WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Técnicas de depilação - cera fria

Técnicas de depilação - cera fria

 

A depilação com cera fria é uma das mais fáceis e comuns, sendo a mais recomendada como alternativa caseira. A utilização da cera fria é indicada para pelos finos e regiões menos doloridas. Por isso, é usada para depilar as pernas. Ela é aplicada com papel próprio ou celofane. Existem receitas sofisticadas e até domésticas, cujo resultado dependerá especificamente das características da área a ser depilada, assim como do volume e da consistência do pelo.

Esse processo possui a vantagem de arrancar o pelo da raiz, deixando a pele lisa, o que garante um período de 20 a 30 dias sem a sua presença. Por outro lado, para poder ser feita nova depilação, é necessário deixar crescer os pelos, pelo menos, por algum tempo, até adquirir tamanho suficiente para a remoção. Outra vantagem é a economia, pois rende muito mais do que a cera quente, e, por isso, obtém-se maior lucro.

Existem vários tipos de cera: ceras específicas para pelos mais finos, como aqueles que encontramos nos braços e no corpo; e para pelos mais grossos, como os da virilha, axilas, pernas e certos tipos de barbas. Mas, se a cliente tiver problemas de má circulação, varizes ou extrema sensibilidade capilar, você não deve utilizar qualquer cera.

Para a depilação com cera fria, basta espalhar a cera na superfície de um plástico ou de papel celofane apropriado para isso. Existem também folhas já prontas com cera, para aplicação imediata que são as bandas de cera fria.

Uma vez escolhida a área de depilação, desinfete o local com um algodão embebido em álcool ou loção antisséptica para evitar riscos de infecção. Da mesma forma, é indispensável secar a área antes da depilação. Caso contrário, a cera não terá aderência e os pelos não serão removidos. Por isso, diga ao cliente para que evite passar óleos ou cremes hidratantes horas antes da depilação.

Em seguida, coloque o papel com cera e puxe-o, de uma só vez, no sentido contrário ao do crescimento dos pelos.  Após a retirada de todos os pelos da região, retire o excesso de cera com o removedor de cera.

Uma vez concluída a operação, passe um produto cicatrizante na área depilada. Esse processo é doloroso e deve ser feito por um profissional para ter um bom resultado.

Aprimore seus conhecimentos, acessando os cursos da área Estética e Beleza, elaborados pelo CPT - Centro de Produções Técnicas, entre eles o curso Depilação Feminina e Masculina.

Por Andréa Oliveira.

Leia outros artigos relacionados ao tema:

Esfoliação

Cera quente

Lâminas, pinças, depiladores elétricos e luvas depilatórias

Eletrocoagulação, laser, ionização, diatermocoagulação

Cremes e inibidores de crescimento

Depilação das sobrancelhas

Depilação das pernas

Depilação das axilas

Depilação da virilha

Mitos e verdades sobre depilação

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!