Milho verde: principais e melhores cultivares para plantio

Atualmente, diversas empresas produtoras de sementes têm desenvolvido cultivares que atendam às exigências do mercado consumidor

Milho verde: principais e melhores cultivares para plantio   Dicas Cursos CPT

 

Há algum tempo, utilizavam-se para a produção de milho verde os mesmos cultivares indicados para a produção de grãos ou, mais recentemente, para o milho silagem. Mas, com a crescente demanda e com consumidores cada vez mais exigentes quanto às características comerciais das espigas, diversas empresas produtoras de sementes, resolveram desenvolver cultivares que atendessem às exigências do mercado consumidor quanto a algumas características, tais como: porte médio, resistência ao acamamento e quebramento e pedúnculo da espiga firme; espigas uniformes, bem empalhadas, longas e cilíndricas, com sabugos claros e finos; os grãos devem ser longos, uniformes, amarelo-claros, do tipo dentado, com pericarpo fino e com equilíbrio entre os teores de açúcar e amido, para confecção de guloseimas de milho verde (pamonha, bolo, curau, sorvete e outros).

Uma característica muito importante é que as espigas permaneçam mais tempo no campo, no ponto de milho verde, ou seja, com umidade ao redor de 70 a 80% e boa conservação pós-colheita com extenso Período Útil de Consumo (PUC) que vai da colheita até o consumo, mantendo sabor, textura, além de conservar a coloração verde palha, afirma Dr. Glauco Vieira Miranda. Professor do Curso a Distância CPT Produção de Milhos Especiais, em Livro+DVD e Curso Online. Além disso, os cultivares devem apresentar resistência às principais pragas e doenças, causando danos às mesmas e prejudicando a comercialização.

Milho verde: principais e melhores cultivares para plantio   Artigos Cursos CPT


No mercado brasileiro de sementes, para a safra 2004/2005, existiam dez cultivares específicos para a produção de milho verde. Muitos agricultores comercializam milho verde produzido com cultivares indicados para produção de grãos e silagem, mas existem no mercado cultivares desenvolvidos especificamente para atender às exigências dos consumidores de milho verde. São eles, AG 1051, AG 4051, Cativerde 01, Cativerde 02, DOW 2C577, DOW DO 04, GENEAGRO 520, GNZ 2004, P3232 E UFV M 100.

Os cultivares de milho-doce, quando os grãos estão secos, ficam murchos não apresentando valor comercial para o comércio de grãos secos. Além disso, não servem para fazer iguarias como mingau e pamonha pela ausência de amido. Por outro lado, os cultivares de milho verde não apresentam estas desvantagens.

Conheça os Cursos a Distância CPT, em Livros+DVDs e Cursos Online, da área Agricultura.
Por Silvana Teixeira.

Cursos Relacionados

Curso Análise de Solo e Recomendação de Calagem e Adubação Curso Análise de Solo e Recomendação de Calagem e Adubação

Com Prof. Eurípedes Malavolta, Prof. Dr. Godofredo César Vitti, Prof. Dr. Heitor Cantarella e outros

R$ 468,00 à vista ou em até 12x de R$ 39,00 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Produção de Milho em Pequenas Propriedades Curso Produção de Milho em Pequenas Propriedades

Com Prof. Dr. Glauco Vieira e Prof. Dr. João Carlos Cardoso

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Produção de Milhos Especiais Curso Produção de Milhos Especiais

Com Prof. Dr. Glauco Vieira e Prof. Dr. João Carlos Cardoso

R$ 438,00 à vista ou em até 12x de R$ 36,50 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Mais Dicas Cursos CPT

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade