm sido relatadas, principalmente na Índia. O fungo Pseudocercospora subsessilis (Moniliaceae) é o mais importante e mais amplamente distribuído. Já foi encontrado na Índia, nas Filipinas, na África, na América Central e na América do sul (Equador). Causa pontuações nas folhas e doenças nos brotos. O tecido infectado se torna verde claro, posteriormente, marrom, e finalmente se desfaz. As folhas ficam com buracos, reduzindo a área fotossintética. No Maranhão, a antracnose (Colletotrichum gloeosporioides) foi registrada sobre folhas e frutos de nim, e Sclerotium rolfsii foi encontrado sobre mudas em viveiro.

Conheça os Cursos CPT da área Agricultura.
Por Silvana Teixeira.

 

Salvar

Cursos Relacionados

Curso Análise de Solo e Recomendação de Calagem e Adubação Curso Análise de Solo e Recomendação de Calagem e Adubação

Com Prof. Eurípedes Malavolta, Prof. Dr. Godofredo C...

R$ 468,00 à vista ou em até 12x de R$ 39,00 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Cultivo de Seringueira para Produção de Borracha Natural Curso Cultivo de Seringueira para Produção de Borracha Natural

Com Prof. Dr. Adonias de Castro

R$ 480,00 à vista ou em até 12x de R$ 40,00 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Cultivo e Uso  do Nim Curso Cultivo e Uso do Nim

Com Prof. Dr. Edmilson José Ambrosano e Prof. Dr. Niv...

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

ANTONIO D.VITAL

6 de fev de 2018

As folhas mais novas começam a torcer e amarelando até morrer, o que devo fazer.

Resposta do Portal Cursos CPT

7 de fev de 2018

Olá Antônio,

Estes sintomas pode ser que falte ou haja excesso de água, falte nutrientes fundamentais, devido a ataques de bichos (pragas como pulgões, cochonilhas, lagartas) ou doenças bacterianas e virais. Para mais informações seria interessante, consultar um cada agrícola, pois assim o correto tratamento pode ser realizado.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Mais Dicas Cursos CPT

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade