WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Fertilizantes para aplicação econômica de adubo

Para escolher corretamente qual adubo usar, é preciso conhecer melhor as características de cada tipo

Fertilizantes para aplicação econômica de adubo   Dicas CPT

Segundo Júlio César Lima Neves, professor do Curso CPT Aplicação Econômica de Adubos, “para escolher corretamente qual adubo usar, é preciso conhecer melhor as características de cada tipo, conforme abaixo:


1- Fertilizante fonte de nitrogênio (N)
» Sulfato de amônio: possui entre 18 e 20% de nitrogênio. Tem menor perda para a atmosfera.
» Ureia: possui em torno de 45% de nitrogênio. Quando aplicado ao solo, perde-se para a atmosfera em forma de amônia (NH3).

2- Fertilizante fonte de potássio (K)
» Cloreto de potássio:mais utilizado e de menor custo, pode ser comercializado em grão ou em pó, com 60% de K2.
» Sulfato de potássio (K2SO4):é mais indicado para algumas culturas específicas, como fumo.

3- Fertilizante fonte de fósforo (P)
» Superfosfato simples: possui entre 18 a 20% de P2O5 , pode ser encontrado em pó ou granulado. Também possui teores de S e Ca.
» Superfosfato triplo: possui em torno de 45% de P2O.
» Monoamônio fosfato (MAP) e Diamônio fosfato (DAP): são muito utilizados na produção de misturas de fertilizantes NPK.

4- Adubos compostos
São misturas de diferentes fertilizantes simples, existindo muitas composições disponíveis no mercado. Com eles, em uma única aplicação, é possível satisfazer a necessidade de vários nutrientes. O mais conhecido é o NPK.

Quanto à composição física, o adubo pode ser:


• Mistura de grânulos - cada tipo de grânulo é um nutriente específico;
• Pó - São todos os nutrientes moídos e misturados; e
• Mistura granulada - Formam-se os grãos a partir do pó misturado, portanto, cada grânulo possui homogeneamente todos os nutrientes.

Comparando com a mistura de grânulos, a mistura granulada tem maior uniformidade de distribuição dos nutrientes. Os fertilizantes líquidos são interessantes apenas quando o produtor utiliza a fertirrigação, pois, ao fornecer os adubos em pequenas e inúmeras doses, o problema de perda de nutriente para a atmosfera é driblado.

Aprimore seus conhecimentos sobre o assunto. Leia a(s) matéria(s) a seguir:


- Amostragem e análise do solo para aplicação econômica de adubo

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos CPT da área Agricultura.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!