WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Conheça algumas estratégias pedagógicas para ensinar alunos com TDAH

Saiba como trabalhar de forma eficiente e criativa em sala de aula com alunos com o Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade

Crianças na escola - imagem meramente ilustrativa

Alguns dos sintomas do TDAH são a impulsividade, a inquietude e a desatenção. Assim, os alunos com o transtorno podem ter seu rendimento escolar prejudicado pela dificuldade de concentração e hiperatividade durante as aulas. Por isso, é muito importante que os educadores estejam preparados para lidar com essas características, buscando métodos e estratégias pedagógicas eficazes.

Luciana Fiel, professora do Curso CPT A Criança e o TDA/H, ressalta que o Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) é um transtorno neurobiológico que acomete cerca de 5% das crianças. Geralmente, o transtorno acontece precocemente e pode acompanhar a pessoa até a vida adulta. Dessa forma, é muito importante que durante o período escolar, as crianças tenham a melhor experiência educativa possível.

Alunos com TDAH são crianças muito inteligentes e que possuem muito potencial, mas para desenvolver seu conhecimento, é preciso de atenção por parte dos educadores. Conheça algumas das técnicas pedagógicas que podem ajudar a melhorar a atenção e a memória dos alunos em sala de aula:

Estimular a repetição

Ao dar alguma instrução, peça ao aluno para repetir aquilo que foi pedido. Ele pode fazê-lo, por exemplo, compartilhando com um amigo antes de começar as tarefas.

Dar feedbacks positivos sempre que possível

Quando o aluno desempenhar a tarefa solicitada, busque fazer elogios e premiar o aluno através de reforços positivos, tais como estrelinhas no caderno e palavras e gestos de apoio. É importante que os feedbacks positivos e os elogios ocorram sempre imediatamente após o aluno conseguir um bom desempenho compatível com sua individualidade.

Evitar críticas e apontamento de erros

Você não deve, em nenhuma hipótese, apontar os erros cometidos como falha no desempenho. Os alunos com TDAH precisam de suporte e encorajamento, além de parceria e adaptações. Ter seus erros apontados pode fazer com que eles sejam desestimulados.

Buscar tarefas diferenciadas

Trabalhos em grupo e a possibilidade de escolha de atividades fazem com que os alunos tenham mais interesse e se sintam mais motivados a realizar as tarefas.

Utilizar recursos audiovisuais

Sempre que possível, busque ministrar aulas e passar atividades com o recurso audiovisual, além de outros materiais, como revistas, jornais e livros. Essa diversidade aumenta o interesse dos alunos na aula, melhorando seu foco e atenção.

Utilizar a técnica de “aprendizagem ativa”

Utilize metodologias de aprendizagem ativa, ou seja, que busquem uma experiência colaborativa e um ensino diferenciado, nos quais o aluno não se encontra em uma posição passiva, tendo participação ativa na construção de seu conhecimento. Trabalhos em duplas, respostas orais e a possibilidade de utilizar o método de sala de aula invertida são boas opções para aplicação da aprendizagem ativa em sala de aula.

Desenvolver mecanismos e/ou ferramentas para compensar as dificuldades memoriais

São diversas as estratégias que podem ser utilizadas para auxiliar no processo de organização das atividades no caso dos alunos que podem se esquecer. Você pode criar, juntamente com as turmas, tabelas com datas e prazos de entrega dos trabalhos solicitados, além de criar lembretes e anotações para que os alunos não esqueçam os conteúdos.

Adaptar o ambiente

É preciso mudar as mesas e/ou cadeiras de lugar no espaço da sala de aula para evitar distrações, pois não é indicado que os alunos com TDAH se sentem junto a portas e janelas, ou que seja os últimos alunos das fileiras.

 


Conheça os Cursos CPT da Área Educação Infantil:

Curso A Criança e o TDA/H
Curso Artes Plásticas na Educação Infantil
Curso Conhecimento de Mundo

Fonte: Associação Brasileira do Déficit de Atenção – Tdah.org.br/
por Renato Rodrigues

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!