WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

É brigadista? Vai encarar fogo no pasto? Antes leia aqui!

Você é brigadista? Vai encarar fogo no pasto? Cuidado! Antes de se atrever no combate ao incêndio, atenção especial a estas dicas


Você é brigadista? Vai encarar fogo no pasto? Cuidado! Antes de se atrever no combate ao incêndio, atenção especial a estas dicas: tenha calma, respire fundo, pense nas melhores estratégias e, principalmente, certifique-se que você tem à disposição todos os equipamentos e ferramentas necessários para o seu trabalho.

Por que não se pode descuidar dos equipamentos e das ferramentas? Simples, porque a segurança dos brigadistas é fundamental durante as operações de combate a incêndios. Portanto, para evitar acidentes que ponham em risco a saúde e a vida de todos os envolvidos, é fundamental que os combatentes estejam munidos de seus objetos de trabalho, protegidos contra altas temperaturas e gases, e também utilizando vestimentas e máscaras adequadas.

Mas não é só isso. Esses equipamentos e ferramentas podem variar desde itens simples, como um machado, até soluções mais avançadas, como aviões teleguiados. O especialista D.Sc. Guido Ribeiro, professor do Curso CPT Formação e Treinamento de Brigada de Incêndio Florestal, enfatiza que "quando o chamado ocorre, a equipe precisa se organizar rapidamente.”

É brigadista? Vai encarar fogo no pasto? Antes leia aqui!

A eficácia de um plano de proteção contra incêndios reside na habilidade de utilizar efetivamente os recursos disponíveis. Neste sentido, roupas e equipamentos devem estar sempre prontos e em bom estado. No caso específico das vestimentas, estas devem proporcionar conforto e mobilidade aos brigadistas.

No curso, Ribeiro, especialista em controle de incêndios florestais, explica que os materiais de trabalho devem ser exclusivamente dedicados ao combate a incêndios e utilizados de acordo com suas funções específicas. Esses itens devem ser mantidos visíveis para facilitar a localização e prevenir acidentes. É expressamente proibido deixá-los no campo ou em trilhas percorridas por brigadistas ou veículos.

O que mais saber sobre o combate a incêndios?


As ferramentas não devem ser jogadas, e ao serem transportadas, deve-se manter uma distância segura de pelo menos dois metros entre cada brigadista. Após as operações, cada equipamento deve ser minuciosamente limpo e inspecionado. Aqueles em boas condições devem ser armazenados no almoxarifado designado. As ferramentas de corte, antes de serem guardadas, precisam ser afiadas e lubrificadas. Se algum item apresentar defeito, deve ser reparado imediatamente. Caso o reparo não seja viável, o item deve ser descartado.


Conheça os Cursos CPT da área Meio Ambiente.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!

Precisa de ajuda?