WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Paixão por cavalos? Estude, aprenda e seja um domador!

O trabalho de iniciação do cavalo é muito complexo e o domador tem de compreender as dificuldades deste trabalho, no qual o aprendiz não tem noção do aprendizado que a ele será proposto

Paixão por cavalos? Estude, aprenda e seja um domador!   Artigos Cursos CPT

 

A equitação demanda estudos teóricos e práticos, desenvolvimento de capacidades sensoriais, psíquicas e motoras, disciplina, paciência, persistência, maturidade emocional, cultivo de valores éticos, respeito pelo cavalo, espírito de cooperação, entre outros atributos cujo significado não tem sido percebido nem valorizado por boa parte dos adeptos das atividades equestres.

“A doma, por sua vez, exige muito mais! Para admitirmos isso, basta reconhecer que o trabalho de iniciação do cavalo é muitas vezes mais complexo do que a prática da equitação, o que pode ser visualizado ao compreendermos as dificuldades inerentes a qualquer processo de aprendizagem, no qual o aprendiz não tenha nenhuma noção do aprendizado que a ele será proposto”, afirma Paulo Guilhon, professor do Curso a Distância CPT Doma Racional Interativa.

Este é o caso do cavalo ao ser submetido à doma. O homem, quando se propõe a aprender equitação tem, pelo menos, uma visão daquilo que precisa assimilar. Agora, imaginem o cavalo; que tipo de noção ele poderia ter com relação ao que pretendemos dele, numa parceria totalmente alheia às suas necessidades originais? Diga-se, de passagem, ele não dispõe de intelecto, portanto, não é possível explicar-lhe nossas intenções. Tudo deverá acontecer por sugestão do homem, segundo as estratégias que estabelecermos para seduzi-lo a submeter-se às nossas vontades.

Refletir sobre as expectativas de homem e cavalo relacionadas a um projeto que, sem dúvida, é unilateral, ajuda-nos a reconhecer a dimensão das questões presentes nas relações cotidianas, no decorrer da doma. O cavalo precisa ser visto pelo domador como um aprendiz que, além de não se dar conta das nossas intenções, não buscaria por iniciativa própria a parceria proposta.

O pressuposto da aprendizagem, aquilo que leva o aprendiz a dedicar-se aos aprendizados, é o interesse. No caso do cavalo, podemos afirmar que, de início, ele não teria interesse algum nessa parceria. Ela terá um significado para o cavalo, à medida que ele identificar ganhos para si.

Aprimore seus conhecimentos sobre o assunto. Leia a(s) matéria(s) a seguir:


- Quanto tempo é necessário para se domar um cavalo?
Em quanto tempo os cavalos aprendem as lições do treinador?

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos a Distância CPT da área Criação de Cavalos.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!