Orientação sexual na infância

É preciso que a escola e os pais ajam no sentido de desenvolver as crianças no campo da sexualidade

 A orientação sexual deve ser feita desde a infância

A educação sexual é um tema de extrema importância para a sociedade e deve ser motivo de atenção dos pais. A abordagem desse assunto na infância deve ser feita de maneira cuidadosa e eloquente. As crianças têm uma visão de sexualidade muito limitada e precisam ser instruídas para crescerem com a concepção correta sobre o assunto.

Além dos pais, a escola deve contribuir efetivamente para esse objetivo. No ensino fundamental, as crianças ainda estão muito novas e tendem a se comportar, quase que instintivamente, dando asas ilimitadas as suas vontades. Elas ainda não sabem distinguir o certo do errado e agem espontaneamente, mesmo que isso fira os padrões de comportamento.

Quando essa falta de limites, que para as crianças é apenas brincadeira, adentra o campo da sexualidade, ela reflete uma situação mais delicada. É onde entra a orientação sexual.

Normalmente, os pais evitam ao máximo tocar em assuntos de cunho sexual. É até compreensível que eles queiram manter esse contexto distante dos seus filhos. Nessa hora, a escola deve assumir a responsabilidade de orientar seus alunos.

Para que as crianças cresçam com maturidade, é necessário que elas desenvolvam um conjunto de princípios que respeitem os limites de contato e convivência do ser humano. Muitas pessoas não sabem como lidar com esse tema e têm dificuldade para abordá-lo de maneira adequada. O correto é que essas pessoas busquem ajuda e instrução para cumprir com competência esse papel.

Maria Cortes e Bruno de Morais Cury são professores do Curso "Orientação Sexual – Tema Transversal – Fundamental I", elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas e mostram no curso todo o universo de pensamento de uma criança, considerando o contexto sexual e as formas de ensiná-la corretamente todos os princípios que envolvem o assunto. É um grande auxílio na formação de um cidadão consciente, ainda que na infância.
    
Manifestações da sexualidade na escola


 As crianças naturalmente possuem algumas manifestações sexuais

O entendimento da maturidade das crianças é de extrema relevância para que o processo de ensino-aprendizagem de um tema tão importante como esse seja produtivo.

Entre 6 e 8 anos, as crianças vivem um momento em que sua realidade está cercada de fantasia e brincadeiras rotineiras que têm enorme importância.

Após essa fase, gradativamente, há um processo de amadurecimento que se acelera a partir dos oito anos, em que a fantasia reduz e a autonomia aumenta, até que a criança atinja os 10 anos.

Ao longo desse amadurecimento, é importante que o professor saiba que a manipulação dos genitais e as brincadeiras que envolvem contato corporal, nas regiões genitais de maneira que misture o prazer com a curiosidade, são bastante comuns e podem ser consideradas como normais.

A forma de encarar essas atitudes na escola deve ser bem pensada pelo professor para que ele intervenha de forma tranquila e consciente, mostre a inadequação do comportamento e ensine o correto.

Entretanto, embora o educador deva intervir nesses acontecimentos, por outro lado ele deve evitar julgamentos, seja com atitudes de condenação ou mesmo de aprovação. Não há que se julgar o ato e rotulá-lo.

A curiosidade sobre o corpo do outro, as brincadeiras com colegas, as piadas e músicas sobre sexualidade, as perguntas, as imitações de gestos e atitudes que remetem à manifestação da sexualidade adulta estão presentes intensamente na rotina da escola.

Para atuar com tranquilidade, o educador deve ter a consciência do comportamento sexual das crianças, de forma a poder orientar adequadamente seus alunos nessa fase.

Envolvimento da família na sexualidade das crianças

Um importante passo na busca de um trabalho bem sucedido em orientação sexual diz respeito à relação do professor e da escola com a família dos alunos. Como esse é um assunto cercado de mitos, visões muito particulares e de tabus, demanda muito cuidado do professor na abordagem, afinal uma fala mal interpretada e distorcida pode levar a algum tipo de intervenção da família, tanto as mais conservadoras como as mais liberais.

O apoio dos pais aos trabalhos desenvolvidos com os alunos é um aliado importante para o êxito da orientação sexual na escola. Deve ser explorado na medida em que os alunos precisem de instrução. É fundamental que acompanhem de perto o tratamento que a escola dispensa aos seus filhos.

 As crianças devem ser orientadas tanto na escola, como em casa sobre assuntos sexuais

Na busca pela formação de cidadãos de caráter indubitável, a integração entre família e escola deve se dar de maneira amistosa e empenhada na missão de formação adequada das crianças, não só no âmbito sexual mas em todos os aspectos da cidadania.

Procure sempre instrução para lidar com esses assuntos delicados, como sexualidade. Assim, será possível conceder uma abordagem que surta efeito sobre as crianças. Elas precisam ser guiadas e dependem dos educadores para que sigam pelo caminho certo.

 

 

Leia também:

A ética como tema transversal

Conscientização ambiental

Trânsito e educação devem andar na mesma pista

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Jacineide Nascimento Trindade

6 de mar de 2013

Gostei muito deste artigo, esclareceu bastante as minhas duvidas de como conversar com as crianças e principalmente com os pais .

Resposta do Portal Cursos CPT

7 de mar de 2013

Olá, Jacineide!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Não deixe de acessar para ficar por dentro de conteúdo em sua área de interesse.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Cursos Relacionados

Curso Trânsito na Educação - Infantil e Fundamental I Curso Trânsito na Educação - Infantil e Fundamental I

Com Prof.ª Cidinha Pires, Prof. Juliel Modesto e Prof.ª Maria Cortes

R$ 412,00 à vista ou em até 12x de R$ 34,33 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Meio Ambiente - Tema Transversal - Fundamental I Curso Meio Ambiente - Tema Transversal - Fundamental I

Com Prof.ª Dr.ª Gínia Bontempo

R$ 412,00 à vista ou em até 12x de R$ 34,33 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Ética - Tema Transversal - Fundamental I Curso Ética - Tema Transversal - Fundamental I

Com Prof.ª Maria Cortes

R$ 412,00 à vista ou em até 12x de R$ 34,33 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Orientação Sexual - Tema Transversal - Fundamental I Curso Orientação Sexual - Tema Transversal - Fundamental I

Com Prof. Bruno de Morais e Prof.ª Maria Cortes

R$ 412,00 à vista ou em até 12x de R$ 34,33 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Outros artigos relacionados à área Metodologia de Ensino

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade