Turismo Rural: Comece 2012 com o pé direito nos negócios

Pequenas mudanças na rotina de sua casa de campo podem torná-la uma fonte de renda

Prepare cada detalhe para receber bem seus hóspedes e garantir a preferência do seu estabelecimento

Se você tem um sítio ou pretende comprar um, saiba que pode ser um ótimo investimento. Um terreno no campo pode significar muito mais do que meros finais de semana de descanso em contato direto com o meio ambiente e tudo o que ele nos proporciona. José Renato Brandão Bravo, produtor e pioneiro em turismo no campo no Distrito Federal, tem apenas 3 hectares agricultáveis e consegue faturar 30 mil reais por mês. Durante 25 anos, Bravo concentrou-se apenas na criação de suínos e galinha caipira, além da produção de leite e de algumas hortaliças e frutas. Hoje em dia, o sítio dele recebe aproximadamente 700 turistas por semana.

Como funciona o turismo rural?

A casa de campo de Bravo está localizada em Sobradinho, cidade satélite de Brasília. Entre os atrativos do local, estão a culinária, os passeios de trilha e a proximidade na lida diária com os animais. O turismo rural tem a finalidade de preservar a cultura e os recursos naturais do lugar através de serviços prestados e cobrados a quem quiser desfrutar do que a propriedade tem para oferecer. O produtor rural afirma que essa atividade só é bem sucedida se for baseada em quatro pilares fundamentais: ser economicamente viável, ecologicamente correta, socialmente justa e verdadeiramente rural.

Turistas adoram belezas naturais. Lembre-se de mostrar-lhes todas!

Os produtores rurais elencaram algumas características que pudessem definir o turismo rural:
- O menor investimento possível, a partir do que, em geral, já existe na propriedade rural, com algumas adaptações para receber o turista adequadamente;
- O caráter democrático da atividade de que “não é preciso ser grande para ser viável”;
- O comprometimento com a produção agropecuária, com a comunidade local, com o meio ambiente e com a cultura regional;
- Diferentemente da praia ou da metrópole, o turismo rural não é de massa, mas de atendimento pessoal e familiar;
- A criação de postos de trabalho especializados no campo, promovendo, assim, a contramão do êxodo rural;
- O resgate da rica e variada cultura interiorana;
- A agregação de valor ao produto do campo e a sua verticalização.

Bravo lembra que o foco deve sempre ser a fauna, a flora, o solo e a água. Esses devem ser, portanto, os principais recursos “explorados” na propriedade. Apesar da falta de incentivo do governo, esse tipo de turismo tem apresentado crescimento significativo no Brasil, inclusive evitando que o êxodo rural se intensifique. O destaque desse segmento é resultante da falta de opção de lazer nos meios urbanos, pois as famílias (principalmente as com crianças) não encontram atividades prazerosas e diferentes para fazer nos fins de semana. Em pouco tempo, o turismo rural conseguiu reunir passeios, aventuras, comida gostosa e sossego em um só lugar.

Problemas do turismo rural

A culinária é parte fundamental da estadia. Capriche!

Para Bravo, o turismo rural poderia ser mais explorado no Brasil, porém não existem muitos incentivos governamentais. As taxas de impostos, por exemplo, são muito altas. Além disso, os juros direcionados a financiamentos são extorsivos, os insumos têm valores altíssimos e as leis trabalhistas dos funcionários rurais são, em grande parte, ignoradas ou simplesmente não existem. Produtores internacionais conseguem vender produtos bem mais em conta, pois normalmente o governo estrangeiro incentiva a agricultura, concedendo vantajosos benefícios.

Como poupar gastos no seu novo negócio

O modo mais simples de poupar gastos é economizar nas instalações fixas e nunca ter despesas desnecessárias. Nesse caso, por exemplo, o produtor rural afirma que as cortinas do seu galpão podem ser de sacos de ração, bem como a caixa de transporte dos pintinhos pode ser um comedouro. Além dessas providências, você pode adotar algumas outras para obter um lucro ainda mais significativo. Vender os produtos do sítio diretamente ao consumidor, por exemplo, facilita o negócio, cria um laço estreito com o cliente conquistando, assim, uma freguesia fiel. Dessa forma, além do atendimento diferenciado, o consumidor ainda pode pagar menos pelos produtos.

Dicas para conquistar a clientela

Casa de campo transformada em turismo rural

Para conquistar a clientela dos produtos cultivados no sítio, Bravo acredita que vendê-los na feira é uma ótima opção, pois o ambiente é bastante favorável a uma relação mais próxima entre vendedor e comprador. Outra dica, e uma segunda possibilidade, é entregar os itens na casa do cliente. O próprio Bravo fez isso durante anos. Entregas em domicílio são um diferencial no mercado. No entanto, de nada adiantarão os conselhos de Bravo se você não for simpático e receptivo com cada um dos seus clientes.

Investimento em turismo rural

No curso Como Tornar seu Sítio Lucrativo, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas, você encontra todas as orientações de Bravo para transformar sua casa de campo em um grande empreendimento e, claro, em um lugar bastante agradável para os turistas. O produtor rural comenta, ao longo do curso, alguns aspectos relacionados ao seu sítio, como investimentos, processos trabalhistas, irrigação e alimentação das criações. Além disso, ele disponibiliza o cardápio do seu restaurante (localizado na propriedade), apresenta algumas normas de agricultura orgânica e discute questões relacionadas à homeopatia.

A primeira refeição do dia merece atenção especial. Impressione!

É importante citar que o turismo rural é um negócio que permite a divisão de tarefas dentro da sua própria família, poupando gastos, pelo menos no início, com funcionários. Ao fazer um investimento como esse, você está colaborando significativamente com a preservação ambiental e melhorando a qualidade de vida de muitas pessoas – daquelas que frequentam sua propriedade e daquelas que trabalham nela. Não perca mais tempo! Confira as sugestões de Bravo, transforme sua propriedade e lucre!

Por Camila Guimarães Ribeiro

 

Cursos Relacionados

Curso Como Implantar o Turismo Rural em sua Fazenda Curso Como Implantar o Turismo Rural em sua Fazenda

Com Prof. Fábio Hosken

R$ 378,00 à vista ou em até 12x de R$ 31,50 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Agroturismo - Um Novo Conceito de Negócio Curso Agroturismo - Um Novo Conceito de Negócio

Com Prof. Fábio Hosken e Prof.ª Vera Perin

R$ 378,00 à vista ou em até 12x de R$ 31,50 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Qualificação de Profissionais para Turismo Rural Curso Qualificação de Profissionais para Turismo Rural

Com Prof. Fábio Hosken e Prof.ª Lúcia Viggiano

R$ 378,00 à vista ou em até 12x de R$ 31,50 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Como Tornar seu Sítio Lucrativo Curso Como Tornar seu Sítio Lucrativo

Com Prof. Renato Bravo

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

leci

22 de mar de 2015

Gostaria de investir no negocio

Resposta do Portal Cursos CPT

23 de mar de 2015

Olá, Leci!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Para mais informações cadastramos seu e-mail para receber nosso boletim informativo sobre empreendedorismo.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

marcelo gomes santos

19 de abr de 2012

Tenho uma fazenda 100 hectares. Como posso dar mais lucro a minha fazenda? Eu trabalho com gado de leite. Atenciosamente, Marcelo Gomes Santos

Resposta do Portal Cursos CPT

11 de mai de 2012

Boa tarde, Marcelo!

Há muitas maneiras de obter mais lucro em propriedades rurais. No entanto, diversos fatores devem ser levados em consideração, como a região na qual a fazenda se encontra, sua extensão, condições de acesso, clima, características do solo e, principalmente, o interesse do proprietário. Pode-se, por exemplo, investir na suinocultura, na avicultura, na ovinocultura, no cultivo de grãos, de folhas, de frutas ou até mesmo no turismo rural. Este na verdade consegue integrar todos os demais investimentos, pois o turismo rural deve explorar ao máximo todas as possibilidades de negócio no terreno.

O turismo rural deve ser, antes de tudo, uma atividade devidamente comprometida com questões ecológicas e sociais. No quesito ecológico, é imprescindível que a natureza e os seus recursos sejam preservados durante as visitações e as atividades exercidas no local. Socialmente, o turismo rural precisa gerar renda ao produtor e aos seus funcionários, bem como oferecer um bom acolhimento aos turistas.

Cultivar produtos orgânicos para comercializar em feiras ou entregar na casa do cliente é uma das opções de negócio para quem pretende investir no turismo rural. O empreendedor pode ainda vender ovos e frangos, criar cavalos para cavalgadas, criar outros animais que possam ser acariciados e alimentados pelos turistas, montar um restaurante que sirva café e almoço, adaptar a sua casa de campo para que os visitantes se acomodem nos finais de semana.

No curso Como Tornar Seu Sítio Lucrativo, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas, você encontra todas as orientações de José Renato Brandão Bravo para transformar sua casa de campo em um grande empreendimento e, claro, em um lugar bastante agradável para os turistas.

Bravo é um pioneiro do turismo rural em sua propriedade de apenas três hectares agricultáveis cujo faturamento chega a atingir 30 mil reais mensais. O produtor rural comenta, ao longo do curso, alguns aspectos relacionados ao seu sítio, como investimentos, processos trabalhistas, alimentação das criações e irrigações. Além disso, ele disponibiliza o cardápio do seu restaurante (localizado na propriedade), apresenta algumas normas de agricultura orgânica e discute questões relacionadas à homeopatia.

Para mais informações, leia nossas outras matérias relacionadas ao tema: Turismo rural dá lucro...e muito!, Turismo Rural geral lucro e desenvolvimento no campo e De portas abertas para o turismo rural.

Para mais esclarecimentos, entre em contato conosco!

Camila Guimarães Ribeiro

Outros artigos relacionados à área Turismo Rural e Ecológico

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade