WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Orientação sexual: onde falar sobre isso, em casa ou nas escolas?

Para muitos educadores a sexualidade deveria ser abordada somente em família. Por outro lado, para muitos pais, ao contrário, a presença da escola é fundamental quando o assunto é sexo

Orientação sexual: onde falar sobre isso, em casa ou nas escolas?    Artigos Cursos CPT

 

Para muitos educadores, a sexualidade deveria ser um assunto para ser abordado somente em família. Por outro lado, para muitos pais, ao contrário, as dificuldades em abordar esse tema em casa, em um ambiente tão carregado de emoções como o familiar, indica que a presença da escola é fundamental, quando o assunto é sexo.

“Essas duas posições antagônicas sobre o tema já indicam o quanto ele é polêmico”, Bruno de Morais Cury, professor do Curso CPT Orientação Sexual - Tema Transversal - Fundamental I.

Uma análise histórica nos mostra que a escola se preocupou pouco com a temática sexual até os anos 80. Naquela época, o aumento dos índices de gravidez na adolescência e a crescente disseminação do vírus da AIDS – este talvez o elemento mais importante por conta da grande cobertura da mídia – tornaram inevitável que esse assunto demandasse mais atenção na sala de aula. Tanto que uma pesquisa feita pelo Instituto Data Folha em dez capitais do país, em 1993, constatou que 86% dos ouvidos eram favoráveis à inclusão de Orientação Sexual nos currículos escolares (MEC, 1998).

Poucos anos depois, em 1998, o Ministério da Educação incluiu a “Orientação sexual” como tema transversal ao currículo do ensino fundamental, publicando orientações para a abordagem do tema nos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN). Como a orientação sexual já faz parte do currículo do ensino fundamental na área de conhecimento das ciências naturais, os PCN propõem que o trabalho com os temas transversais tenham como principal foco as atitudes.

Portanto, não deve ser considerado como objetivo central do tema o ensino sobre anatomia ou reprodução humana, embora esses assuntos possam ser abordados de forma complementar para o entendimento de determinados assuntos.

Mas, o que significa especificamente focar em atitudes? Qual o objetivo desse tipo de trabalho com o tema transversal Orientação Sexual? A resposta a essas perguntas está diretamente relacionada a uma mudança de foco no ensino. A abordagem da sexualidade na sala de aula deverá buscar mudanças atitudinais, ou seja, mudanças de valores e atitudes dos alunos, que normalmente não seriam conseguidas ao se trabalhar a educação sexual na sua forma tradicional.

As mudanças atitudinais visam alterar a realidade escolar com respeito à sexualidade, a começar pela compreensão de que as questões referentes à sexualidade não se restringem apenas ao âmbito individual. Ao contrário, estão contextualizadas social e culturalmente e assim devem ser encaradas. E por estarem contextualizados socialmente, os assuntos relacionados à sexualidade nem sempre são temas em que ocorre uma relação direta entre a informação e a atitude das pessoas, ou seja, muitas vezes, receber uma informação, ou mesmo aprender um conteúdo, não significa necessariamente ajudar o indivíduo a formular atitudes construtivas sobre um determinado assunto. Isso porque muitos fatores culturais podem levar algumas pessoas a terem atitudes contraditórias à informação recebida.

Aprimore seus conhecimentos sobre o assunto. Leia a(s) matéria(s) a seguir:


- A mídia influencia a sexualidade de crianças e adolescentes? SIM!
- Cuidado! O comportamento sexual das crianças se modela nos adultos

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos a Distância CPT da área Metodologia de Ensino.
Por Silvana Teixeira.

 

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!