WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Estudando a Calcificação Patológica? Aqui a Osteoposição e a Osteólise

Calcificação Patológica é o processo em que os sais de cálcio se depositam em tecidos não osteoides, levando à calcificação


Você sabe o que é calcificação patológica? Compreende corretamente esse processo e sua ação no organismo? Se a resposta ainda é duvidosa, é hora de estudar um pouco mais sobre histopatologia. Antes de começarmos a nossa conversa sobre o assunto, porém, uma dica para o resto de sua vida: o que você vê no microscópio pode salvar vidas! Agora vamos lá?

Pois bem. Calcificação Patológica é o processo em que os sais de cálcio se depositam em tecidos não osteoides, levando à calcificação.

Segundo João Paulo Machado, Doutor em Medicina Veterinária - Patologia Animal pela UFV e professor do Curso CPT Patologia Geral - Histopatologia, “a calcificação patológica também pode ser denominada de mineralização patológica, pois junto ao cálcio se deposita muitas vezes magnésio, fósforo e uma série de outros íons.”

Os tipos de mineralizações patológicas são:


- Metastática: não requerem a lesão tecidual para que ocorra.
- Distrófica: ocorre nas lesões teciduais.


O cálcio no organismo compõe 90% dos ossos e dentes na forma de hidroxiapatita. No organismo, porém, deve haver um equilíbrio entre osteoposição (deposição de cálcio ósseo) e osteólise (redução da massa óssea).


Sobre esses dois processos é fato dizer que:


- Osteoposição: ocorre com ajuda do hormônio calcitonina, produzido pela tireoide.
- Osteólise: ocorre com auxílio do paratormônio produzido pela paratireoide.


E como ocorre a absorção do cálcio no organismo?


A absorção do cálcio ocorre no duodeno graças à ação da vitamina D. Sua excreção é feita pelos rins e intestino. No organismo, o cálcio fica depositado no plasma na forma de íons livres para contração muscular e coagulação sanguínea.

Os níveis normais (normocalcemia) vão depender dos hormônios calcitonina (produzido pela tireoide), paratormônio (produzido pela paratireoide) e da vitamina D (sintetizada a partir da degradação do colesterol dérmico).

Estudando a Calcificação Patológica? Aqui a Osteoposição e a Osteólise


Lembre-se:


Níveis baixos de cálcio no organismo→ hipocalcemia.
Níveis altos de cálcio no organismo→ hipercalcemia.


Para aprofundar-se nesse campo de trabalho, o Curso CPT Patologia Geral - Histopatologia surge como uma excelente fonte de capacitação, proporcionando conhecimentos específicos e práticos aos médicos veterinários. Ao investir nessa formação, você estará se destacando no mercado de trabalho, ampliando suas habilidades e contribuindo de maneira mais eficaz para a compreensão e enfrentamento das condições médicas.

Este curso é uma oportunidade única para elevar seu conhecimento, aprimorar sua prática profissional e destacar-se em um cenário competitivo, garantindo um impacto positivo em sua carreira. Descubra aqui como fazer diagnósticos precisos.


Conheça os Cursos CPT da área Medicina Veterinária.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!

Precisa de ajuda?