Controle preventivo às pragas na hidroponia do alface

O melhor meio de combater as pragas e doenças do alface hidropônico é a prevenção.

As principais fontes de contaminação em cultivos hidropônicos de alface, são a terra, o vento, os restos de vegetais, e o próprio homem.

As principais fontes de contaminação em cultivos hidropônicos de alface, são a terra, o vento, os restos de vegetais, e o próprio homem.

As maiores fontes de contaminação em cultivos hidropônicos são a terra (introduzida acidentalmente por ferramentas, sementes e mudas), o vento, os restos de vegetais, e o próprio homem. Por isso, a melhor forma de controle é a prevenção.

Prevenção é o ato de impedir que certos eventos se realizem; ou seja, impedir que as pragas e as doenças causem danos econômicos na cultura do alface.

As medidas de prevenção são simples, no entanto, elas são trabalhosas; é importante que sejam feitas com grande rigor, pois apenas um pequeno descuido pode ser o suficiente para que as pragas e doenças atinjam e proliferem na sua hidroponia.

Devido a dificuldade no controle dos patógenos e a não existência de produtos específicos para a hidroponia, é recomendado:

- utilizar água de boa qualidade;

- lavar as bancadas, canais e equipamentos com cloro ativo a 0,1%;

- utilizar variedades resistentes;

- utilizar substratos inertes;

- usar sementes sadias e sementeiras isoladas do sistema de produção;

- evitar a entrada de insetos, principalmente na área de produção de mudas;

- proibir a entrada de pessoas estranhas ao sistema; e

- evitar que fumem dentro do sistema: o fumo contém um vírus que pode infectar toda a produção.

Também podem ser adotadas medidas para evitar a ocorrência de pragas, como:

- instalar as estufas em locais afastados de outros cultivos de alface;

- inspecionar as mudas, rejeitando as infestadas por pragas;

- utilizar armadilhas feitas de garrafas plásticas contendo líquido açucarado e inseticida para atrair e matas borboletas;

- fazer a utilização de papéis adesivos para controlar thrips; e

- fazer o controle biológico (o controle preventivo e o controle biológico são as formas ideais para controlar pragas em hidroponia).

O controle biológico de lagartas pode ser realizado usando o Bacilus thuringiensis; eliminar restos de plantas, pois estes podem servir como veículos para disseminação de pragas de um ciclo de cultivo para outro e fazer a desinfecção da estufa entre cultivos, também são formas eficientes de controle.

Controle de doenças:

- as mudas devem ser inspecionadas e aquelas com suspeita de doenças devem ser rejeitadas, no momento de sua transferência para os canais de cultivo;

- manusear as plantas com as ferramentas e mãos limpas;

- lavar as mãos após manusear plantas doentes;

- fazer a eliminação das lagas impedindo a incidência de luz sobre a solução nutritiva;

- eliminar as plantas com sintomas de virose;

- fazer a desinfecção do sistema entre cultivos sucessivos;

- eliminar os restos de plantas; e

- manter limpo e sem restos vegetais o lado externo da casa de vegetação.

Essas são as principais medidas de controle de doenças.

Aprimore seus conhecimentos.

- Conheça o Curso CPT Hidroponia - Controle de Pragas e Doenças do Alface.

- Conheça os Cursos CPT da área Hidroponia.

Cursos Relacionados

Curso Hidroponia - Cultivo de Tomate Curso Hidroponia - Cultivo de Tomate

Com Prof. Carlos Alberto G. de Moraes e Prof. Marcelo...

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Hidroponia - Solução Nutritiva Curso Hidroponia - Solução Nutritiva

Com Prof. Dr. Quirino Carmello

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Hidroponia - Controle de Pragas e Doenças da Alface Curso Hidroponia - Controle de Pragas e Doenças da Alface

Com Prof.ª Liliane Teixeira, Prof. Octavio Nakano e P...

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Hidroponia  -  O Cultivo sem Solo Curso Hidroponia - O Cultivo sem Solo

Com Prof. Dr. José Damião

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

CARLOS ALBERTO DA SILVA SOUSA

30 de jan de 2019

ESTOU INICIANDO UM CULTIVO HIDROPÔNICO NA MINHA CIDADE, GOSTARIA DE RECEBER DICAS E CONTEÚDOS RELACIONADOS AO CULTIVOS. OBRIGADO

Resposta do Portal Cursos CPT

31 de jan de 2019

Olá Carlos,

Agradecemos a visita e comentário em nosso site. Cadastramos seu e-mail para receber nosso boletim informativo.

