WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Dia do Cliente

Produção comercial de Strelítzia - propagação, cultivo e tratos culturais

Conheça todas as etapas da produção de Strelítzia, como as formas de cultivo e os tratos culturais, e tenha sucesso com a produção desta linda planta ornamental

Produção comercial de  Strelítzia - propagação, cultivo e tratos culturais
 

Strelitzia reginae é o nome científico da Strelítzia, também conhecida como ave do paraíso na maioria das vezes. Cresce em touceiras, sua propagação se dá a partir de um caule rizomatoso e apresenta folhas de coloração verde-escura. Sua inflorescência cresce a partir de uma haste que atinge quase a mesma altura das folhas. São várias flores que vão se abrindo sucessivamente no ápice dessas hastes e, cujas sépalas são de cor laranja e as pétalas de cor azul em formato de seta. Esta espécie de planta vem conquistando cada vez mais o mercado, abrindo oportunidades de negócios para quem trabalha com plantas ornamentais.

A Strelítzia pode ser cultivada em praticamente qualquer lugar que receba sol, tanto direto quanto indireto

A Strelítzia pode ser cultivada em praticamente qualquer lugar que receba sol, tanto direto quanto indireto

A Strelítzia pode ser cultivada em praticamente qualquer lugar que receba sol, tanto direto quanto indireto. Devido a sua grande resistência, não há problema em cultivá-la a pleno sol se necessário; já, em interiores, deve-se observar que mesmo que a planta viva bem com pouca luz, é importante que exista no mínimo alguma luz.

Embora seja uma planta bem flexível e dispense muitos cuidados, plantar a Strelítzia em solo devidamente de boa drenagem e devidamente adubado fará com que ela floresça mais abundantemente e tenha menos problemas. Antes do plantio, misture um pouco de areia grossa para melhorar a drenagem do solo e fertilizante orgânico, para fornecer nitrogênio para o crescimento da Strelítzia. De tempos em tempos, aplique adubo químico sobre o solo, pois plantas floríferas necessitam de fósforo para produzir suas flores com maior facilidade. Nunca encharque a planta para evitar a proliferação de fungos. Se o solo for devidamente preparado, a água escoará permitindo ser regada diariamente. A cada seis meses, ou quando julgar necessário, remova ramos mortos e folhas secas que estejam sufocando a planta.

Produção de mudas de Strelítzia



A Strelícia pode ser propagada tanto por sementes como por divisão de rizomas, a partir de touceiras. A divisão de rizomas oferece como vantagem uma produção mais precoce, enquanto, a multiplicação por sementes exige mais tempo de cultivo no viveiro, até a fase de comercialização.

A Strelítzia vem conquistando o mercado, abrindo oportunidades de negócios para quem trabalha com plantas ornamentais

A Strelítzia vem conquistando o mercado, abrindo oportunidades de negócios para quem trabalha com plantas ornamentais

- Propagação por sementes

A semente de Strelítzia apresenta um tegumento impermeável muito duro, que dificulta a sua germinação, sem que seja feito nenhum tratamento. Essa dureza do tegumento vai aumentando à medida que as sementes ficam armazenadas, dificultando cada vez mais a germinação. Para permitir a germinação, amolecendo o tegumento, é feito um tratamento dividido em duas partes:

1- banho em ácido sulfúrico por 5 a 10 min;
2- lavagem cuidadosa em água corrente.

As sementes, então, são colocadas para germinar em leito de sementeira, com substrato de areia. A germinação acontece em um prazo que varia de 10 a 20 dias depois da semeadura, com bons resultados.

- Propagação por rizoma

O processo de produção de mudas de estrelícia é cíclico: primeiro, cultiva-se a planta-mãe, para, depois, dividi-la, formando as plantas filhas. Daí em diante, esse processo se repete sucessivamente. O primeiro passo do processo de divisão do rizoma é a seleção da planta-mãe. Deve-se procurar as plantas mais vigorosas, com touceiras bem perfilhadas, onde possamos identificar perfilhos bem definidos e saudáveis, para se ter maior rendimento em termos de número de mudas.

A Strelítzia apresenta um maior desenvolvimento nas condições de climas tropical e subtropical

A Strelítzia apresenta um maior desenvolvimento nas condições de climas tropical e subtropical

Plantio e Cultivo de Strelítzia



A Strelítzia apresenta um maior desenvolvimento nas condições de climas tropical e subtropical, de preferência em regiões onde a temperatura durante o período da noite não seja inferior a 12°C. O solo deve ser fértil e de boa profundidade, não sujeito a encharcamentos.

- Espaçamento: o plantio é feito preparando-se o solo com aração com profundidade de 20 a 25 centímetros e gradagem para quebra de torrões. O espaçamento utilizado é de 50 cm x 1,20 m. As covas devem ter 20 a 25 cm de largura por 20 a 25 cm de profundidade.

- Fertilidade: quanto à fertilidade do solo, acrescentam-se no plantio cinco litros de esterco bem curtido em cada cova, e se o solo for muito argiloso podem ser acrescentados outros cinco litros de areia. Tanto o esterco como a areia devem ser muito bem misturados ao solo que retornará à cova. A adubação é feita segundo a análise do solo. A adubação de manutenção é feita em pelo menos duas aplicações anuais.

Tratos culturais da Strelítzia



- Irrigação: a irrigação também é fundamental e deve ser feita com frequência suficiente para manter-se o solo sempre umedecido, devendo-se evitar o encharcamento.

- Floração: a floração da Strelítzia não depende de fotoperíodo ou de mudanças na temperatura do meio ambiente onde ela é cultivada. Ela acontece quando a planta atinge um porte adequado à floração, ou seja, quando a planta é adulta.

- Colheita das flores: a colheita da Strelítzia é feita quando a primeira flor estiver emergindo da bráctea-espatácea protetora.

- Pós-colheita: as inflorescências podem ser armazenadas por três a sete dias em câmara fria, sob temperatura em torno de 10°C.

A floração da Strelícia acontece quando a planta atinge um porte adequado, ou seja, quando a planta é adulta

A floração da Strelícia acontece quando a planta atinge um porte adequado, ou seja, quando a planta é adulta

Aprimore seus conhecimentos, acessando os Cursos CPT, da área Floricultura, entre eles o Curso Produção Comercial de Strelítzia, Agapanto e Hemerocale, elaborados pelo Centro de Produções Técnicas.

Por Silvana Teixeira

 

 

 

 

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Priscila J

14 de fev de 2019

Olá! Plantei strelitzias em um vaso bem grande para ficar na minha sala. O ambiente é bem iluminado, porém a planta não recebe sol direto. Terei algum problema com o desenvolvimento dela? É possível ela viver bem nessas condições?

Resposta do Portal Cursos CPT

14 de fev de 2019

Olá Priscila,

Agradecemos a visita e comentário em nosso site. Ela desenvolve bem com luz indireta, mas, caso você note que está começando a ter problemas, você pode colocar o vaso de tempos em tempos um pouco no sol.

Atenciosamente,

Mariana Caliman Falqueto

Zelinda B Giannini

17 de mar de 2018

Amei conhecer esta matéria, sob a estrelítzia. Pois estou montando meu jardim e ganhei de minha nora algumas plantas e entre elas a strelitzia, esta nascendo outras folhas já. linda ! Parabéns a vcs por me ajudar a cuidar dela . Obrigada

Resposta do Portal Cursos CPT

19 de mar de 2018

Olá Zelinda,

Ficamos felizes que tenha gostado do nosso conteúdo.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Luana

7 de set de 2017

Boa tarde! Meu nome é Luana, tenho Strelitzas em meu jardim externo, 6 plantas, 3 tem sol direto e 3 meia sombra quase o dia todo, somente 1 delas a 1 ano começou a dar apenas uma flor durante um ano todo, no caso, está fica entre as que tem sol direto. Todas estão plantadas a mais ou menos 2 anos, mas não florescem, o que posso fazer para ajudá-las a florescer? Uma outra dúvida, uma delas das com sol direto, não cresceu 0,5 cm desde que foi plantada, as folhas nem se abrem, posso fazer algo por ela ou devo retirá-la? Tenho outra também, na parte com luz indireta que as folhas não se abrem, ficam fechadas sempre, o que faço? Fico grata se puder me ajudar, Elaine. Abraços

Resposta do Portal Cursos CPT

8 de set de 2017

Olá Luana,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Ano todo em clima quente, Verão, Primavera. A floração da Strelítzia não depende de fotoperíodo ou de mudanças na temperatura do meio ambiente onde ela é cultivada. Ela acontece quando a planta atinge um porte adequado à floração, ou seja, quando a planta é adulta. 

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

edite Lessa Leal

24 de out de 2016

Mudei minhas estrelícias a três anos e não floresceu, mais queria saber o que posso fazer para que ela floresça obrigada.

Resposta do Portal Cursos CPT

25 de out de 2016

Olá Edite,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Algumas dicas para lhe auxiliar:

- Ela gosta de muita luminosidade, deve ser cultivada de preferência a pleno sol, em climas quentes, subtropicais e mediterrâneos, ao ar
livre. Nos jardins encontra-se flores durante o ano todo.

- Não tolera enfrentar temperatura inferior a 5 Cº, já para florescer precisa de temperaturas superiores a 10º C, com irrigações moderadas durante o ano todo. Por resistirem bem aos ventos, a Estrelícia é ideal também para os jardins de zonas costeiras.

- Desenvolve-se bem na maioria dos solos, mas é adequado que sejam bem drenados, evitando poças e o consequente excesso de umidade.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Salete maria de camsrgo

11 de jul de 2016

Interessante as matérias. Tenho interesse em iniciar o cultivo de flores para comercializar.

Resposta do Portal Cursos CPT

12 de jul de 2016

Olá Salete,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Npssas consultoras entrarão em contato com mais informações sobre os Cursos a Distância na área Floricultura do CPT.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

VIRGINIA MARIA DALLEGRAVE

10 de set de 2015

Bom dia! Moro em Porto Alegre e ganhei estrelítzia plantada em vaso. As folhas ficam pretas nas pontas, a flor não abriu toda, não sei como chama. Não sei se são as raízes ou os rizomas que estão amarelados, amarronzados. Cortei as folhas e os rizomas mas não resolveu. O que pode ter acontecido? Att: Virginia

Resposta do Portal Cursos CPT

11 de set de 2015

Olá, Virginia!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Várias podem ser as causas que estão acometendo sua flor como, o ambiente onde está o vaso, deficiência de nutrintes ou alguma doença ou planta que a acometeu. Seria interessante consultar uma floricultura em sua região para mais informações.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

KELLE DE OLIVEIRA MELO

20 de mai de 2015

Boa Noite!!! Ha anos ganhei uma muda de strelitzia, porém ela JAMAIS floresceu. Primeiramente a plantei no jardim, depois a transplantei para um vaso grande, porém nada mudou. Como faço para que ela floresça???

Resposta do Portal Cursos CPT

21 de mai de 2015

Olá, Kelle!

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Para mais informações nossas consultoras entrarão em contato.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!