WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Fale com uma Especialista
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Dicas para fazer pesquisa salarial

Para fazer a pesquisa salarial, a empresa deve considerar o porte, a região e o segmento das empresas atuantes no setor

Dicas para fazer pesquisa salarial

Para fazer pesquisa salarial, a empresa deve considerar a competitividade salarial e os benefícios oferecidos aos colaboradores da corporação. Atualmente, esta é uma prática bastante comum para a maioria das empresas atuantes no mercado, com o objetivo de buscar salários mais justos e equilibrados. Entretanto, é de suma importância adotar alguns critérios essenciais para melhor direcionar o setor de RH durante todo o processo.

Em geral, é solicitado o apoio de outras empresas atuantes no mercado. Para isso, a empresa pesquisadora deve considerar o porte, a região, o segmento, a estrutura interna, a competitividade de mão de obra e a estratégia dos recursos humanos das empresas participantes do estudo.

Da mesma forma, devem ser considerados os cargos e suas atribuições, o grau de representatividade destes no mercado de trabalho, a importância estratégica de cada cargo, além do número de colaboradores da empresa. Tudo para “chegar a um nível salarial coerente e compatível com a realidade da empresa e do mercado”, afirma Alexandre Pescuma, do Curso a Distância CPT Como Implantar um Plano de Cargos e Salários, disponível nos formatos em Livro+DVD e Online.

A próxima etapa é coletar informações sobre:

Políticas e processos dos recursos humanos

Durante a pesquisa salarial, é imprescindível conhecer a fundo as políticas e processos dos recursos humanos das empresas do mesmo setor. Devem ser coletadas informações sobre gestão de pessoas, treinamentos, estratégias de remuneração dos colaboradores (básica, de curto prazo e total, além dos benefícios), assim como seleção dos candidatos e recrutamento profissional.

Política de benefícios devidos aos funcionários

Com base no nível e nas atribuições do cargo, devem ser avaliados os benefícios oferecidos, como seguro de vida, vale refeição, ticket alimentação, plano de saúde, plano dentário e outros. Estes são um tipo de remuneração indireta, que equivale a uma boa fatia do salário total do funcionário. Toda empresa que pratica tais benefícios tem maiores chances de captar e reter talentos.

Salários praticados pela corporação

De total relevância para a pesquisa, devem ser coletados dados referentes aos salários praticados pela corporação atuante no ramo. Portanto, devem ser pesquisadas as remunerações oferecidas pela empresa a seus funcionários, como o salário fixo, além de bônus, PLR, comissões de vendas (remuneração variável de curto prazo). Também devem ser considerados o Stock-Options (remuneração variável de longo prazo) e benefícios quantificados (remuneração indireta).

Por fim, assim que forem coletadas todas as informações, estas devem ser tabuladas para um aprofundamento mais criterioso em relação à pesquisa salarial realizada. Este deve ser feito pelo setor responsável em conjunto com o setor financeira da empresa.

Por Andréa Oliveira

Fonte: Administradores.Salvar

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!