WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Fale com uma Especialista
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Cursos da Área Curso Como Montar e Operar uma Sorveteria Curso Como Montar e Operar uma Empresa de Limpeza Curso Como Montar um Pet Shop - Com Banho, Tosa e Atendimento Curso Como Montar e Operar uma Cafeteria Curso Como Montar uma Pastelaria Curso Como Montar e Operar uma Empresa de Controle de Pragas Domésticas Curso Montagem e Decoração de Festas Infantis Curso Como Montar e Administrar uma Pizzaria Curso Como Montar Uma Microcervejaria e Produzir Cerveja Artesanal Como Montar e Administrar uma Creche Curso Butique de Carnes - Como Montar e Operar Curso Como Montar um Canil Curso Como Montar e Administrar uma Imobiliária Curso Como Instalar e Administrar uma Escola Infantil Curso Silk Screen - Processo Artesanal Curso Como Montar uma Floricultura Curso Como Montar e Administrar um Salão de Beleza Curso Como Montar e Gerenciar uma Livraria Curso Como Montar e Operar uma Torrefadora de Café Curso Como Montar e Administrar uma Confecção de Roupas Curso Como Montar uma Oficina de Encadernação - Processo Artesanal Curso Como Montar e Gerenciar uma Academia de Ginástica Curso Como Montar uma Cozinha Comercial Curso Como Montar Uma Loja de Aquários Curso Capacitação de Operadores de Telemarketing Curso Como Montar e Administrar um Consultório Odontológico Curso Como Montar e Operar uma Oficina de Papel Artesanal Curso Como Montar e Administrar Farmácias e Drogarias Curso Como Montar uma Loja de Móveis Antigos Curso Agência de Ecoturismo - Estrutura, Operação e Elaboração de Roteiros Curso Como Montar e Gerenciar um Telemarketing Áreas Afins 14Indústria Caseira 9Indústria da Carne 10Pequenas Indústrias Depoimentos dos Alunos Alunos de Sucesso Depoimentos Publicações TV Cursos CPT Artigos Notícias Dicas Cursos CPT Entretenimento Beirada de Fogão Melhores Filmes do Cinema Reflexões

Covid-19: como limpar e desinfetar banheiros corretamente

Precisando aprender limpar e desinfetar banheiros corretamente, a fim de evitar e ou transmitir a contaminação por Covid-19? Isso é bem fácil

Covid-19: como limpar e desinfetar banheiros corretamente   Artigos CPT

Precisando aprender limpar e desinfetar banheiros corretamente, a fim de evitar e ou transmitir a contaminação por Covid-19? Isso é bem fácil, “já que os produtos utilizados na limpeza de banheiros são apenas água, detergente germicida do tipo múltipla ação e solução clorada, a 200 ppm”, explica José Osnar Viviani, professor do Curso CPT Como Montar e Operar uma Empresa de Limpeza.

A diluição do detergente germicida, tipo múltipla ação, deverá ser em água, seguindo as recomendações do fabricante do produto. Já para se obter a solução clorada, a 200 ppm, será preciso determinar a quantidade de cloro que deverá ser adicionado em água para se obter a quantidade de solução clorada, a 200 ppm, que se deseja. Para isso, basta que utilize a fórmula apresentada a seguir:


Solução clorada =

V.S. x C.R. (PPM)
C.C. x 10

Sendo:
V.S. = Volume de solução que se deseja obter, em L;
C.R. = Concentração recomendada para a solução, que neste caso é de 200 ppm; e
C.C = Concentração de cloro no produto comercial utilizado, em %.

Para fazer a esterilização dos vasos sanitários e mictórios existentes em um banheiro de shopping center, por exemplo, o supervisor de limpeza precisa fazer 10 L de solução de hipoclorito de sódio, a 200 ppm. Para isso, ele irá utilizar hipoclorito de sódio que, segundo sua fórmula comercial, possui uma concentração de 10% de cloro. Quantos gramas desse hipoclorito de sódio o gerente deverá adicionar a água para obter a quantidade de solução desejada? Vamos lá:


Solução:
Dados: V.S. = 10 L;
C.R. = 200 ppm; e
C.C = 10%.
V.S. x C.R. (ppm)

Solução à base de cloro =

10 L x 200 ppm


10 x 10

Solução à base de cloro = 20 g.

Portanto, para se obter 10 L da solução de hipoclorito de sódio, a 200 ppm, deve-se utilizar 20 g de hipoclorito de sódio com concentração de 10% de cloro.

Para fazer a limpeza em banheiros, os auxiliares de limpeza deverão estar devidamente uniformizados, usando calçado impermeável e antiderrapante, e calçando luvas de borracha. Antes de entrarem no banheiro, os auxiliares deverão fazer a sinalização na porta de entrada do banheiro, indicando que o mesmo estará, temporariamente, fora de uso por motivo de limpeza. Aqui, vale lembrar que essa limpeza deverá ser programada para ser feita nos horários de menor movimento, para causar o menor transtorno possível.

A organização dos horários deverá ser feita de acordo com as necessidades do cliente, sendo que poderá ser necessária a limpeza em vários horários, se o ambiente for de trânsito intenso. Depois de entrarem no banheiro, os auxiliares deverão proceder da seguinte maneira para fazer a limpeza:


1- fazer a diluição do detergente em água, seguindo as recomendações do fabricante do produto;

2- abrir todas as janelas e, em seguida, fazer o recolhimento do lixo existente nas lixeiras, fazendo-se, também, nesse momento, a troca dos sacos de lixo;

3- fazer o ensaboamento das lixeiras, sempre de fora para dentro, utilizando-se, para isso, a diluição de detergente germicida, de múltipla ação, para posteriormente serem enxaguadas e secas com pano limpo e macio;

4- iniciar a limpeza de paredes, divisórias e portas, utilizando-se, para isso, detergente diluído em água. A limpeza, nesse caso, deverá ser feita de cima para baixo, esfregando muito bem os azulejos, e, principalmente, os rejuntes. Aqui, o detergente germicida de múltipla ação aplicado deverá permanecer em contato com as paredes, por, pelo menos 15 minutos, para garantir a eliminação dos microrganismos;

5- enquanto o detergente germicida de múltipla ação permanece em contato com as paredes, deve-se iniciar a limpeza dos sanitários e mictórios. Para isso, deve-se primeiro abaixar as tampas dos sanitários, para, em seguida, dar uma descarga prolongada, em todas as unidades, tanto nos sanitários como nos mictórios. Feito isso, agora deve-se lançar uma certa quantidade de solução clorada no interior dessas unidades visando, assim, garantir a esterilização das mesmas. Em seguida, deve-se proceder a limpeza das partes externas dos vasos e mictórios e também das conexões metálicas, dos comandos de descarga, das tampas e dos assentos dos sanitários, o que deverá ser feito, utilizando-se uma esponja macia para aplicar o detergente. Em todas essas partes das superfícies, o detergente deverá permanecer em contato com elas por, no mínimo, 15 min. Aqui, vale lembrar que, na parte interna dos mictórios e sanitários, o detergente deverá ser esfregado com uma escova de cabo longo, própria para isso, e usada sempre no mesmo sentido de direção. Além disso, também é indispensável que a esponja utilizada para esfregar as tampas dos sanitários e as peças de metais sejam exclusivas para essa finalidade;

6- enquanto o detergente permanece em contato com os sanitários e mictórios, será preciso limpar os toalheiros, a papeleira, os espelhos, as pias e bancadas, o que também é feito, utilizando-se o detergente germicida de múltipla ação. Para limpar as papeleiras, primeiro será preciso retirar as luvas, abri-las e retirar os papéis ou toalhas que ainda não foram utilizadas, para que não se molhem. Feito isso, os compartimentos deverão ser fechados, quando deve-se aplicar o detergente sobre elas, com outra esponja macia. Agora, deve-se iniciar a limpeza das demais superfícies, ou seja, dos espelhos, das saboneteiras e das bancadas. Nessas superfícies, o detergente deverá ser levemente borrifado para, em seguida, ser espalhado, com uma esponja bem macia e exclusiva para essa função;

7- até este momento, todas as superfícies do banheiro, exceto o piso, encontram-se ensaboados, portanto, agora será o momento de fazer o enxágue de todas essas superfícies, o que deverá ser feito, jogando-se água limpa, de cima para baixo, para conduzir a espuma, juntamente com as sujidades para o piso do banheiro. Nesse momento, será preciso dar mais uma descarga prolongada nos sanitários e mictórios, para retirar a espuma com sujidades existente no interior dos mesmos. Finalizado o enxágue dessas superfícies, não deverá existir nenhum vestígio de espuma nas superfícies, por isso, esta etapa deverá ser feita com muito cuidado;

8- depois de feito o enxágue de todas as superfícies que se encontravam ensaboadas com detergente, agora, o próximo passo, será a limpeza do piso, o que também deverá ser feito, espalhando-se detergente de múltipla ação em toda a sua extensão. Após, deve-se esfregar bem o piso e os rejuntes, utilizando, para isso, vassouras de piaçava. Conforme mostrado no filme, esse procedimento deverá ser realizado de dentro para fora, ou seja, do fundo do banheiro em direção à sua porta de saída. Aqui, também deve-se esperar que o detergente de múltipla ação fique em contato com o piso, por um período de uns 15 min, quando, então, deve-se realizar o enxágue do piso e a remoção da espuma e sujidades para o ralo ou calha coletora;

9- Feito isso, para finalizar a limpeza do banheiro, deve-se enxugar todas as superfícies com pano limpo e macio, reabastecer as papeleiras, os toalheiros e as saboneteiras. Feito isso, finalmente, o banheiro estará, novamente, em plenas condições de uso, podendo-se, portanto, fazer a retirada da placa de sinalização que foi colocada na entrada do mesmo.

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no Vídeo abaixo:


Conheça os Cursos CPT da área Pequenas Empresas.
Por Silvana Teixeira.

 

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!