WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Fale com uma Especialista
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Tudo o que você precisa saber sobre parvovirose canina

A parvovirose é uma doença causada por parvovírus, que afeta em especial os cães filhotes e adultos sem vacinação ou com a imunidade baixa

Tudo o que você precisa saber sobre parvovirose canina

A parvovirose canina é uma doença causada por parvovírus, que afeta em especial os cães filhotes e adultos sem vacinação ou com a imunidade baixa. Quando no organismo do animal, o vírus se multiplica e concentra o ataque nas células do intestino. Como resultado, o cão apresenta diarreia e vômitos, que podem levar o animal à desidratação. Quanto mais cedo o tratamento maiores as chances de cura. Caso contrário, o pet pode morrer.

Transmissão


A transmissão da parvovirose canina ocorre no contato do cão sadio com as fezes do cão doente. Ao cheirar fezes, objetos e animais contaminados pelo vírus, o cão é infectado. Quando na corrente sanguínea, o vírus se espalha pelos tecidos e órgãos do animal. Como é muito resistente, o parvovírus sobrevive vários meses no ambiente, contaminando bebedouros, comedouros, roupas, brinquedos, cobertas e pisos.

Por esse motivo, torna-se indispensável higienizar e desinfetar o local onde vive o cão assim como todos os acessórios com os quais tem contato. Além da transmissão no ambiente, o parvovírus pode ser transmitido durante brincadeiras com outros cães, pois o agente patógeno permanece no pelo dos animais.

Sintomas


Os sintomas da parvovirose canina se manifestam após 7 a 14 dias da contaminação. Felizmente, a maioria dos cães adultos com sistema imunológico fortalecido combatem o parvovírus. Em contrapartida, cães filhotes, cães idosos e cães com baixa imunidade não conseguem combater o parvovírus, pois ele se multiplica rapidamente. Se o pet apresentar os sintomas da parvovirose, é preciso levá-lo imediatamente ao médico veterinário.

Os principais sintomas são apatia, inapetência, prostração, perda de peso, vômitos, diarreia com sangue e desidratação. Inclusive, devido aos vômitos e à diarreia, o animal se desidrata de tal forma que pode até mesmo morrer. Sem falar que a enterite pode comprometer outros órgãos, como o coração.

Tratamento


O tratamento da parvovirose canina visa fortalecer o sistema imunológico do animal para que o seu organismo combata o agente patógeno. As medidas tomadas pelo médico veterinário buscam reverter a desidratação e a infecção, entre outros problemas causados pela doença.

Prevenção


A parvovirose é prevenida com a ministração da vacina polivalente no cão ainda filhote. Antes do término do protocolo vacinal, o animal deve ficar em casa sem contato com outros cães. Além disso, o ambiente onde o animal vive deve ser higienizado e desinfetado, assim como os acessórios com os quais tem contato. Sem falar que o cão deve receber uma dieta balanceada, bem como vermifugação e proteção contra pulgas e carrapatos.

Conheça os Cursos CPT da Área Pet:

Primeiros Socorros para Cães e Gatos - Parada Respiratória e Cardíaca, Desmaios, Estado de Choque e Convulsões

Primeiros Socorros para Cães e Gatos - Principais Acidentes

Alimentação Natural para Cães e Gatos - Específico para Tutores

Fonte: petz.com.br

Por Andréa Oliveira

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis Pet - saiba tudo sobre raças e cuidados

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!