WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Rizomas são caules modificados. Verdade ou mentira?

Verdade. Os rizomas são caules modificados, cuja característica mais marcante é a perda do geotropismo negativo, tão evidente nos caules comuns

Rizomas são caules modificados. Verdade ou mentira?

 

Rizomas são caules modificados. Verdade ou mentira? Verdade. Os rizomas são caules modificados, cuja característica mais marcante é a perda do geotropismo negativo, tão evidente nos caules comuns.

"Apresentam crescimento horizontal, podendo ser superficial ou subterrâneo. São ricos em reservas, apresentando todas as outras características de caule: nós, entrenós, gemas laterais e dominância
apical", explica José Geraldo Barbosa, professor do Curso CPT Produção Comercial de Antúrio, Helicônia e Spathiphyllum.

Os rizomas têm elevada capacidade de desenvolver raízes adventícias, emitindo-as ao longo da estrutura, nas diversas direções. A cada nó corresponde uma folha modificada, lembrando uma escama.

Representação de um rizoma   Artigos CPT

Foto: Rizoma

Conforme a espécie, os rizomas tendem a se desenvolver a determinada profundidade, corrigindo, assim, os possíveis erros de profundidade de plantio ou alterações ocorridas no ambiente de plantio, durante os ciclos de crescimento.

O comprimento do entrenó depende também das condições de cultivo. Assim, a planta apresenta uma formação de parte aérea mais densa ou mais rala, dependendo do comprimento do entrenó do rizoma.

Apresentam rizomas plantas como agapanto, angélica, araruta, ave-do-paraíso, bananeira, bambu, bastão-do-imperador, biri, hemerocale, helicônias, inhame, língua-de-sogra, lobélia, papiro, algumas samambaias e Spathicarpa sagittifolia (LOPES, 1981).

Qualquer porção do rizoma, desde que possua gemas, pode ser usada na propagação. Em condições adversas, devem-se utilizar porções maiores. Algumas plantas rizomatosas apresentam dormência no período frio, outras não, vegetando normalmente o ano todo.

Gostou do assunto? Quer saber mais sobre o Curso CPT? Assista ao vídeo abaixo:


 


Conheça os Cursos CPT da área Floricultura.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!