WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Orquídeas - como plantá-las em vasos, árvores ou cascas de árvore

Plantio em vasos

Independente de ser plantada em árvores vivas, em cascas de árvore, ou ainda em vasos, a orquídea deverá estar com suas raízes aparadas, principalmente as raízes da parte traseira. Os vasos devem ser proporcionais ao tamanho da planta. Uma maneira bem prática para estabelecer o tamanho do vaso é colocando a traseira da planta encostada na borda interna. Deixa-se sobrando dois dedos da outra borda.

Pega-se a orquídea com a mão esquerda, revestindo as raízes com o xaxim desfibrado e lavado, tomando o cuidado para deixar o rizoma na parte superior e totalmente descoberto. A seguir, coloca-se a planta dentro do vaso, com a parte traseira encostada na sua borda, e a parte dianteira voltada para dentro do vaso. Depois, completa-se o vaso com xaxim, apertando-se levemente em volta da planta.

Se for necessário, coloca-se um tutor de madeira ou bambu para manter a orquídea ereta. Esta deve ficar em lugar sombreado e arejado, diminuindo-se as regas.

Plantio na árvore viva

Outra maneira de se plantar uma orquídea é na árvore viva. Chama-se árvore viva o plantio de orquídeas em árvores. Este tipo de cultivo priva o orquidófilo de ter a planta florida dentro de sua casa, ou mesmo participar de exposições, mas lhe traz a satisfação de vê-la em desenvolvimento como se estivesse em seu habitat natural.

As árvores ideais para este tipo de cultivo são aquelas que perdem as folhas durante o inverno, favorecendo a luminosidade da planta, justamente quando o sol é mais brando. Já no verão, as árvores ficam enfolhadas e protegem as orquídeas de queimaduras.

Instalar uma orquídea em uma árvore é simples. Basta apenas amarrar a orquídea no tronco com um pedaço de arame de cobre ou um barbante. Este tipo de cultivo não requer transplante nem rega.

Plantio em cascas de árvores

Com uma pequena broca, faz-se dois furos na casca. Pega-se a orquídea que se deseja plantar e faz-se uma boa limpeza em suas raízes e folhas. Depois disso, coloca-se um pouco de esfagnum molhado sob as raízes e faz-se a amarração da orquídea, com barbante ou um arame, utilizando-se os furos feitos na casca.

Em pouco tempo, a orquídea estará enraizada e servirá como uma bela peça de decoração de jardins ou de varandas de casas. Pode-se, também, instalar as plantas em placas de xaxim.

Aprimore seus conhecimentos, acessando os Cursos CPT da área Floricultura, elaborados pelo Centro de Produções Técnicas (CPT), entre eles o Curso Cultivo de Orquídeas para Fins Comerciais ou Hobby.

Por Andréa Oliveira.

Acesse os links abaixo e conheça mais sobre as orquídeas:

Nomenclatura

Classificação

Grupos

Estrutura

Formas de propagação

Comercialização

Irrigação

Adubação

Luminosidade

CUIDADOS COM AS ORQUÍDEAS

Combate a pragas e doenças

Defensivos caseiros

ESPÉCIES DE ORQUÍDEAS

Acacallis cyanea Lindl

Cattleya bicolor Lindley

Cattleya elongata Barb.

Cattleya forbesii Lindley

Cycnoches chlorochilon Klotzsch

Cycnoches haagii Barb.

Dendrobium nobile

Fonte: www.orkideas.com.br

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Jefferson Aurelio Alves do Nascimento

12 de mar de 2018

Boa noite a todos! Eu ganhei dois vasos com essa Orquídea, não está identificada no vaso, e eu reconheci pela foto publicada na matéria...qual o nome desta Orquidea?

Resposta do Portal Cursos CPT

13 de mar de 2018

Olá Jefferson,

A que ilustra esta foto é a orquídea Cattleya.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Julia Cordeiro

13 de set de 2017

Posso plantar nos cocos caídos do coqueiro aqui de casa?

Resposta do Portal Cursos CPT

14 de set de 2017

Olá, Julia.

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Não, de acordo com a matéria, ela pode ser plantada em vasos, árvores ou cascas de árvores.

Atenciosamente,

Renato Rodrigues.

Eneida Fraga

24 de jul de 2016

Prezados, tenho em meu apartamento uma dendobrium cujas flores já se foram e a haste começa a escurecer. Devo cortar? Ela esta com galhos gordos e frondosa. Agradeço a atenção. Eneida Fraga.

Resposta do Portal Cursos CPT

25 de jul de 2016

Olá Eneida,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. A época de floração da Dendrobium é entre o fim do inverno e meados da primavera. Se sua Dendrobium estiver em local de sombra, ela terá mais chance de dar mudas do que flores. Por isso, é aconselhado colocar o vaso em local que pegue sol até às 10h (não ultrapasse esse horário para evitar queimaduras nas folhas). Se estiver em árvore, retire alguns galhos ou plantas que estejam na frente dela para ficar bem iluminado, mesmo que não pegue esse solzinho direto da manhã, é importante que esteja em local bem iluminado.  A partir do mês de outubro ou depois que as flores caírem (para os casos das floridas), você deverá molhá-la para garantir sempre a umidade. Se estiver na árvore, faça isso diariamente ou com intervalo de um dia, se estiver em vaso, fique atento para não deixá-lo secar. Você vai fazer isso até mais ou menos o mês de maio. Entre os meses de junho e junho começaram a aparecer bolinhas nos pseudobulbos, como se fossem brotoejas. Esse é o primeiro sinal de que ela está em dormência para a floração.Entre o final de julho e meados de setembro ela irá lhe presentear com as flores.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!