WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Ligue Agora (31) 3899-7000
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Moldagem em vidro de peças decorativas e de laboratório

Há alguns processos bem simples e práticos para realizar a moldagem em vidro de peças decorativas e de laboratório, como o manuseio correto do vidro e o seu corte com fogo

Moldagem em vidro de peças decorativas e de laboratório

 

Há alguns processos bem simples e práticos para realizar a moldagem em vidro de peças decorativas e de laboratório. Portanto, antes de iniciar a moldagem definitiva de qualquer peça, é muito importante saber o correto manuseio do vidro, o puxamento do tubo, a moldagem dos bulbos, o corte com fogo, a união entre as partes de vidro, a junção dos tubos de vidro, entre outras técnicas de extrema importância.

MOLDAGEM EM VIDRO DE PEÇAS DECORATIVAS

Manuseio correto do tubo de vidro durante o aquecimento

Esse processo consiste em manter o tubo de vidro girando, na mesma velocidade, e na presença do fogo, para que o aquecimento seja realizado de maneira uniforme ao redor do tubo. Com isso, consegue-se obter deformações homogêneas do tubo, o que resultará em uma moldagem bem elaborada.

Puxamento do tubo de vidro

Essa etapa consiste em aproveitar o momento em que o tubo de vidro estiver sendo fundido, para realizar o alongamento do trecho aquecido. Esse processo deve ser executado sempre girando a peça, para que o trecho puxado fique o mais reto possível.

Moldagem de bulbos


Nesse caso, é muito importante praticar o manuseio do tubo, uma vez que a intensidade do sopro, combinada com a forma como a peça vai sendo girada, puxada para a frente ou comprimida, oferecem opções de moldar bulbos com formatos diferenciados.

Corte com fogo e moldagem das bordas de um bulbo

Esse processo permite a obtenção de um bulbo fechado. Este pode ser preparado para receber um determinado tipo de acabamento, como uma borda alongada e plana, borda em forma de pétalas de rosa, base de sustentação da peça, entre outras. Para isso, será necessário aquecer o tubo, bem rente ao bulbo e, quando o vidro estiver fundindo, as duas partes deverão ser puxadas, sendo uma para cada lado, até ocorrer a separação das partes.

Em seguida, soprando com a boca na outra extremidade do bulbo, ocorrerá a expansão da parte aquecida, a qual deverá ser imediatamente quebrada, para que os devidos acabamentos sejam realizados.

Moldagem de uma trança

A moldagem de uma trança constitui um processo relativamente simples de ser executado. Primeiramente, realiza-se o aquecimento do tubo de vidro até iniciar o seu amolecimento. Quando isso começar a ocorrer, apenas umas das mãos continuará girando o tubo, enquanto a outra servirá apenas de apoio. Isso resultará em uma deformação da parte aquecida, dando à peça uma aparência retorcida, semelhante a uma trança.
 
Moldagem de um anel

Esse processo consiste em aquecer a região de interesse da peça, ou seja, onde se pretende moldar o anel. Quando o vidro estiver fundindo, será necessário comprimir a peça levemente. Como resultado, ocorrerá a expansão de uma pequena região ao redor do tubo, formando de um anel.

União entre partes de vidro

Esse processo é feito aquecendo-se as duas partes a serem unidas e, quando o vidro das duas partes estiver fundindo, elas deverão ser colocadas em contato, resultando, assim, na união entre as partes.

Moldagem de partes succionadas

O processo é feito aquecendo-se a região de interesse. Quando o vidro estiver fundindo, será necessário levar a peça à boca. Nesse caso, deve-se fazer uma leve sucção, resultando na formação de uma parte invertida. Quando moldagens desta natureza são realizadas, torna-se necessário temperar a região moldada utilizando fogo.

Para isso, bastará obstruir, com os dedos, os orifícios de entrada de ar do maçarico de gás, para que o fogo se torne menos intenso, e, portanto, com menor temperatura. Assim, ao aquecer novamente a região moldada da peça de vidro, agora com menor temperatura, ocorrerá melhor organização dos cristais do vidro, fazendo com que ele se resfrie uniformemente, resultando em maior durabilidade da peça.

Antes de iniciar a moldagem definitiva de qualquer peça de vidro, é muito importante saber o seu correto manuseio.

Antes de iniciar a moldagem definitiva de qualquer peça de vidro, é muito importante saber o seu correto manuseio.

MOLDAGEM EM VIDRO DE PEÇAS PARA LABORATÓRIO

Junção de tubos de vidro com diâmetros diferentes

Para fazer a junção entre dois tubos com diâmetros diferentes, será necessário fechar uma das extremidades do tubo mais grosso, por meio do corte de um pequeno segmento do tubo, utilizando-se, para isso, a chama de fogo do maçarico. Assim que o tubo tiver sido fechado, será necessário manter o aquecimento da extremidade onde ele foi cortado e fechado, para, em seguida, soprar na outra extremidade, provocando uma expansão da região aquecida.

União entre tubos de diâmetros iguais

Nesse caso, será necessário fechar, com uma rolha de borracha, uma das extremidades de um dos tubos, para, em seguida, iniciar o aquecimento das extremidades que serão unidas, mantendo os dois tubos sempre girando. Esse processo poderá ser feito manualmente ou utilizando o torno. Quando começar a ocorrer a fundição dos dois tubos, a chama deverá ser afastada e as partes fundentes dos tubos colocadas em contato.

Para que não haja excesso de massa, assim que a junção é feita, os dois tubos deverão ser ligeiramente afastados, resultando em um estreitamento da região onde foi feita a união. Antes do vidro esfriar e a região onde a junção foi feita endurecer, será necessário soprar no seu interior para expandir o local da junção. Finalmente, a região expandida deverá ser novamente colocada em contato com o fogo, até que novamente comece a acontecer a fusão do vidro nesta região.

Quando isso acontecer, o tubo de vidro deverá ser novamente retirado do fogo e cuidadosamente puxado até que a junção fique com o mesmo diâmetro dos tubos. Será necessário realizar uma têmpera nessa região e os tubos estarão adequadamente unidos.

Junção interna de vidros

Este procedimento é um pouco mais complexo e exige, portanto, maior criatividade e habilidade do vidreiro. O primeiro passo consiste em puxar duas pontas nas extremidades de um tubo de vidro, para, em seguida, fazer uma perfuração na extremidade onde será feita a junção. Nesse caso, a parte puxada do vidro deverá ser cortada com fogo, bem rente ao segmento que permaneceu com o diâmetro original do tubo.

Após cortar o tubo com fogo, será necessário cortar a outra extremidade que foi puxada, porém com a pedra de esmeril ou com a faca de vídia. Novamente, será feito um aquecimento no local onde a peça foi cortada com fogo. Quando o vidro estiver fundindo, será necessário soprar, cuidadosamente, pela ponta onde ele foi cortado com a pedra de esmeril ou com a faca de vídia.  Deve-se ter muito cuidado para que o diâmetro do furo, feito a partir do sopro, seja o mais próximo possível do diâmetro do tubo que nele será inserido.

A arte de moldagem em vidro requer precisão e paciência, além de habilidade manual

A arte de moldagem em vidro requer precisão e paciência, além de habilidade manual. 

O passo seguinte consiste em moldar um anel no tubo de menor diâmetro, que será inserido na abertura feita na extremidade fechada do tubo de maior diâmetro. Isso é feito mantendo- se o tubo girando em contato com o fogo, de tal maneira a aquecê-lo em uma determinada posição. Quando estiver ocorrendo a fundição do vidro, o tubo deverá ser comprimido, resultando em uma pequena elevação em forma de anel.

Este servirá de batente, para que o tubo mais fino penetre apenas a quantidade necessária no orifício do tubo de maior diâmetro. Feito isso, o tubo de menor diâmetro poderá ser inserido por meio do orifício e, novamente, utilizando o fogo, as duas peças poderão ser definitivamente unidas.

Por Andréa Oliveira.

Confira os Cursos CPT, da área Como Fazer, elaborados pelo Centro de Produções Técnicas.

Entre eles, destacam-se:

Curso CPT Como fazer Moldagem em Vidros - Para Peças Decorativas e Laboratório

Curso CPT Como Fazer Lapidação de Pedras

Curso CPT de Ourives - Aperfeiçoamento de Técnicas - Como Fazer

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

Daniel

4 de ago de 2019

Gostaria de informações para o curso de modelagem em vidro

Resposta do Portal Cursos CPT

5 de ago de 2019

Olá Daniel,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Ficamos felizes em saber que gostou do nosso artigo e se interessou pelo curso. Em breve, uma das nossas consultoras entrará em contato com informações e esclarecimentos em relação ao curso que atenderá às suas nessecidades e expectativas.

Atenciosamente,
Victor Sampaio

Adriana Santos

26 de jul de 2019

Gostaria de informação sobre o curso de vidro.

Resposta do Portal Cursos CPT

29 de jul de 2019

Olá Adriana Santos,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Ficamos felizes em saber do seu interesse em nosso curso. Em breve, uma das nossas consultoras entrará em contato com informações e esclarecimentos em relação ao curso que será fundamental para o seu sucesso profissional.

Atenciosamente,
Victor Sampaio

claudir

28 de abr de 2019

Gostaria de saber sobre o curso e a arte de trabalho.

Resposta do Portal Cursos CPT

29 de abr de 2019

Olá Claudir,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site.

Em breve, uma das nossas consultoras entrará em contato para mais informações e esclarecimentos sobre o curso que irá atender suas necessidades.

Atenciosamente,
Victor Sampaio

Walter Querente

4 de jan de 2019

Gostaria de fazer pingentes, tipo coração colocando cores, um pouco de ouro ou prata , fazendo pingentes bem legais. Neste curso aprendo. Vi um cara fazendo na hora , isto na rua. Este curso ensina isto?

Resposta do Portal Cursos CPT

7 de jan de 2019

Olá Walter,

Agradecemos a visita e comentário em nosso site. Nossas consultoras entrarão em contato para mais informações sobre o curso.

Atenciosamente,

Mariana Caliman Falqueto

Wagner

8 de mai de 2018

Quero fazer o curso

Resposta do Portal Cursos CPT

8 de mai de 2018

Olá Wagner,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Nossas consultoras entrarão em contato com mais informações sobre o Curso a Distância Como Fazer Moldagem em Vidros - Para Peças Decorativas e Laboratório.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Wagner

8 de mai de 2018

Gostaria de saber como faço o bico do tubo ficar resistente. Porque quando estivo fica muito fino e se quebra muito fácil

Resposta do Portal Cursos CPT

8 de mai de 2018

Olá Wagner,

Para mais informações cadastramos seu e-mail para receber nosso boletim informativo.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Carmosinda Ferreira de Farias

21 de fev de 2018

Gostaria de fazer curso de sopro de cana modelagem de vidro

Resposta do Portal Cursos CPT

22 de fev de 2018

Olá Carmosinda,

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Nossas consultoras entrarão em contato com mais informações sobre o Curso a Distância Como Fazer Moldagem em Vidros - Para Peças Decorativas e Laboratório.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Rafael Pereira Francisco

30 de jul de 2017

Gostaria de fazer o curso a distancia

Resposta do Portal Cursos CPT

31 de jul de 2017

Olá, Rafael.

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Nossas consultoras entrarão em contato com mais informações sobre o Curso.

Atenciosamente,

Renato Rodrigues.

Wellington

27 de jul de 2017

Gostaria de saber mais sobre o curso a distância.

Resposta do Portal Cursos CPT

28 de jul de 2017

Olá, Wellington.

Agradecemos sua visita e comentário em nosso site. Nossas consultoras entrarão em contato com mais informações.

Atenciosamente,

Renato Rodrigues.

alexandre

2 de jun de 2017

tud bem gostaria de sabe de onde vcs são ? queria faser o curso de moldagem, e qual o valor? obg por enquanto

Resposta do Portal Cursos CPT

5 de jun de 2017

Olá, Alexandre.

Agradecemos a sua visita e comentário em nosso site. Nossa sede está localizada na cidade de Viçosa, Minas Gerais. Nossas consultoras entrarão em contato para mais informações sobre o Curso à distância de Como Fazer Moldagem em Vidros e valores.

Atenciosamente,

Renato Rodrigues.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!