Atenciosamente,

Mariana Caliman Falqueto

Alexandre

7 de out de 2018

Como combater a mosca no alface ela apodrese a planta

Resposta do Portal Cursos CPT

8 de out de 2018

Olá Alexandre,

Agradecemos a visita e comentário em nosso site.

Os seguintes tratamentos podem ser utilizados: -Detergente líquido e água. Diluir 5 gr do detergente por litro de água. Borrifar a mistura, de preferência no final da tarde, na parte de baixo da planta, onde estão concentrados os insetos.

-Óleo de Neem: É um composto natural extraído ao frio das sementes da árvore do Neem (Azadirachta Indica). É um inseticida natural, eficiente no combate da mosca-branca.

–Uso de óleos vegetais

Atenciosamente,

Mariana Caliman Falqueto

antonio alton rocha

9 de abr de 2017

Olá, estou com um problema na minha estufa que é a murchadeira ou podridão negra da raiz. Gostaria de saber se tem algum remédio para trata esse problema, faz mas de três meses que não cultivo nada minha hidropônica. Desde já agradeço

Resposta do Portal Cursos CPT

10 de abr de 2017

Olá Antônio,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Atualmente existem diversos produtos registrados à base de Trichoderma para controle de doenças, inclusive para a podridão de raízes induzida por Pythium. Fungos do gênero Trichoderma são encontrados naturalmente em vários solos, em especial os com alta quantidade de matéria orgânica.

É utilizado no controle biológico por ser eficaz no controle de diversos fungos fitopatogênicos de solo, inclusive Pythium spp. Atua por meio de parasitismo, antibiose e competição, podendo produzir metabólitos secundários tóxicos, como antibióticos e enzimas capazes de inibir ou destruir fungos fitopatogênicos.

As espécies do gênero Trichoderma são as mais utilizadas no controle de fitopatógenos, por serem encontradas em diversos ambientes e pelo rápido crescimento em diferentes substratos. Além disso, o Trichoderma tem proporcionado aumento na porcentagem e velocidade de germinação de sementes e estimulado o desenvolvimento das raízes.

Existem diversos produtos comerciais à base de Trichoderma, mas nem todos são registrados para a cultura da alface. As formulações encontradas no mercado nacional e internacional à base de Trichoderma spp. são na forma de pó-molhável (PM), grânulos dispersos, óleos emulsionáveis, grãos colonizados e esporos secos.

Estas formulações são aplicadas diretamente no sulco de plantio, por meio de tratamento de sementes, juntamente com a água de irrigação ou em materiais orgânicos incorporados ao solo antes do transplante das mudas.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Neide

17 de fev de 2017

Como elimino moscas branca do alface hidroponico

Resposta do Portal Cursos CPT

24 de fev de 2017

Olá Neide,

Os seguintes tratamentos podem ser utilizados: -Detergente líquido e água. Diluir 5 gr do detergente por litro de água. Borrifar a mistura, de preferência no final da tarde, na parte de baixo da planta, onde estão concentrados os insetos.

-Óleo de Neem: É um composto natural extraído ao frio das sementes da árvore do Neem (Azadirachta Indica). É um inseticida natural, eficiente no combate da mosca-branca.

–Uso de óleos vegetais

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Gean Carlos lima Rodrigues

14 de dez de 2014

Boa tarde! Tenho uma hidroponia de 5 galpão de 30 metros cada faço sempre a prevenção das pragas, mais sempre aparece algumas alface com pintas e as vezes algumas com o tronco totalmente podre quero sabe assim como faço na dosagem, a medida certa pra as pragas eu uso muito os venenos ( bendazol, lannarte, trigat, dithanne e evidence). Me ajudem a combater essa pragas, deste já agradeço

Resposta do Portal Cursos CPT

15 de dez de 2014

Olá, Gean Carlos!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Para mais informações seria interessante consultar um agronômo para mais informações sobre como proceder nesta dosagem.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Mais Dicas Cursos CPT

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade