WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Regras gerais para a colheita das plantas medicinais

As plantas medicinais apresentam um ponto de colheita ideal, que é o momento de maior concentração de princípios ativos, quando devemos finalmente colhê-las

Regras gerais para a colheita das plantas medicinais

 

As plantas medicinais, da mesma forma que outras plantas, como as hortaliças apresentam um ponto de colheita ideal, que é o momento de maior concentração dos princípios ativos. As substâncias com atividade terapêutica, ou princípios ativos, encontrados nas plantas, geralmente concentram-se em maior quantidade em um determinado órgão. Assim, em algumas plantas, os princípios ativos estão em maior concentração nas folhas e hastes, em outras, estão nas flores.

Os flavonoides, de modo geral, estão mais concentrados na parte aérea da planta. É o caso da rutina, encontrada na arruda. Já na camomila, as substâncias com atividade terapêutica estão mais concentradas nas flores. Quanto ao dente-de-leão (Taraxacum officinale), os compostos fenólicos estão mais concentrados nas flores e nas folhas. Devido a tal variação, é necessário conhecer que parte deve ser colhida para se estabelecer o ponto ideal de colheita para cada planta medicinal.

A colheita das folhas deve ser feita antes que a planta medicinal floresça.

A colheita das folhas deve ser feita antes que a planta medicinal floresça.

O ponto de colheita ideal das plantas medicinais

→Quando as partes a serem colhidas são as folhas e os talos, a coleta deve ser feita antes que a planta medicinal floresça, pois haverá maior concentração de substâncias com fins medicinais nesses órgãos. Este é o caso da tanchagem, cujas folhas são colhidas antes da emissão do pendão.

→ Em algumas plantas medicinais, os princípios ativos encontram-se igualmente nas folhas e flores. Portanto, podem ser colhidas antes ou durante o florescimento como o alecrim, a catinga-de-mulata, a mil-folhas, o manjericão, o guaco e a manjerona.

→As cascas são colhidas quando a planta medicinal atinge a plenitude do seu crescimento, ao fim do ciclo anual, ou antes da floração, nas plantas perenes. Por isso, você deve se informar sobre a época do ano em que a espécie floresce e colher a casca antes desse acontecimento. Por exemplo, o mulungu floresce no inverno, na região Sudeste do Brasil. Assim, a retirada de casca deve ser feita no final do outono.

→No caso das sementes da planta medicinal, recomenda-se esperar até o seu completo amadurecimento. Em casos de frutos que caem, quando maduros, a colheita deve ser antecipada. É o que acontece com o funcho, cuja colheita é feita com os frutos ainda não maduros.

→Os frutos carnosos com finalidade medicinal são coletados completamente maduros, como a romã.

As flores das plantas medicinais devem ser colhidas plenamente desenvolvidas e abertas.

As flores das plantas medicinais devem ser colhidas plenamente desenvolvidas e abertas.

→As raízes são colhidas em plantas adultas, no final do seu ciclo de vida, momento em que atingem o máximo desenvolvimento e concentração de princípios ativos. No gengibre, elas são colhidas quando a parte aérea começa a definhar. As raízes da bardana são colhidas depois da frutificação, que indica o fim de um ciclo. Já as raízes da alteia devem ser retiradas no final do seu segundo ano de vida.

→As flores das plantas medicinais devem ser colhidas plenamente desenvolvidas e abertas. É o caso da camomila, da calêndula e do sabugueiro, cujas flores devem ser colhidas sem o pedúnculo, quando estão com as pétalas abertas e formando um ângulo reto com o eixo do pedúnculo.

Como coletar cascas?

As cascas devem ser coletadas de forma racional tanto em espécies cultivadas quanto em espécies nativas. Se você tirar a casca em volta de todo o tronco da árvore, estará fazendo o seu anelamento, que pode levá-la à morte, pois interrompe o fluxo de seiva para as raízes. Entretanto, existe uma forma racional de se fazer a coleta de cascas de árvores, que não compromete a sua sobrevivência.

Técnica criada pelos índios Guaranis

A coleta se dá em etapas, caminhando em torno da planta, no sentido horário. No primeiro ano, coletam-se cascas na face do tronco voltada para leste, do lado que o sol nasce; no segundo ano, na face sul; no terceiro, na face oeste; e no quarto ano, na face norte.

Na primeira colheita, retiram-se pedaços de cascas com vinte centímetros de altura e largura, que ocupe no máximo um quarto do diâmetro do tronco, começando de uma altura de pelo menos um metro do solo. Deve-se deixar um espaço de vinte centímetros e retirar outro pedaço, como o primeiro. Isso deve ser feito, sucessivamente, subindo pelo tronco até onde houver casca madura.

No ano seguinte, deve-se retirar pedaços na face voltada para o sul, da mesma forma que foi feito na face leste. O mesmo deve ser feito nos lados oeste e norte, nos dois anos consecutivos. Dessa forma, não haverá injúrias à arvore nem a sua morte por procedimentos mal feitos.

Por Andréa Oliveira.

Conheça mais sobre plantas medicinais, acessando os Cursos CPT, da área Plantas Medicinais, elaborados pelo Centro de Produções Técnicas.

Entre eles, destacam-se:

Curso CPT Colheita e Beneficiamento - Plantas Medicinais e Aromáticas

Curso CPT Plantas Medicinais e Aromáticas - Produção de Mudas

Curso CPT Farmácia Viva - Utilização de Plantas Medicinais

Curso CPT Cultivo Orgânico de Plantas Medicinais

Curso CPT Produção Comercial de Plantas Medicinais

Curso CPT Hidroponia de Plantas Medicinais e Condimentares

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis Plantas Medicinais

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!