WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Esquenta Black Friday 25%OFF nos cursos online

4 árvores perfeitas para arborizar calçadas

Para arborizar calçadas, recomendam-se plantas de crescimento lento, com folhas persistentes, boa formação da copa e raízes profundas

4 árvores perfeitas para arborizar calçadas

“O plantio de árvores em vias públicas torna-se uma atividade rotineira nas cidades. Entretanto, para evitar problemas, vários critérios devem ser considerados, como largura da calçada, presença de fiação de rede elétrica/telefônica, tubulações de água/esgoto e drenagem de águas pluviais. Para arborizar calçadas, recomendam-se plantas de crescimento lento, com folhas persistentes, boa formação da copa e raízes profundas”, explica Wantuelfer Gonçalves, professor do Curso CPT Arborização Urbana.

As árvores perfeitas para arborizar calçadas (salvo exceções) não devem apresentar:


->Tronco e galhos fracos ou vulneráveis;
->Raízes agressivas ou superficiais;
->Frutos ou flores grandes;
->Crescimento rápido;
->Porte grande.

Ipê amarelo, branco, roxo e rosa


Com crescimento lento e raízes profundas, o ipê (Tabebuia) é uma árvore viável para a arborização urbana. Além de não destruir as calçadas, essa espécie caducifólia (perde as folhas em uma determinada época do ano) não requer pouco manejo. Árvore grande e frondosa, com ramos cobertos por lindos cachos com flores amarelas, brancas, rosas ou roxas, o ipê alegra a cidade com suas mais variadas nuances anualmente.

Na fase adulta, algumas espécies de ipê alcançam 10 a 35 metros de altura, com tronco vigoroso e altivo. Por esse motivo, seu plantio não é recomendado para locais com fiação elétrica/telefônica muito próxima.

Cerejeira-do-Japão


Espécie arbórea decídua (ou caducifólia), a cerejeira-do-Japão (Prunus serrulata) ornamenta as calcadas com flores deslumbrantes e nuances, que vão da cor branca ao tom rosa escuro. Árvore típica dos climas temperado e subtropical, a cerejeira japonesa pode chegar a 6 metros de altura quando adulta. Ela pode ser plantada, em áreas com pleno sol ou meia-sombra, contanto que o solo apresente pH neutro, boa drenagem e alta fertilidade.

No Brasil, o plantio dessa espécie é viável em regiões com altitudes elevadas, mas a floração ocorre precocemente. Essa magnífica espécie de cerejeira tolera seca, por curto período, bem como temperaturas baixas, inclusive geadas.

Cássia do Nordeste


Outra espécie caducifólia, mas típica de clima tropical, é a cássia do Nordeste, ou canafístula-de-besouro (Senna spectabilis). Árvore ornamental, com belas flores amarelas, a cássia apresenta porte pequeno (5 a 9 metros de altura) e copa fechada, o que permite o plantio em calçadas com fiações. Outra grande vantagem é o sombreamento das calçadas, principalmente nos dias mais quentes de verão.

Noivinha


A noivinha ou chuva-de-prata (Euphorbia leucocephala) é uma espécie arbustiva caducifólia, típica de regiões com climas equatorial e tropical. Com porte pequeno (2 a 3 metros de altura) e copa arredondada, suas folhas verdes se tornam brancas, em maio, o mês das noivas, daí o nome. Quando floresce, seu caule ramificado ganha belíssimas flores brancas, que lembram estrelas com brácteas no tom creme bem clarinho.

Quer saber mais sobre o curso? Dê play no vídeo abaixo:

Conheça os Cursos CPT da Área Jardinagem e Paisagismo.

Leia o artigo "Arborização urbana tem papel indispensável para a qualidade de vida na cidade."

Fonte: solucoesparacidades.com.br

Por Andréa Oliveira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!