WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Cursos da Área Curso Inseminação Artificial em Bovinos - Convencional e em Tempo Fixo Curso Fabricação de Ração na Fazenda Curso Planejamento Alimentar em Sistema de Pastejo - Para Gado de Leite e Corte Curso Alimentação de Vacas Leiteiras em Pasto e em Confinamento Curso Enquanto o Veterinário Não Chega - Atendimento a Bovinos Curso Produção de Leite em Pasto Curso Prevenção e Controle de Mastite Curso Manejo da Vaca Gestante no Parto e Pós-Parto Curso Melhoramento Genético de Gado de Leite Curso Como Produzir Mais Leite e Mais Bezerras Curso Pastoreio de Lotação Rotacionada para Gado de Leite e Corte Curso Bezerras de Raças Leiteiras - Do Nascimento ao Desaleitamento Curso Cana Ureia - Alimento de Baixo Custo para Bovinos Curso Conforto Animal para Maior Produção de Leite Curso Sistema Superintensivo de Produção de Leite em Pasto Curso Ordenha Mecânica Curso Shamballah - O Segredo da Alta Produtividade Leiteira Curso Produção de Leite em Confinamento Curso Controle de Carrapato, Berne e Mosca-dos-Chifres Curso Recria de Novilhas para Produção de Leite Curso Formação e Manejo de Capineira Curso Sistemas Silvipastoris - Consórcio de Árvores e Pastagens Curso Criação de Bezerros de Raças Leiteiras para Corte Curso Pastejo Rotativo em Capim-Elefante Curso Pastoreio Voisin para Gado de Leite Curso Produção de Leite Orgânico Curso Vacas Meio-Sangue para Produção de Leite Curso Manejo Sanitário de Bovinos para Produção Orgânica de Leite Curso Avaliação, Julgamento e Preparo de Vacas Leiteiras para Eventos Curso Produção de Vitelos Áreas Afins 30Gado de Corte 17Pastagens e Alimentação Animal 2Produção Orgânica de Leite Depoimentos dos Alunos Alunos de Sucesso Depoimentos Publicações TV Cursos CPT Artigos Notícias Dicas Cursos CPT Entretenimento Beirada de Fogão Melhores Filmes do Cinema Reflexões

Proteína e energia na alimentação de gado de leite

Os nutrientes contidos na dieta dos bovinos são utilizados para mantença, crescimento, reprodução e produção, quer seja na forma de leite ou carne

Proteína e energia na alimentação de gado de leite - Cerca de 45% da energia consumida pela vaca é utilizada na mantença,e o restante é armazenado ou usado na produção de leite.

Cerca de 45% da energia consumida pela vaca é utilizada na mantença,e o restante é armazenado ou usado na produção de leite.

A fração energética dos alimentos é fonte de calor para os animais, e de energia para as suas funções vitais e para a produção de leite. Vale destacar que cerca de 45% da energia consumida é utilizada na mantença,e o restante é armazenado ou usado na produção de leite.

A energia é amarzenada no corpo da vaca, na forma de gordura corporal, como reserva energética. Na falta de alimentos, essas reservas podem ser mobilizadas, garantindo a sobrevivência e a produção leiteira por algum tempo.

No terço inicial da lactação, quando ocorre o pico de produção de leite, é normal a vaca utilizar essas reservas corporais para produção leiteira, o que causa a perda de peso. Porém, se esse processo se prolonga, a diminuição do peso poderá causar piora dos índices reprodutivos.

São necessários 320 g de nutrientes digestíveis totais - NDT, para que uma vaca produza 1 kg de leite, com 4% de gordura. Se um alimento concentrado oferece 75% de NDT, considerando 85% de matéria seca, deveremos fornecer à vaca 0,5 kg de concentrado para cada quilo de leite produzido.

Pastos de gramíneas tropicais de boa qualidade apresentam NDT próximo a 65%. Esse teor, é claro, diminui, à medida que o capim fica velho e fibroso. A energia é retirada da digestão da celulose presente nas fibras vegetais, o que acontece no rúmen.

Por isso, se uma vaca consegue consumir 85 kg de forragem, que equivalem a 13 kg de matéria seca, estará consumindo 8,45 kg de NDT. Desse total, 4,61 kg serão usados na produção de leite. Como para cada quilo de leite são necessários 320 g de NDT, concluímos que 85 kg de forragem, consumidos no pastejo, são suficientes para a produção máxima de 14,4 kg de leite. Produção acima desse patamar só será possível com a adição de concentrado na dieta.

Para que o animal ultrapasse esse patamar de produção, será necessário suplementar a energia, utilizando, na dieta, alimentos concentrados, já que o aumento do consumo de volumoso é limitado pelo enchimento do rúmen e pelo tempo dispendido na digestão e na ruminação.

Por causa do menor teor de umidade, maior quantidade de matéria seca pode ser ingerida em cada quilo de concentrado consumido pela vaca. A maior digestibilidade, por sua vez, faz com que a passagem pelo trato digestivo seja mais rápida, diminuindo o efeito sobre a limitação de consumo. Por isso, mesmo o NDT da ração estando próximo do NDT do capim, será possível ao animal ingerir mais energia para ser disponibilizada para produção de leite, ao consumir o concentrado.

Então, concluímos que, se a vaca tem potencial genético, por exemplo, para produzir 20 kg de leite ao dia, teremos de garantir que consuma 7,2 kg de NDT diariamente.

 

 

Aprimore seus conhecimentos. Conheça os Cursos CPT da área Gado de Leite.

Acesse os links abaixo e aprenda mais sobre o assunto:


Ordenha mecânica na produção de leite

Manejo correto da ordenha contra a mastite

Volumosos e concentrados na alimentação de vacas leiteiras

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!