WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Vai adubar? Construa o seu próprio equipamento!

Vai adubar? Construa você mesmo o seu próprio equipamento, como o adubador manual de rodas, um equipamento excelente para pequenas áreas cultivadas

Vai adubar? Construa o seu próprio equipamento!  Artigos Cursos CPT

 

Vai adubar? Construa você mesmo o seu próprio equipamento, como o adubador manual de rodas. Trata-se de um equipamento que representa uma excelente forma de fazer adubação em cobertura em pequenas áreas cultivadas.

“Além disso, é uma máquina que pode ser construída com peças simples e de fácil acesso e, ao mesmo tempo, é capaz de realizar uma adubação de cobertura de forma rápida, fácil e eficiente”,  afirma Dr. Afonso Peche Filho, professor do Curso a Distância CPT Mecanização em Pequenas Propriedades. Outro ponto importante diz respeito ao fato de que esse equipamento requer pouco esforço físico do operador.

Veja como é simples a construção do adubador manual de rodas. As peças utilizadas na construção do adubador manual de rodas são:


• Estrutura metálica de sustentação (Chassi): a estrutura metálica de sustentação desse adubador é formada por barras de ferro.

• Roda de ferro: a função da roda de ferro é a de facilitar o deslocamento do equipamento e, com isso, reduzir o esforço do operador.

• Depósito de fertilizante: é o local onde o fertilizante será colocado para ser distribuído no solo ao longo da linha de plantio das plantas. Pode ser constituído por recipientes fabricados de materiais simples como, por exemplo, um balde de plástico. A capacidade desse depósito pode variar de 15 a 20 L de adubos. Esses valores são os mais adequados, pois os maiores exigem grande esforço físico do operador e os menores fazem com que a operação de aplicação seja interrompida com muita frequência, para fazer o abastecimento do mesmo.

• Tubos de descarga do fertilizante: o adubador manual possui dois tubos de descarga, sendo um do lado direito e o outro do lado esquerdo. É por esses tubos por onde o adubo sai do depósito e cai no solo. Eles permitem distribuir o fertilizante na forma de um filete contínuo, próximo das fileiras de plantas. Os dois tubos de descarga do equipamento permitem que a distribuição do fertilizante seja feita sempre de um mesmo lado das fileiras de plantas.

• Dispositivos de regulagem da vazão de fertilizantes: são duas peças que regulam a vazão de aplicação de fertilizantes. Ficam posicionados sobre a entrada dos tubos de fertilizantes de descargas. Assim, eles podem ser posicionados de forma que a entrada de fertilizante nos tubos fique mais ou menos aberta, regulando a vazão de saída do produto. Para cada tubo de saída, existe um dispositivo de regulagem da vazão. Assim, quando um tubo não estiver sendo usado, ele é fechado por meio do dispositivo de regulagem associado a ele.

• Empunhaduras manuais: as empunhaduras são as peças que permitem que o operador dirija o equipamento, conduzindo-o próximo das fileiras de plantas.

• Dispositivo agitador do fertilizante: é a peça responsável por agitar o fertilizante dentro do depósito, para favorecer uma distribuição homogênea do mesmo. O seu acionamento é feito pela roda de ferro do equipamento.

Nesse equipamento, a quantidade de adubo aplicada por metro de fileira de plantas é controlada atuando no dispositivo de regulagem da máquina. Durante a aplicação, ao final de cada linha, fecha-se o tubo de aplicação que está liberando o fertilizante e, em seguida, manobra-se a máquina, levando-a até a próxima fileira que será adubada. Nessa posição, abre-se o outro tubo de saída de fertilizante. Feito isso, o operador inicia a aplicação da fileira de plantas.

O adubador manual de rodas, sendo conduzido por um operador treinado, terá capacidade de realizar, em um dia de trabalho, a adubação em uma área em torno de um hectare, para culturas espaçadas em torno de 90 cm.

Existem outros modelos de adubador manual de rodas?
No que se refere a esse tipo de adubador, no mercado, também, existem aqueles que possuem apenas um tubo de saída e os com dois tubos de saídas.

Aprimore seus conhecimentos sobre o assunto. Leia a(s) matéria(s) a seguir:


- Agricultura competitiva é agricultura mecanizada!

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos a Distância CPT da área Mecanização Agrícola.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!