WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Como é realizada a irrigação inteligente na pré-florada do cafeeiro?

A irrigação inteligente na pré-florada estimula o pegamento das flores para que na primavera o cafeeiro floresça vigoroso

Como é realizada a irrigação inteligente na pré-florada do cafeeiro?

“Se considerarmos apenas os frutos maduros do café, 60% correspondem à água, o que nos mostra a importância desse recurso hídrico para a cultura. A irrigação do cafeeiro, quando inteligente, traz excelentes resultados ao cafeicultor, como aumento da produtividade e qualidade dos grãos de café, além da redução dos custos de produção”, explica Daniel Marçal de Queiroz, professor do Curso CPT Passo a Passo para se Obter Café de Qualidade.

A irrigação inteligente, principalmente na pré-florada, estimula o pegamento das flores para que na primavera o cafeeiro floresça vigoroso. Quanto mais volumosas as flores mais produtivo será o cafeeiro, pois delas surgem os frutos que, por sua vez, dão origem aos grãos de café. Por meio de técnicas simples, mas eficientes, como irrigação deficitária, monitoramento da tensão de água no solo, estímulos vegetativos (dormência), entre outras, é possível uma boa florada.

Entretanto, essas técnicas têm de ser aplicadas antes da florada do cafeeiro para surtir melhores resultados. Com isso, além de antecipar a colheita da primeira safra, é possível pagar rapidamente o que foi investido na irrigação. Sem falar no aumento da produtividade até mesmo em solos arenosos. Basta um bom sistema de irrigação por gotejamento, por exemplo, para tornar a produção de café viável.

Confira abaixo as técnicas de irrigação inteligente na pré-florada do cafeeiro:


->Proceder à irrigação deficitária do cafeeiro, ou seja, oferecer um volume limitado de água à plantas, para que a florada e a produção dos frutos seja mais uniforme, o que facilita a colheita e melhora a qualidade da bebida;

->A irrigação deficitária submete o cafeeiro a déficit hídrico, mas sem que a planta sofra estresse. Para isso, é importante manter o equilíbrio da umidade do solo na camada superficial, entre capacidade de campo, que corresponde à água facilmente disponível, e o ponto de murcha permanente, que equivale ao teor de umidade no qual a planta deixa de absorver água do solo;

->Ao passar pela condição de déficit hídrico, o cafeeiro não pode apresentar sintomas de murcha, amarelecimento e quedas de folhas. Para evitar que isso ocorra, é essencial monitorar a tensão de água no solo, o que garante o nível ideal da umidade do solo;

->Para sincronização floral e uniformidade na produção de grãos, o cafeeiro deve ser mantido em um período de dormência, sem que haja estímulos vegetativos. Dessa forma, a floração do cafeeiro não é induzida antes do tempo;

->Por fim, o cafeicultor deve realizar continuamente o monitoramento da umidade do solo, umidade relativa do ar, temperatura e radiação para que as técnicas surtam o efeito esperado.

Conheça os Cursos CPT da Área Cafeicultura:

Passo a Passo para se Obter Café de Qualidade

Colheita Mecanizada de Café

Produção de Mudas de Café em Saquinhos e Tubetes

Fonte: grupocultivar.com.br

Por Andréa Oliveira

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis E-book Guia Essencial ao Cafeicultor de Sucesso

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!