Fertirrigação de pastagem - técnica de grande benefício ao meio rural

A fertirrigação de pastagem é muito benéfica ao meio rural, já que aumenta o consumo de nutrientes e a atividade de vida do solo, por meio da reposição equilibrada de nutrientes via adubação

 

Sistema de irrigação

A irrigação de pastagem é uma técnica que traz muitos benefícios ao meio rural. Deve ser encarada como um processo de suprimento de água para as culturas, na quantidade e na hora correta, evitando, assim, desperdícios de água e gastos desnecessários. Sua principal função é proporcionar um aumento no consumo de nutrientes e aumentar a atividade de vida do solo. Isso significa que, se não houver uma reposição equilibrada de nutrientes, via adubação, o sistema pode entrar em colapso. Em resumo, de nada adianta irrigar as pastagens sem fazer adubação.

A necessidade de água pelas plantas varia de acordo com a fase de desenvolvimento e com as condições climáticas locais. Plantas jovens, por exemplo, consomem menos água que plantas adultas em pleno desenvolvimento. Além disso, plantas cultivadas em local de clima seco e quente necessitam, diariamente, de maior quantidade de água, se comparadas com outras cultivadas em ambientes úmidos e com temperaturas amenas.

Na pecuária a pasto, a irrigação tornou-se o nível tecnológico mais elevado a ser atingido e tende a se tornar, com o tempo, uma alternativa de grande viabilidade para a maioria das propriedades. No entanto, alguns erros grosseiros são comumente cometidos nos sistemas de irrigação de pastagens atualmente aplicados no Brasil. São eles:

Erros mais cometidos com a irrigação de pastagens:

- Irrigação feita com tempo frio (2 a 4oC no solo).
- Irrigação feita com o solo já úmido.
- Excessivo abastecimento de água, deixando a planta “mal habituada”.
- Excesso de água também aumenta as perdas de nutrientes por lixiviação e diminui a aeração.
- Irrigar de mais ou de menos.

A fertirrigação

A fertirrigação é a dissolução de fertilizantes solúveis em água e a aplicação da solução produzida através do sistema de irrigação. São benefícios da fertirrigação:

- Redução dos custos de aplicação de fertilizantes de 50% a 87% dada a economia de mão de obra, maquinário e equipamentos;
- Reduz a compactação do solo, já que ocorre uma redução muito grande na passagem de máquinas pela área; e
- Os adubos são aplicados de forma mais uniforme, principalmente os micronutrientes, que são aplicados em pequenas quantidades, o que impossibilita a regulagem das máquinas convencionais encontradas no mercado.

Ter um sistema de irrigação e não aproveitar as vantagens da fertirrigação é um contrassenso, pois o aumento de custos com a irrigação da pastagem poderá ser compensado pela redução nos custos com adubação, por causa do melhor aproveitamento dos fertilizantes e da redução nos custos de aplicação.


Por Silvana Teixeira.
Conheça o Curso CPT Manejo de Pastagens.

Cursos Relacionados

Curso Formação de Pastagens Curso Formação de Pastagens

Com Prof. Adilson Aguiar e Prof.ª Bianca Almeida

R$ 398,00 à vista ou em até 12x de R$ 33,17 sem juros no cartão

Frete Grátis 2 ou mais Cursos
Saiba mais

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Comentários

joaquim martins

19 de abr de 2018

manejo para criação de boi em 40 hec.

Resposta do Portal Cursos CPT

20 de abr de 2018

Olá Joaquim,

Para mais informações sobre este conteúdo, cadastramos seu e-mail para receber nosso boletim informativo sobre pecuária de corte.

Atenciosamente,

Ana Carolina dos Santos

Outros artigos relacionados à área Pastagens e Alimentação Animal

Últimos

Mais Lidos

Atendimento Online
Quer Facilidade