Pastagens para caprinos: altura e densidade da gramínea

Para que seja atingida a capacidade máxima de ingestão ao menor espaço de tempo possível, dois fatores são fundamentais: altura e densidade da gramínea

Pastagens para caprinos: altura e densidade da gramínea   Artigos Cursos CPT

 

Na implantação de pastagens para caprinos, devemos levar em conta que o pastejo demanda do animal gasto de energia, e além de tudo gera desgaste, e até mesmo cansaço. Por isto, é fundamental adequar o estabelecimento e manejo das pastagens ao hábito alimentar de cada espécie animal, de maneira que seja atingida a capacidade máxima de ingestão ao menor espaço de tempo possível, reduzindo-se esse desgaste.

“Os dois fatores fundamentais para que isso ocorra são a altura e a densidade da gramínea. Quanto mais densa e maiores as folhas, mais eficiente será o pastejo”, relata Maria Pia Souza Lima Mattos de Paiva Guimarães, professora do Curso a Distância CPT Criação de Cabras Leiteiras - Instalações, Raças e Reprodução, em Livro+DVD e Curso Online.

Outro fator a levar em conta é que a maneira de pastejar dos caprinos, cortando folhas e talos com os dentes frontais, determina que eles retirem a forragem de uma forma muito rente ao solo, a até 0,5 cm de altura, o que é bem pouco, se considerarmos que os bovinos, por exemplo, conseguem pastejar com eficiência quando a altura da forrageira é de no mínimo 20 cm. Por causa dessas características de pastejo dos caprinos, deve-se dar preferência às gramíneas de porte mais baixo, com hábito de crescimento prostrado, que apresentam gemas de crescimento situadas na base da planta, onde são menos atingidas pelo pastejo mais baixo.

Essas gemas são pontos de crescimento constituídos por tecidos jovens, com alto poder de multiplicação, justamente de onde surgem os novos brotos, que vão gerar novas folhas. É necessário, por isso, no manejo da pastagem, evitar ao máximo que os animais, ao consumirem o pasto, retirem esses pontos. Caso isso venha a acontecer, o tempo para a planta restabelecer seu crescimento normal aumenta, fazendo com que a área fique vulnerável às plantas invasoras, contribuindo para o processo de degradação do pasto. Além disso, a planta vai perdendo suas reservas nutricionais, gerando brotações cada vez mais raquíticas, o que leva a pastagem a ficar cada vez menos produtiva.

Aprimore seus conhecimentos sobre o assunto. Leia a(s) matéria(s) a seguir:


- Especialista: Criar cabras é fácil. Basta ter planejamento!
- Criação de cabras leiteiras: como deve ser o capril
- Vai criar cabras de leite? Conheça seus hábitos alimentares

Quer saber mais sobre o Curso? Dê Play no vídeo abaixo:


 

Conheça os Cursos a Distância CPT, em Livros+DVDs e Cursos Online, da área Criação de Cabras.
Por Silvana Teixeira.

Cursos Relacionados

Curso Criação de Caprinos de Corte Curso Criação de Caprinos de Corte

Com Prof.ª Dr.ª Cristiane Leal dos Santos

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Criação de Cabras Leiteiras - Instalações, Raças e Reprodução Curso Criação de Cabras Leiteiras - Instalações, Raças e Reprodução

Com Prof.ª Maria Guimarães

R$ 426,00 à vista ou em até 12x de R$ 35,50 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais
Curso Criação de Cabras Leiteiras - Cria, Recria e Produção de Leite Curso Criação de Cabras Leiteiras - Cria, Recria e Produção de Leite

Com Prof.ª Maria Guimarães

R$ 426,00 à vista ou em até 12x de R$ 35,50 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Outros artigos relacionados à área Criação de Cabras

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade