WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Os equídeos são ansiognatas. O que isso significa?

Os equinos são considerados anisiognatas, ou seja, possuem ossos da face desiguais. Os ossos da maxila que fixam os dentes são 23% mais largos que os da maxila.

Os equídeos são ansiognatas. O que isso significa?   Artigos Cursos CPT

 

Os equinos são considerados anisiognatas, ou seja, possuem ossos da face desiguais. Os ossos da maxila que fixam os dentes são 23% mais largos que os da maxila. Os dentes inferiores são 30% mais estreitos que os superiores, ou seja, os dentes molares e pré-molares apresentam áreas oclusais também desiguais. Entretanto, suas coroas estão posicionadas de tal maneira que suas superfícies de contato (cúspides oclusais) se inter-relacionam precisamente.

Essas características anatômicas de anisognatia e diferentes áreas de oclusão conferem ângulos variáveis dos dentes pré-molares e molares, aliadas às grandes forças de mastigação e à excursão lateral da mandíbula, necessária para ocorrer a oclusão durante a mastigação (máxima intercuspidação molar), influenciando o desenvolvimento da angulação anatômica normal”, afirma Prof. Dr. Luiz Fernando Rapp de Oliveira Pimentel, do Curso CPT Odontologia Equina a Campo.

O ângulo oclusal normal maxilar nos dentes 2° pré-molares (106 e 206) é de cerca de 19° e segue diminuindo, progressivamente, até atingir 10° nos 3° molares (111 e 211). O ângulo oclusal normal mandibular inicia-se com cerca de 15° nos 2° pré-molares (306 e 406) e segue aumentando, e finaliza-se por volta de 32° nos 3° molares (311 e 411).

Nenhum dente é anatomicamente “plano” nos arcos dentários dos equinos. Portanto, o uso dos termos “mesa dentária” e “nivelamento dentário” pode induzir a erros gravíssimos durante o ajuste oclusal. O ângulo da face oclusal (face de mordida) deve ser respeitado e em nenhuma hipótese deve ser alterado.

Aprimore seus conhecimentos sobre o assunto. Leia a(s) matéria(s) a seguir:


- Especialidade em veterinária? Faça odontologia equina!
- Infecção dentária em cavalos: como diagnosticar?

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos CPT da área Criação de Cavalos.
Por Silvana Teixeira.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!