Iogurte: uma delícia asiática

É a bebida láctea mais consumida não só na Europa como no Brasil

 O iogurte, além de ser saboroso, é um alimento bastante saudável

Origem do Iogurte

A palavra iogurte origina-se da palavra turca yoghurma, que significa engrossar. Na Albânia, é conhecido como Chutly-Yougourth; na Macedônia e Bulgária, como Podkavassa e na Síria e Afeganistão, como Kechia. Sendo assim, sua origem é asiática.

 

É um alimento bastante popular e consumido no Brasil, na Europa (Turquia, Bulgária, Sérvia, Grécia, România) e na Arábia. Sua fórmula era passada de geração para geração e sua receita, guardada cuidadosamente. Segundo a Bíblia, Abraão foi a primeira pessoa a preparar o iogurte, orientado por um anjo, para que curasse uma enfermidade de sua mulher Sara.

 

“Desde os primórdios, era um alimento considerado medicinal e revitalizador, semelhante ao elixir da juventude. No entanto, não era popular, já que seu sabor não era agradável”, afirma a pesquisadora da UFV Célia Lúcia Ferreira, professora do curso Produção de Iogurte, Bebida Láctea, Doce de Leite e Requeijão, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas.

 

Definição

 

O iogurte vem da fermentação do leite pela ação das bactérias Streptococcus termophilus e Lactobacillus delbrüeckii, subsp. bulgaricus. Entretanto, outras bactérias podem ser adicionadas ao produto, durante a etapa de resfriamento, após sua elaboração, como é o caso do Lactobacillus acidophilus.

 

É um produto lácteo, ácido e com melhor digestibilidade. É excelente no combate de infecções intestinais. Além disso, proporciona uma melhor assimilação de determinados componentes do leite, como lactose e proteínas, essenciais ao organismo. Também é considerado seis vezes mais digerível que o leite.

 

Propriedades

 

- Menor teor de lactose do que o leite. A lactose é parcialmente transformada em ácido láctico, durante a fermentação, facilitando a assimilação do iogurte em indivíduos com intolerância à lactose.

 

- Proteólise e digestão. As proteínas do leite, de alto valor biológico, são parcialmente pré-digeridas, por ação das bactérias lácticas, permitindo melhor digestão.

 

- Vitaminas. Estas auxiliam no desenvolvimento das bactérias lácticas, que produzem outras vitaminas aumentando sua variedade.

 

- Minerais. O iogurte apresenta ampla variedade de minerais, destacando-se com maior importância o cálcio, que apresenta elevada biodisponibilidade.

 

Classificação

 

O iogurte pode ser classificado em dois tipos, de acordo com sistema de fabricação:

 

- Iogurte Natural (com coalhada firme);

- Iogurte Batido (com coalhada mexida).

 

Com o intuito de melhorar sua consistência, seu aspecto, ou para diferenciar sua composição, poderão ser agregados ingredientes tais como:

 

- ágar-ágar;

- gelatina;

- açúcar;

- glicose;

- leite em pó ou condensado entre outros.

 

Além desses ingredientes, poderão ser adicionados os diversos sabores, como por exemplo:

 

- coco;

- morango;

- abacaxi;

- ameixa;

- pêssego entre outros.

 

Produtos mais sofisticados recebem sabores ou aromas de frutas, frutas preparadas ou em calda (ou concentradas). São eles:

 

- Iogurte tradicional natural: é aquele em que não há adição de açúcar, aromas ou polpas e o processo de coagulação ocorre dentro da própria embalagem.

- Iogurte batido: o processo de elaboração acontece em fermenteiras ou incubadeiras. Posteriormente, há quebra do coágulo e acréscimo opcional de corantes, saborizantes, polpas ou pedaços de frutas. O iogurte é submetido a resfriamento e envase. O tipo batido natural é obtido sem emprego de aditivos.

- Iogurte líquido: é o iogurte batido de baixa viscosidade, próprio para beber. Pode ser ainda classificado em iogurte líquido natural e iogurte líquido saborizado.

 

Ao fazer um Curso à distância do CPT, o aluno será submetido a uma avaliação e, sendo aprovado, receberá um certificado emitido pela UOV - Universidade Online de Viçosa. A UOV é uma Instituição Certificadora Oficial, mantenedora da ABED - Associação Brasileira de Educação à Distância.

 

Por Andréa Oliveira

 

Cursos Relacionados

Curso Produção de Queijos Minas Frescal, Mussarela e Gouda Curso Produção de Queijos Minas Frescal, Mussarela e Gouda

Com Prof.ª Célia Ferreira

R$ 428,00 à vista ou em até 12x de R$ 35,67 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Produção de Queijo Minas Padrão, Prato e Provolone Curso Produção de Queijo Minas Padrão, Prato e Provolone

Com Prof.ª Célia Ferreira

R$ 428,00 à vista ou em até 12x de R$ 35,67 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Produção de Queijo do Reino, Cottage, Coalho e Ricota Curso Produção de Queijo do Reino, Cottage, Coalho e Ricota

Com Prof.ª Célia Ferreira

R$ 428,00 à vista ou em até 12x de R$ 35,67 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Produção de Iogurte, Bebida Láctea, Doce de Leite e Requeijão Cremoso  Curso Produção de Iogurte, Bebida Láctea, Doce de Leite e Requeijão Cremoso

Com Prof.ª Célia Ferreira

R$ 428,00 à vista ou em até 12x de R$ 35,67 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Outros artigos relacionados à área Laticínios

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade