WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Conheça nossos Cursos Profissionalizantes (combos) com 40% de DESCONTO

Vai criar peixes? Você precisará de plancton!

O plâncton é considerado a fonte primária de alimentos para os peixes. É composto pelo fitoplâncton (microrganismos aquáticos unicelulares) e pelo zooplâncton (seres vivos minúsculos)

Vai criar peixes? Você precisará de plancton!   Artigos CPT

O plâncton é considerado a fonte primária de alimentos para os peixes e é composto pelo fitoplâncton e pelo zooplâncton. O fitoplâncton é constituído por microrganismos aquáticos unicelulares que possuem capacidade de realizar fotossíntese. "O zooplâncton, também formado por seres vivos minúsculos, pertence ao reino animal. Juntos, constituem uma das principais fontes de alimentos para muitas espécies de peixes", explica Giovanni Resende de Oliveira, Professor do Curso CPT Produção de Tilápias em Tanques Escavados.

Inicialmente, os nutrientes dos fertilizantes são absorvidos e utilizados na produção de fitoplâncton. Fertilizantes químicos liberam os nutrientes mais rapidamente, desde que haja condições ideais de luz e de temperatura. Já, o esterco de animais, ao ser distribuído na água, primeiro passará por um processo de decomposição, resultante da ação de bactérias naturalmente existentes no fundo do viveiro. Somente após a decomposição do esterco é que os nutrientes ficarão disponíveis para servirem de alimento para o fitoplâncton. Por se tratar de microrganismos unicelulares, as algas fitoplanctônicas nascem e vivem pouco tempo. Elas também servem de alimento para o zooplâncton, os quais são fontes de alimentos para muitos peixes.

A desinfecção química é recomendada para os casos em que, houver indícios de doenças ou mesmo mortalidade aparente de peixes num tanque específico ou vários tanques da piscicultura por qualquer motivo, os tanques não são completamente drenados, ou quando a desinfecção tiver de ser feita em períodos chuvosos prolongados. Nesses casos, deve-se utilizar cal, virgem ou hidratada, na dose de 2.000 kg a 4.000 kg por hectare de área de tanque. Esse produto deve ser distribuído de maneira uniforme em todo o fundo do tanque.

Saiba mais sobre o assunto. Leia a(s) matéria(s) a seguir:


- Como escolher bons fornecedores de alevinos?
- Alevinos tipo I e alevinos tipo II. Qual a diferença?

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos CPT da área Piscicultura.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!