Adquira 2 ou mais Cursos CPT e ganhe Frete Grátis.

Dicas de cuidados que você deve ter com seu gato

Conheça algumas dicas para você conviver melhor com o seu animal de estimação

Considerados mais independentes que os cães, eles precisam de cuidados e atenção durante toda sua vida.Para que seu gato se acostume com ideia de tomar banho é interessante começar este hábito ainda filhotinho.Ao se lamber, o gato ingere muitos pelos soltos, formando as indesejadas bolas de pelo.A vacinação previne doenças e reduz o risco de transmissão de infecções para outros gatos.Estimule o filhote a brincar, pois, além de ser muito importante, é muito divertido para ele.

 

O gato, conhecido como gato caseiro, gato urbano ou gato doméstico, é muito popular como animal de estimação. Ocupando o topo da cadeia alimentar, é um predador natural de diversos animais, como roedores, pássaros, lagartixas e alguns insetos.

Os gatos domésticos são uma adaptação evolutiva dos gatos selvagens. E os cruzamentos entre diferentes espécimes os tornaram menores e menos agressivos aos humanos.

Considerados mais independentes que os cães, eles precisam de cuidados e atenção, durante toda sua vida, que pode durar 15 anos ou mais.

Conheça algumas dicas de cuidados interessantes para o seu gatinho de estimação:

1 - Onde seu gato vai ficar? O local onde o gato irá descansar e dormir, precisa ser protegido, seguro e confortável.

Ao adquirir ou adotar um gatinho, alguns itens são essenciais para seu conforto e lazer, como:

- caixa e areia sanitária para suas necessidades;

- caminha para gato;

- vasilhas (comedouro e bebebouro) para ração e água.

2 - Reduzindo os riscos de acidentes: Alguns cuidados são importantes, para evitar os riscos de acidentes e garantir o bem-estar do gatinho, como:

- não deixar a fiação elétrica exposta, pois o bichano, pode tentar mordê-la e acabar tomando um choque;

- colocar tela nas janelas e fechar qualquer orifício onde o gato possa passar;

- não deixar produtos de limpeza, tintas e outros, destampados;

3 - Alimentação e água: A dieta dos gatos deve ser nutricionalmente equilibrada. E, por  precisarem de altos níveis de proteína e gordura, requerem grandes proporções de carne em sua alimentação.

Gatos adultos devem ser alimentados duas vezes ao dia. Filhotinhos, gatos idosos e gatas gestantes necessitam de se alimentar várias vezes durante o dia em pequenas porções.

Em casas especializadas (pet shops), você encontra uma infinidade de rações e alimentos próprios, que fornecem uma dieta balanceada, em forma seca ou úmida.

Um detalhe importante - gatos têm o instinto de caça e não precisam estar com fome para isto.

Mantenha sempre água fresca, disponível, em um ou mais bebedouros. Não é conveniente que bebam das torneiras, que gotejam, ou de outras fontes onde não seja possível controlar a quantidade de água que tomam por dia. Esta quantidade é um dado importante para vigiar sua saúde.

4 - Dando banho em gatos: Os gatos têm menor necessidade de banho, pois costumam se lamber, cuidando da própria limpeza.

Um banho é necessário em gatos para: tratar e controlar pulgas, limpar um felino aventureiro, tratar um problema dermatológico, ou retirar algo perigoso do pelo do gato.

O famoso "banho de língua" não retira todas as impurezas dos pelos, principalmente, se forem pelos longos.

Para que seu gato se acostume com ideia de tomar banho, é interessante começar este hábito ainda filhotinho.

A água deve ser morna e pode ser reservada em uma bacia, antes de começar o banho, pois utilizar a água diretamente do chuveiro pode assustar o gato. É preciso evitar que entre água nos seus ouvidos, pois do contrário podem surgir inflamações. Para isso, pode ser colocado um chumaço de algodão no canal auricular, que deve ser retirado após o banho.

Ao terminar, enxágue bem o pelo, pois os resíduos de sabão podem irritar a pele do gato ou serem engolidos quando o animal lamber o pelo. Use toalhas, pois os pelos úmidos podem favorecer o aparecimento de fungos. Pode, se preferir, utilizar secador em gatos mais calmos, mas muitos deles se assustam com o barulho. Se o secador for utilizado, não o deixe muito forte, pois pode queimar o gato. Em dias quentes, é possível deixar que o seu gato se seque ao sol.

4 - Escovação: Ao se lamber, o gato ingere muitos pelos soltos, formando as indesejadas bolas de pelo, que geralmente são eliminadas, mas que, em alguns casos, podem provocar obstruções do trato digestório dos felinos. A escovação regular ajuda a reduzir a ingestão e a quantidade de pelos soltos pela casa. Dessa forma, é recomendado escovar o seu gato ao menos três vezes por semana.

5 - Tosa: A tosa deve ser feita por um profissional especializado, pois, para realizar este procedimento, é preciso fazer uso de sedativos. A tosa só deve acontecer, se os pelos estiverem muito embolados, e neste caso, ela é completa.

6 - Limpando as orelhas: As orelhas devem ser limpas com hastes flexíveis (cotonetes), secas ou umedecidas em álcool. Apenas a parte externa do ouvido deve ser limpa.

Nunca tente limpar a parte interna, enfiando o contonete, isto pode causar sérias lesões no tímpano do animal.

7 - Unhas: As pontinhas das unhas do gato devem ser cortadas, a cada 15 ou 20 dias, tomando cuidado para não atingir a irrigação sanguínea, "parte rósea da unha", que, se atingida, promoverá sangramento e dor.

Para cortar as unhas, por serem retráteis, faça uma suave pressão em seus dedos forçando-a a aparecer. E, com um "trim", corte apenas as pontinhas.

8 - Vacinação: Os gatos devem ser vacinados contra as principais doenças felinas e contra a raiva.

A vacinação previne doenças e reduz o risco de transmissão de infecções para outros gatos.

9 - Brincadeiras: As brincadeiras são muito importantes para o desenvolvimento do felino, pois tudo que aprender, quando filhote, pode ser utilizado em sua vida adulta.

Estimule o filhote a brincar, pois, além de ser muito importante, é muito divertido para ele.

Sugestões de brinquedos:

- Arranhador: O arranhador é fundamental para qualquer gato, pois, por meio da arranhadura, o gato gasta suas unhas e libera seu feromônio a fim de se comunicar com outros gatos da casa. Caso não tenha um arranhador, certamente seu sofá será utilizado para tal função;

- Túnel: Os gatos adoram se entocar, em qualquer lugar onde caiba, e até mesmo onde não caiba, portanto, esse brinquedo, com certeza, fará sucesso.

Por ser um brinquedo relativamente caro, você pode fazer um túnel com caixas de papelão;

- Bolinhas com guizo: podem ser adoradas por alguns gatos ou simplesmente não ter a menor função para outros. É bem barato e relativamente segura;

- Varinha para gatos: Um dos brinquedos mais recomendados para aliviar o estresse do gato (e do humano), pois simula o voo de um passarinho e os gatos adoram brincar de caçar passarinhos.

É importante deixar que, ao final da brincadeira, o gato pegue o “passarinho” para que ele não se sinta frustrado.

E o mais importante! Maltrato ou abandono de um animal, por qualquer motivo, além de cruel, é um crime que prevê penas de prisão e multa.

Com isso, antes de adotar ou adquirir um gatinho, lembre-se de que este vive, em média, 15 anos, e que, acima de tudo, ele só quer o seu carinho e a sua atenção.

Importante! Consulte sempre o veterinário de sua confiança antes de usar qualquer produto químico ou medicamento em seu felino.

Por: Ana Carolina dos Santos

Fonte: Link Animal, Wikipédia, OPAR - Organização para Proteção de Animais de Rua, Holliday-scott, Meu Dono é o Bicho, Revista Pulo do Gato, Portal Medicina Felina.

Aprimore seus conhecimentos:

- Conheça o Curso CPT Como Fazer Banho e Tosa em Cães

- Conheça os Cursos CPT da área Como Fazer


Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Cursos Relacionados

Curso Como Montar um Canil Curso Como Montar um Canil

Com Prof. Dr. José Antônio Viana

R$ 338,00 à vista ou em até 10x de R$ 33,80 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Como Montar um Pet Shop - Com Banho, Tosa e Atendimento Curso Como Montar um Pet Shop - Com Banho, Tosa e Atendimento

Com Prof. Dr. José Antônio Viana

R$ 368,00 à vista ou em até 10x de R$ 36,80 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Banho e Tosa em Cães e Gatos - Infraestrutura, Banhos e Tosa Higiênica Curso Banho e Tosa em Cães e Gatos - Infraestrutura, Banhos e Tosa Higiênica

Com Prof.ª Alessandra Sayegh

R$ 348,00 à vista ou em até 10x de R$ 34,80 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Mais Dicas Cursos CPT

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade