WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Torne realidade o sonho de viver do que você ama! 20% OFF nos cursos online + 5% OFF pagando no cartão

Alevinos em cativeiro? Aprenda sobre extrusão de ovócitos e sêmen

Se você pretende criar alevinos em cativeiro, saiba que antes de agendar uma data fixa para realizar a extrusão dos ovócitos e do sêmen dos peixes é preciso realizar um exame prévio nos animais

Alevinos em cativeiro? Aprenda sobre extrusão de ovócitos e sêmen   Artigos Cursos CPT

 

Se você pretende criar alevinos em cativeiro, saiba que antes de agendar uma data fixa para realizar a extrusão dos ovócitos e do sêmen dos peixes é preciso realizar um exame prévio nos animais. Segundo Dr. Manuel Braz, professor do Curso CPT Produção de Alevinos, “É preciso observar a parte genital da fêmea e fazer uma leve pressão no abdômen”.

Caso seja verificado o início da liberação de ovócitos com essa leve pressão, é sinal evidente que a extrusão poderá ser realizada, o que é feito contendo o animal de forma que não o machuque e, por meio de pressão no abdômen, os ovócitos podem ser expelidos para um recipiente devidamente limpo e higienizado.

Em seguida, deve-se retornar com a fêmea para a caixa de espera e fazer a extrusão de esperma do macho, diretamente sobre os ovócitos. Após a extrusão, o macho e a fêmea deverão retornar para o viveiro, enquanto o material é preparado para a incubação.

Atenção, porém, para o seguinte detalhe: normalmente, o esperma de um macho é suficiente para fecundar todos os ovócitos de uma fêmea. No entanto, é preciso bom senso para evitar subfertilização ou superfetilização. Ambos prejudicam a fertilização dos ovócitos. A recomendação prática é utilizar fêmeas e machos com o mesmo grau de desenvolvimento, pois, a desova de uma fêmea muito maior que o macho poderá requerer esperma de mais de um macho para a perfeita fecundação.

Após a extrusão de sêmen, será preciso hidratar o material para facilitar a fecundação, pois o sêmen contém elevada concentração de potássio, o que dificulta a mobilidade dos espermas entre os ovócitos. Com a adição de líquido, esse processo se torna muito mais fácil de ocorrer, elevando assim a taxa de fecundação. A quantidade de água deve ser equivalente a sete a dez vezes o volume de ovócitos coletados. Uma leve agitação no material facilita ainda mais a fecundação, o que irá transformar os ovócitos em ovos fecundados.

Aprimore seus conhecimentos sobre o assunto. Leia a(s) matéria(s) a seguir:


- Alevinos em cativeiro? 10 dicas para a seleção de matrizes

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos CPT da área Piscicultura.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Joelson Siqueira da cruz

27 de mai de 2020

Queria saber o que se usa pra fazer os peixes soltar os semes pra mim fazer fecundação dos msm em casa.

Resposta do Portal Cursos CPT

28 de mai de 2020

Olá,Joelson

Como vai?

Agradecemos sua visita ao nosso site!

Acesse o link: https://www.cpt.com.br/cursos-criacaodepeixes/producao-de-alevinos e confira o curso que o CPT disponibiliza na área que irá auxiliar você na questão.

Em breve, uma das nossas consultoras entrará em contato com informações e esclarecimentos sobre este curso que será fundamental para o seu aprendizado.

Atenciosamente,
Erika Lopes

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!